quinta-feira, 16 de julho de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Volta Redonda adere à Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe

Volta Redonda adere à Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe

Matéria publicada em 9 de abril de 2019, 17:37 horas

 


Imunização contra gripe começa nesta quarta-feira, dia 10, nas unidades da Atenção Básica; primeira semana é voltada para crianças e gestantes

Volta Redonda-  A cidade segue a orientação do Ministério da Saúde e inicia nesta quarta-feira, dia 10, a Campanha de Vacinação contra Influenza. A imunização contra gripe segue até o dia 31 de maio, sendo o sábado, dia 04 de maio, o Dia D de Vacinação. Em Volta Redonda, a vacina estará disponível em todas as 44 unidades da Atenção Básica, das 8h às 17h. As doses também serão aplicadas na Policlínica do Idoso, no Jardim Paraíba; Policlínica da Mulher e no CDI (Centro de Doenças Infecciosas), ambos no Aterrado.

A coordenadora da Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, Milene Paula de Souza, alerta que a primeira semana de vacinação, entre os dias 10 e 18 de abril, é voltada para um público específico.

– Nos primeiros dias de campanha, devem se vacinar as crianças de seis meses até cinco anos e as gestantes – avisou, lembrando que nesse período também será realizada atualização da Caderneta de Vacinação dessas crianças.

A partir do dia 24 de abril (quarta-feira) até 31 de maio, começa a vacinação de todos os grupos prioritários que inclui as puérperas (mulheres no período até 45 dias após o parto); o trabalhador da área de saúde; professores; pessoas com 60 anos ou mais, apresentando documento para comprovação de idade; pessoas com doenças crônicas não transmissíveis; povos indígenas; população e funcionários do sistema prisional.

O secretário de Saúde de Volta Redonda, Alfredo Peixoto, informa que o objetivo da imunização contra gripe é reduzir as complicações, as internações e a mortalidade decorrentes das infecções pelo vírus da influenza na população.

– Todos os moradores que fazem parte dos grupos de risco devem procurar uma das 44 unidades de saúde da Atenção Básica ou as policlínicas do Idoso e da Mulher para se vacinar – afirmou.

O prefeito Samuca Silva pede que a população alvo da campanha procure a unidade de saúde mais perto de casa.

– Vacinação é sinônimo de prevenção. Como cidadãos, podemos ajudar a divulgar a campanha, conversando com vizinhos, no trabalho e utilizando as redes sociais – disse.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Avatar
    Ele despreza uma classe que é grande em VR

    Esse Prefeito está deixando a cidade em situação muito ruim. Essa a mudança tão tagarelas??? NAo conte com meu voto.

  2. Avatar
    Cidadão consciente.

    Ao comparecer à unidade da Policlínica da Saúde, uma idosa foi informada de que o calendário da vacinação dos idosos contra a gripe somente vai ser divulgado após dia 24 de abril e que seria necessário atestado médico para vacinar-se. Essas informações estão contraditórias com as noticiadas veiculadas acima.Parece que o pessoal desse posto de saúde não está prestando informações esclarecedoras sobre a vacinação. Além disso, quem depende do SUS para obter um atestado médico pode não conseguir a tempo. O pessoal do atendimento não está bem informado ou estão lerdos, devido a excessos no uso do Whatsapp. Porque a maioria da população fica o tempo todo ligado nas redes sociais, mas não sabe nada do que está acontecendo.Alienados úteis.

  3. Avatar
    Morador cada vez mais decepcionado

    No tempo do Neto , os idosos também eram privilegiados nos primeiros dias. Fica a saudade de quem realmente se importa com as pessoas de um modo geral.

Untitled Document