sábado, 21 de setembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Volta Redonda solicita doses de vacina tríplice viral e pentavalente ao Estado

Volta Redonda solicita doses de vacina tríplice viral e pentavalente ao Estado

Matéria publicada em 21 de agosto de 2019, 19:01 horas

 


Volta Redonda- A secretaria municipal de Saúde solicitou ao Governo do Estado três mil doses de vacinas tríplice viral e pentavalente. A distribuição e o abastecimento são de responsabilidade do Ministério de Saúde, através da Secretaria Estadual de Saúde. Ao município, cabe a aplicação da vacina ao público alvo. A secretaria informou que, as requisições são feita mensalmente e o Estado faz a entrega nos municípios, no início de cada mês.

– O município não produz vacina, a vacina vem dos governos Estadual e Federal. Em nossa última requisição solicitamos três mil doses da vacina pentavalente e o Estado mandou 50 doses. Tentamos administrar da melhor forma, mas com essa pouca oferta e muita procura acabamos zerando nosso estoque – frisou o secretário Alfredo Peixoto.

A vacina pentavalente é disponibilizada em três doses e obrigatória para crianças de 2, 4 e 6 meses de idade, que imuniza o bebê contra difteria, tétano, coqueluche, meningite e hepatite.

O município também solicitou o aumento no repasse da vacina tríplice viral, diante da recomendação do Ministério da Saúde de que todas as crianças de 06 a 11 meses receberem uma dose extra da vacina contra sarampo.

– Vale lembrar que essa dose não substitui ou elimina a necessidade de tomar a tríplice viral que é contra sarampo, caxumba e rubéola aos 12 e aos 15 meses. O problema é que o município só possui 700 doses que seriam para atender a demanda normal de vacinação no município. Por isso estamos solicitando ao Governo do Estado que nos envie mais doses, para que possamos atingir toda a população – comentou o secretário de Saúde.

Enquanto o Governo do Estado não repassar as doses suficientes, a SMS orienta a população que precisa destas duas imunizações entrar em contato com a unidade de saúde mais próxima da residência. A secretaria está organizando uma fila de espera enquanto administra as doses existentes e as que estão para chegar no início do próximo mês.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

2 comentários

  1. Avatar
    Leitora Esclarecida

    O problema da falta da penta foi a Anvisa que recusou o lote. E a tríplice é que foi noticiado pela mídia a necessidade de tomar a vacina antes que o ministério da saúde distribuisse as doses. Volta Redonda fez certo está solicitando sua demanda.

  2. Avatar

    Enquanto isso o governador juiz está gastando com efetivo e recursos para metralhar junto com o prefeito de Angra os próprios eleitores e ainda mobilizar um exército de policiais para abater um único homem sequestrador do ônibus na ponte rio-Niterói.

    kkkkkkkkkk

    VAI VENDO AÍ o que dá votar em candidatos que NÃO CONHECEM a Administração Pública e NÃO ENTENDEM de Gestão Pública.

Untitled Document