>
sexta-feira, 19 de agosto de 2022 - 23:36 h

TEMPO REAL

 

Capa / Ciência – Por Jorge Calife / O Artemis 1 está pronto para voar

O Artemis 1 está pronto para voar

Matéria publicada em 6 de julho de 2022, 17:13 horas

 


Superfoguete vai levar a primeira mulher para a superfície da Lua

Pronto: O foguete de 23 bilhões de dólares

O super-foguete SLS, da altura de um prédio de 30 andares, completou seus testes finais e esta pronto para ser lançado em direção a Lua. É o primeiro passo para a realização do projeto Artemis, que pretende enviar uma mulher para andar na superfície da Lua em 2026. O projeto foi criado pelo governo Trump mas terminou sendo finalizado pelo seu sucessor, Joe Biden. Originalmente a data para o desembarque lunar estava prevista para 2024, mas o projeto atrasou e agora não vai acontecer antes de 2026. Mas o foguete deve voar em agosto, fazendo um teste, sem tripulantes, orbitando a Lua e retornando para a Terra.

Com 111 metros de altura o SLS já custou 23 bilhões de dólares ao governo norte-americano. Mas é bom lembrar que todo esse dinheiro não será jogado fora no espaço. Ele gerou empregos e tecnologias novas na indústria aeroespacial norte-americana. Recentemente o governo chinês negou acusações do diretor da Nasa, Bill Nelson de que a China pretende dominar a Lua. Mas a verdade é que a agência espacial americana enfrenta uma corrida com os chineses pelo domínio do espaço sideral. A China deve concluir este ano sua nova estação espacial, em órbita terrestre, e assinou um acordo de cooperação com a Rússia para instalar uma base tripulada no polo sul da Lua. Atualmente os chineses tem um veículo robô, Rover, explorando aquela região da Lua.

Com o final do programa do ônibus espacial, em 2012, a ameaça de desemprego generalizado pairou sobre os trabalhadores da indústria aeroespacial americana. Para evitar isso o governo Obama criou o projeto Constellation. Para a construção de um super foguete capaz de enviar os astronautas americanos de volta para a superfície lunar. Desde o início o foguete SLS foi projetado para usar os motores e outros componentes do ônibus espacial. O que manteria as fábricas desses componentes funcionando e evitaria o desemprego.

O sucessor de Obama, presidente Donald Trump, transformou o projeto Constellation no Artemis, mas manteve o foguete SLS no programa. A ideia era enviar um astronauta do sexo feminino para a Lua, já que os homens andaram por lá em 1969, durante o projeto Apollo. Trump queria comemorar o final do seu segundo mandato, em 2024, com o desembarque feminino na Lua. Mas perdeu a eleição para o Joe Biden que teve que alterar o cronograma do projeto para 2026.

Nos últimos anos o programa Artemis sofreu uma série de atrasos e aumentos de custos. O último teste do foguete, antes do lançamento, é o chamado “ensaio molhado”. Onde o foguete é colocado na plataforma de lançamento e carregado de combustível. No caso hidrogênio e oxigênio líquidos. Isso devia ter acontecido em abril passado, mas uma válvula emperrou e o foguete teve que ser mandado de volta para o hangar. Na semana passada tudo correu bem, apesar de um vazamento na tubulação de hidrogênio líquido. A agência espacial Nasa considerou o teste satisfatório e o foguete agora vai passar por uma inspeção geral antes do lançamento em agosto.

A missão Artemis 1 vai enviar a cápsula espacial Orion para dar uma volta e meia em torno da Lua. Se tudo correr bem, e a nave retornar intacta para a Terra, o próximo voo será com astronautas, a Artemis 2, que levará três pessoas para dar voltas ao redor da Lua em 2024. E finalmente a coroação do projeto, a Artemis 3, com o pouso lunar, deve acontecer em 2026. Mas quem será a primeira mulher a pisar na Lua. A candidata mais provável é a astronauta Stephanie Wilson.

 

Jorge Luiz Calife

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Se depois de tantos anos, o homem não conseguiu retornar à lua é porque ainda não esteve por lá. Os americanos precisam ficar muito amistosos com os Chineses. Tem um robot andando na superfície da lua e não vai demorar até constatar que até hoje ninguém pisou lá.

  2. É uma falácia o ser humano pisar na lua. Tal façanha, se tivesse realmente sido consumada em 1969, certamente teria se repetido quando montaram o ônibus espacial.

  3. Vamos considerar que em 1969, (portanto há 24 anos passados), o Sr. Neil Armstrong pisou na lua. A pergunta é: _ Como é que depois de tanto avanço tecnológico ninguém mais conseguiu pisar de novo lá?????

Untitled Document