domingo, 21 de abril de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Colunas / 2019: Um ano horrível para o Brasil

2019: Um ano horrível para o Brasil

Matéria publicada em 19 de março de 2019, 08:33 horas

 


Nossa sociedade precisa com urgência de uma boa autocrítica

2019: Dois meses e meio de desgraças sucessivas – Foto: Reprodução

O ano de 2019 ainda está no início e o Brasil continua a viver uma sucessão de tragédias. Em dois meses e meio já tivemos a catástrofe da barragem de Brumadinho, com mais de 300 mortos. Depois tivemos o incêndio no alojamento dos atletas do Flamengo, com dez mortos, a queda do helicóptero que matou o jornalista Ricardo Boechat e o piloto, as chuvas catastróficas no Rio e em São Paulo e agora, antes de março chegar ao meio, temos o massacre na escola de Suzano, com dez mortos.
A mídia anda sem fôlego. Mal acabam de analisar e comentar a última desgraça e já acontece outra. Estamos vivendo uma situação que a rainha da Inglaterra, sua majestade Elizabeth II, uma vez chamou de “Annus horribilis” expressão latina que significa ano horrível. Em oposição ao Annus mirabilis, o ano maravilhoso em que só acontecem coisas boas. No caso do Brasil as desgraças são uma consequência de uma cultura do descaso e do abandono. O célebre “deixa como estar pra ver como é que fica”.
O que mais surpreendeu este colunista, no dia do massacre de Suzano, foram os pronunciamentos das nossas “autoridades competentes”. Um deles chegou a dizer que “o massacre não faz parte da nossa cultura”. Eu me pergunto em que país ele vive. Só no ano de 2017 cerca de 60 mil brasileiros morreram assassinados nesta terra de Palmeiras de sabiás. É mais do que as vítimas do Estado Islâmico na guerra da Síria. Vivemos um estado de guerra não declarada onde o cidadão brasileiro, supostamente afável e cordial, mata seu semelhante por qualquer motivo fútil.
A mulher não quer mais viver com ele. Ele pega uma arma e mata a ex-companheira. É só olhar as estatísticas de feminicídio no Brasil. Doze mulheres foram assassinadas por dia no nosso país, só em 2017. Ao todo foram 4473 homicídios só de mulheres naquele ano. E ainda dizem que o Brasil é “um país abençoado por Deus”. Imagine se não fosse. Nossa sociedade precisa urgentemente de uma autocrítica que deve começar com o desmantelamento de velhos mitos e ilusões que só servem para mascarar nossas mazelas.
O brasileiro não é um povo pacífico e cordial. É um povo extremamente violento. Basta dar uma olhada na nossa história. Nos massacres da Guerra do Paraguai e de Canudos. Na longa história de violência do campo que gerou o fenômeno dos cangaceiros no passado. Durante anos a esquerda brasileira vendeu o mito de que a violência era um produto da ditadura militar. Com o fim da ditadura não teríamos mais torturas nem assassinatos e viveríamos no paraíso.
O último general presidente deixou o poder em 1984 e com a democracia a violência brasileira só aumentou no lugar de diminuir. Porque ela esta entranhada na nossa cultura, não é o produto de um governo ou de um regime. A prática da tortura, por exemplo, que antes acontecia “nos porões da ditadura” se espalhou pelos morros e periferias das cidades. Onde brasileiros continuam a ser torturados e mortos, não mais por militares e sim por gangues de traficantes de drogas e de milicianos.
Além da cultura da violência, temos a cultura do descaso. Do viaduto e da barragem que são construídos pelo método mais barato e mais perigoso. Porque assim a empresa construtora tem mais lucro. Do motorista de ônibus que é obrigado a trabalhar como cobrador, colocando a vida dos passageiros em risco, porque assim a empresa lucra mais. Do avião que decola com um defeito nos freios, porque afinal ele esta voando, não vale a pena fazer um conserto.
Nosso desfile interminável de tragédias não vai terminar enquanto a sociedade brasileira não encarar de frente essa realidade abominável. Afinal 2019 esta só começando e ninguém aonde vamos parar.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

14 comentários

  1. Avatar

    Guto ,o maior dos hipócritas,um camaleão rosácea até seus ídolos com pés de barro naufragarem em idiotices e sandices,o assunto é o Brasil atual e ele vem falar do que mais gosta e tem atração,Jean Willys ,Freud explica!!!!!!!

  2. Avatar

    Vem de encontro àquilo que sempre digo. O pior do Brasil é o brasileiro, seja ele nativo ou emigrado… Aliás, só veio o refugo para cá, tanto da África quanto da Europa. Derrotados em guerras, imprestáveis, preguiçosos, criminosos, apóstatas (como os cristãos-novos)…

  3. Avatar

    O jeitinho brasileiro demonstrando sinais de fadiga total.

  4. Avatar
    EUA Acima de tudo é todos

    E o slogan da campanha,enganou os bolsoloides

  5. Avatar

    Péssimo ano, aumento da light de 11,5 e o salário ,isso para quem está empregado,onde iremos parar?

  6. Avatar
    Volta Redonda que eu quero

    É triste concordar…pagamos tantos impostos..em tudo que fazemos e até pedágios sem retorno.
    Somente quando as instituições públicas começarem a realmente exercer sua função no que fiz respeito a fiscalização, acompangento, e exigências, teremos um melhor país.

  7. Avatar

    O Brasil é sem dúvida uma” terra”, mais que abençoada por Deus… Quem não está correspondendo a bênção divina é o ser humano q a habita. Melhor país pra se morar, terra produtiva e rica naturalmente, contudo a ganância do ser humano está obrigando a natureza a colocar os pingos nos is e a terra no eixo, pois do contrário a humanidade a destruirá. Isso tudo que vem acontecendo já era previsto e está no livro sagrado. Só não crê quem não quer. 2019 ano da provação humana. Vamos aguardar. Que Deus tenha misericórdia de todos nós.

  8. Avatar

    Abriram a caixa de Pandora ,isso é só o começou.

  9. Avatar

    Depois de tantas tragédias no Brasil,, causadas por descaso, jeitinho, desejo de lucro fácil, falta de educação, corrupção, injustiça, etc…, é de se indignar quando alguns babacas por aí, mandam a gente ir para Cuba. Os idiotas, mal informados, desconhecem que Cuba , o único país verdadeiramente independente das Américas, não sofre desses males, mesmo com o covarde embargo praticado pelos capitalistas ianques.
    Se fosse mais jovem, não teria dúvidas em morar em Cuba, que tem um povo educado, bonito e valente. Mas, o que desejaria mesmo é que o Brasil, com sua riqueza natural, fosse Cuba : seríamos, com certeza, uma das maiores nações do planeta.

    • Avatar

      É a realidade o que escreveu, mesmo que alguns não queiram ver.

    • Avatar

      A Coreia do Norte também é um país lindo e pacífico, Venezuela, Bolívia, China, tudo exemplo de democracia!!!

    • Avatar

      Se Cuba fosse tão maravilhosa assim, Jean Wyllys teria fugido para lá, mas ele fugiu para a França, depois para a Alemanha, mesmo sendo França e Alemanha à favor de Juan Guaidó e contra Maduro!
      Os políticos safados e artistas da globo defendem o comunismo, mas vão morar ou visitar países capitalistas, nunca visitam países comunistas!
      Hipocrisia, hipocrisia, hipocrisia, hipocrisia…

  10. Avatar

    As milícias surgiram durante o regime ditatorial civil-militar, a Obam, o Mão Branca e outras.

Untitled Document