sexta-feira, 25 de setembro de 2020 - 04:34 h

TEMPO REAL

 

Capa / Colunas / Domingo tem eleição

Domingo tem eleição

Matéria publicada em 5 de outubro de 2018, 08:22 horas

 


Será a disputa entre o Bolsa Família e o Bolsonaro

Eleição: Brasil vai às urnas dividido

Como acontece de quatro em quatro anos, domingo que vem tem mais uma eleição. Desta vez os brasileiros estão polarizados entre os dependentes do Bolsa Família e os seguidores do Jair Bolsonaro, que anda disparando nas pesquisas de intenção de voto, se bem que pesquisa não ganha eleição. Mas por enquanto o quadro está bem definido. De um lado os saudosistas que acham que a volta do PT ao poder significa a volta da fartura e da gastança do primeiro governo Lula, quando o Brasil era outro e o governo torrava dinheiro em programas como Bolsa Família, Minha Casa Melhor, Minha Casa Minha Vida, Bolsa Novela e outros. Se esquecem de que hoje o Brasil vive a maior recessão de sua história e não importa quem vença as eleições, o próximo presidente vai ter que conter os gastos.

Os fãs do Jair Bolsonaro são aqueles que não aguentam mais o clima de insegurança que tomou conta do Brasil, principalmente os empresários que perdem dinheiro com o roubo de cargas, a as famílias que perderam parentes vitimas de latrocínio ou de tiroteios. Assim como os adeptos do Partido dos Trabalhadores sonham com a volta da euforia do pré-sal, os eleitores de Bolsonaro sonham com a segurança e a tranquilidade dos tempos do regime militar. Quando você podia andar tranquilo pelas ruas do Rio de Janeiro, sem medo de assalto e bala perdida. E os moradores da zona rural e da periferia não eram importunados por milicianos e traficantes. Duas pragas desses tempos de país sem lei.

Se Haddad vai ter dificuldade de manter os benefícios da era Lula, Bolsonaro também não vai conseguir trazer de volta a segurança perdida, de uma hora para outra. O presidente eleito é só isso, um presidente da república. Ele não tem poderes de ditador para mudar a constituição e terá que fazer alianças para ter seus projetos aprovados no Congresso e no Senado. E a intervenção federal no Rio de Janeiro já mostrou que colocar tropas nas ruas não resolve o problema.

Com seu estilo brucutu, Jair Bolsonaro me lembra o americano Donald Trump. Acho que eleito, Bolsonaro vai se tornar um Trump brasileiro, com um estilo truculento semelhante ao do seu colega americano. O que pode não ser de todo ruim. Afinal, apesar de todas as suas mancadas na política externa, Trump conseguiu reduzir o desemprego nos Estados Unidos, acabou com a recessão e é isso o que importa para o povo americano. O Brasil não é uma superpotência como os Estados Unidos, o nosso presidente, seja ele quem for, vai ter um desafio bem maior para gerar empregos e enxugar as contas públicas. A dívida pública brasileira já passa de um trilhão de reais, o que representa um desafio para qualquer um que saia vitorioso nessas eleições.

Não acredite no bordão do palhaço, de que pior do que esta não fica. Já ficou pior e pode ficar ainda pior. Imagine se o PT assume o governo e começa a gastar dinheiro sem controle que nem nos tempos da Dilma e do Lula. O Brasil pode quebrar que nem a Grécia. Tendo que pedir ajuda ao FMI.  E aí teremos uma recessão muito pior do que a atual. Não dá, nos tempos atuais, para distribuir dinheiro, como naquele programa Minha Casa Melhor, quando o governo Lula financiou a compra de geladeiras e fogões para os inscritos no Minha Casa Minha Vida. O que acabou deixando uma boa parte da população com uma dívida impagável. Que nem o governo.

Tem gente que não está nem aí. Como a moça que trabalha no supermercado onde faço as compras. Ela me disse ontem que prefere pagar multa, mas não vai votar. E explicou: Eu trabalho de segunda a sábado, o domingo é o único dia que tenho para descansar. Eu não vou descer o morro para entrar em fila e votar. Prefiro pagar a multa!”. O que mostra que esse negócio de voto obrigatório não está funcionando mais.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

8 comentários

  1. Avatar

    “E a intervenção federal no Rio de Janeiro já mostrou que colocar tropas nas ruas não resolve o problema.” Isso eu já dizia bem antes. Querer combater a violência com violência não tem como ter êxito; ao contrário, é preciso agir com inteligência e muito estudo. A sociologia já sabe que o PCC não é uma facção. Eles agem como …………. ( eu não vou dizer aqui, né?) E claro, as forças de segurança não sabem disso e nem como agir.

    VAI VENDO Aí o que dá votar em candidatos que NÃO CONHECEM a Administração Pública e NÃO ENTENDEM de Gestão Pública.

    Legal é a moça do supermercado. Ela não vai descer o morro e enfrentar fila (onde?) para votar, MAS vai enfrentar fila no TRE para pegar a guia e novamente enfrentar fila no banco para quitar a multa eleitoral, além de contribuir com as campanhas dos candidatos, muitos deles bandidos. kkkkkkkkkkkk

    O brasileiro devia ser estudado pela nasa.

  2. Avatar

    Nossa bandeira jamais será vermelha ,por isso dia 7 é 17.

  3. Avatar

    A Dona Florinda de Pinheiral foi de Mineirinho do Helicoca e agora vai de Bozonazi..

    • Avatar

      O ‘Cidadão de Bem’ divulga fake news até no nickname! O ‘Cidadão de Bem’ devia colocar o nickname de ‘El Diablo’ ou ‘Grande Satâ’, pois o ‘Cidadão de Bem’ defende toda a CORJA do Lula e dos petistas, que roubaram o Brasil durante treze anos!

      O ‘Cidadão de Bem’ foi de Dilma da Mandioca e agora vai do poste Haddad…

      Como diria o ex-Senador Mão Santa: “A ignorância é audaciosa!”….

    • Avatar

      Se o patrão molusco mandar votam até no macaco Tião.Famoso voto de cabresto.

    • Avatar

      A culpa não é do pobre de direita nervosinho com Síndrome de Dona Florinda. Vcs votaram no Aécio…

  4. Avatar

    O PT na época do Lula enviu bilhões de reais para o Hugo Chavez na Venezuela, quando o país venezuelano estava muito bem, pois o preço do petróleo estava alto! Gastou dinheiro brasileiro para ajudar a ditadura de Chavez e Maduro! No entanto, se Lula tivesse enviado metade desse dinheiro para o Nordeste teria ajudado a acabar com a seca nordestina e tornado o Nordeste um grande produtor de alimentos para o mercado interno e para o mundo!
    O PT não é ruim apenas pela corrupção, mas, principalmente, pela má administração e incompetência em administrar tanto questões básicas como a saúde e a educação quanto questões mais complicadas como o desenvolvimento científico e tecnológico do país!
    No entanto o PT foi o partido mais corrupto que já existiu no mundo! Criou o Maior #Esquema de Corrupção do Mundo, e muitos políticos e empresários de outros países como a Colômbia, o Peru, o Equador, etc… estão sendo preso em seus países, por terem participado nesse Mesmo Esquema Corrupto criado pelas mentes criminosas de Lula e José Dirceu!
    Entre o poste do Lula, que não vai tomar nenhuma decisão sem antes consultar seu mentor dentro da cadeia e o Jair Bolsonaro, que durante 30 anos se manteve intocável pela corrupção, por mínima que seja, eu fico com o Bolsonaro 17…
    Como diria o ex-Senador Mão Santa: “A gente faz apenas uma vez na vida nascer, morrer e votar no PT!…

  5. Avatar

    Deus me livre PT de volta,seu assistencialismo barato funciona por um curto período,depois estoura a economia do país,fora a roubalheira.
    É 17 nas cabeças.Pra ganhar no primeiro turno.

Untitled Document