terça-feira, 21 de maio de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Colunas / ‘Missão madrinha’

‘Missão madrinha’

Matéria publicada em 4 de abril de 2019, 08:09 horas

 


Confira algumas dicas na hora de definir como será a paleta de cores daquelas pessoas especiais que irão te acompanhar neste momento especial

Foto: Reprodução

Atendendo a alguns pedidos essa semana vamos falar sobre a escolha dos vestidos da madrinha de casamento. Uma ocasião muito importante onde tudo precisa estar bem alinhado para que a data seja perfeita.

Para isso reuni algumas dicas e dúvidas que devem ser abordadas.

– Preciso definir a cor?

Não é obrigatório nem necessário, fica a seu critério essa definição. Caso não deseje não se preocupe, pois ficará tão belo quanto. Porém se preocupe em ficar por dentro das decisões para que não haja repetição entre as cores.

 

– Quero definir uma cor, como faço?

Trabalhe sempre com uma cartela. Afinal a tonalidade que ficará bem para determinada pele talvez não fique bem para outra. Abra um leque de possibilidades assim seu altar e suas fotografias ficarão harmônicos sem desvalorizar ninguém.

 

– Como posso definir essa paleta?

Primeiro defina se o seu casamento terá subtom frio ou quente e parta desse principio. Deixo aqui um exemplo: tons frios fazem parte da família do azul ou azulado e os quentes do verde ou esverdeado.

 

– Deixo o modelo a critério de cada ou padronizo?

Apesar de o efeito impressionar, pode causar confusão entre as madrinhas; uma vez que cada uma possui um corpo diferente, que pode não ficar tão bom no modelo. Ou seja, sempre terá uma madrinha chateada com a decisão. Mas que tal limitar? Leve as madrinhas para o mesmo ateliê, use o mesmo tecido e diferencie os modelos.

 

– Que tal um manual para as madrinhas?

É a única forma de não haver erros. Nele, você explica todos os detalhes sem causar problemas ou deixar alguém chateado. Nele você descreve a cor ou paleta definida e ainda pode dar dicas de modelos que acha adequado ao tipo de cerimônia.

 

 

Dica: Tome cuidado com os tons candy, aqueles clarinhos, sob o flash do fotógrafo alguns ficam branco o que pode causar confusão. Mas claro que para toda regra tem exceção.

Decidiu fazer um casamento all white, clean e quer incluir as madrinhas no mood da festa? Então tudo bem, está em alta e a decisão é sua.  Que tal analisar seu subtom de pele para decidir entre o branco ou off white? Uma maneira simples é analisar suas veias: azuis (fria), opte pelo branco, verde (quente) opte pelo off, mas caso tenha as duas a escolha está liberada pois é neutra.

Outra opção muito usada lá fora e que vem ganhando espaço por aqui é o preto. Combina com casamentos mais contemporâneos trazendo mais modernidade a toda composição.

Estamparia

Uma tendência que vem ganhando espaço e já tem seu lugar no altar. Caso opte pelas estampas escolha o print e de preferência o ateliê. Uma ótima opção é entregar junto ao convite o tecido. Moderno e suave!

 

Agora a decisão é sua!

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document