terça-feira, 21 de maio de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Colunas / III Mostra de Cenas Curtas ChãoDeEstrelas

III Mostra de Cenas Curtas ChãoDeEstrelas

Matéria publicada em 16 de janeiro de 2019, 08:30 horas

 


Evento será realizado no mês de março; edital já está disponível

O Grupo ChãodeEstrelas de Angra dos Reis lançou essa semana o Edital da III Mostra de Cenas Curtas que acontecerá entre os dias 29 e 31 de Março, no Teatro Câmara Torres, localizado no CCTM – Centro Cultural Theophilo Massad. Com o objetivo de estimular a criatividade e promover o encontro de artistas, além de abrir espaço para o desenvolvimento de pesquisa da linguagem teatral e revelação de novos talentos, a terceira Mostra visa proporcionar ao público o acesso a uma diversidade maior de linguagens teatrais.
As inscrições serão realizadas pelo e-mail chaoteatro@gmail.com e os responsáveis por cada cena deverão encaminhar no ato da inscrição, os seguintes itens: Três fotos da cena, sinopse da cena, proposta de encenação e ficha técnica completa constando o nome da equipe que compõe a direção, elenco, texto, sonoplastia e iluminação.
Os interessados devem se atentar na duração das cenas que não podem ultrapassar 15 minutos, sendo penalizado e até desclassificado aquele que ultrapassar esse tempo. Além do tempo, os participantes precisam pensar suas cenas para o formato de palco italiano (formato tradicional onde o público se localiza de frente para o palco), ter cenários e recursos técnicos de fácil montagem e desmontagem, e serem responsáveis pela arrecadação e despesas com liberação de direitos autorais (ECAD, SBAT ou órgão responsável).
Serão selecionadas até 16 cenas para se apresentar nessa edição e a seleção das cenas será feita por uma comissão formada por integrantes do Grupo ChãoDeEstrelas, mais três artistas convidados da cidade de Angra dos Reis. No dia do evento haverá uma comissão de jurados que escolherão os destaques nas seguintes categorias: Ator, atriz, Direção, Texto Original, Figurino, Cenário, Iluminação, Sonoplastia, e as três cenas destaques.
Não percam as oportunidades e se inscrevam na Mostra.

Lei de Incentivo e Edital do Fundo Municipal de Cultura

A fim de promover a cultura e atender aos anseios de longa data da classe artística, a Secretaria Executiva de Cultura normatizou a legislação cultural e a tão esperada Lei de Incentivo Municipal e o Edital do Fundo Municipal de Cultura foram publicados no Boletim Oficial do Município de Angra dos Reis nesta semana.
O objetivo da Lei de Incentivo é promover a cultura no município, atendendo aos anseios de longa data da classe artística e possibilitando investimentos privados em projetos culturais.
Os projetos aprovados pela comissão julgadora receberão um certificado emitido pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico. A partir daí cada produtor poderá buscar seus possíveis patrocinadores. Cada patrocinador terá seus impostos abatidos, seja via ISS ou IPTU, com no máximo 60 dias do desembolso financeiro.
Já o Edital do Fundo Municipal de Cultura apoiará, no mínimo, vinte e quatro projetos divididos em eixos que apresentam valores diferenciados, de acordo com a necessidade de cada projeto apresentado. O edital disponibilizará, em 2019, R$ 455.000,00. As inscrições serão online, através do site da Prefeitura de Angra.
Para sanar as dúvidas sobre Lei de Incentivo e Edital do Fundo de Cultura /Angra dos Reis a Secretaria de Cultura promoverá três encontros marcados para os dias: 22 de janeiro, às 19h, na Sala de Vídeo do Centro Cultural Theophilo Massad, no Centro da cidade; no dia 28 de janeiro, às 19h, no Espaço Mambucaba Cultura e Arte, na Vila Histórica de Mambucaba; e no dia 29 de janeiro, às 19h, na Casa de Cultura Constantino Cokotós, na Vila do Abraão, na Ilha Grande.
A secretária executiva de Cultura e Patrimônio, Marlene Ponciano, ressalta
– A ideia é fazer um workshop objetivo e focado em ensinar aos interessados a inscreverem seus projetos. Esse momento é esperado há muito tempo por artistas e produtores, por isso passamos o ano de 2018 trabalhando na normatização das leis que estavam desatualizadas.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document