terça-feira, 11 de agosto de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Aluno da Fevre se destaca na 10ª Olimpíada Brasileira de Matemática

Aluno da Fevre se destaca na 10ª Olimpíada Brasileira de Matemática

Matéria publicada em 19 de julho de 2015, 17:39 horas

 


matematica volta redonda

Volta Redonda –  O aluno Adryel de Souza Arruda de Barros, 16 anos, cursando o 1° ano do ensino médio no Colégio Getúlio Vargas, ganhou uma medalha de ouro na décima edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas 2014 (Obmep 2014), no Nível 2. A cerimônia de entrega de medalhas da décima edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas será realizada hoje, às 15h, no Teatro Municipal, na cidade do Rio de Janeiro.

De acordo com o presidente da Fevre (Fundação Educacional de Volta Redonda), José Luiz de Sá, as escolas da rede municipal de ensino de Volta Redonda sempre tiveram uma boa participação na Obmep.

– Ano passado também conquistamos medalhas nas Olimpíadas de Matemática. Isso demonstra a excelência do ensino aplicado nas escolas da rede municipal em Volta Redonda. Nosso objetivo é que os alunos possam desenvolver suas potencialidades cada vez mais – disse o presidente da Fevre, ressaltando que o resultado faz parte de um trabalho de muita dedicação e empenho dos professores e dos alunos.

-Quero parabenizá-los pela conquista. Isto também mostra os resultados dos investimentos que temos feito na Educação em nosso município. Certamente novas conquistas virão – afirmou José Luiz.

Segundo a mãe de Adryel, Dilcilene de Souza Duarte, o interesse do seu filho por Matemática vem desde os primeiros anos na escola. “Ele é bom em outras matérias, mas a matemática é realmente sua matéria predileta. E ele tem muita facilidade para aprender. Vê-lo alcançando bons resultados com a sua dedicação é muito gratificante”, disse.

Já Adryel de Souza Arruda disse que o que o motivou a se dedicar à Matemática foi a Obmep. “Em 2011 participei da minha primeira olimpíada e conquistei uma medalha de bronze. De lá para cá venho estudando para ganhar essa medalha de ouro. Vou estudar muito mais para garantir outra medalha de ouro esse ano, na edição 2015”, disse o estudante que passa grande parte do seu tempo se dedicando aos estudos.

A primeira fase da 10ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep), reuniu mais de 18 milhões de estudantes de escolas públicas de todo País. A Olimpíada de Matemática é dividida no Nível 1 – estudantes de 6º e 7º anos do Ensino Fundamental; Nível 2 – estudantes de 8º e 9º anos do Ensino Fundamental (no qual Adryel participou); e Nível 3 – para estudantes do Ensino Médio. A segunda fase, que ocorreu em cerca de nove mil centros de aplicação, definiu os medalhistas e ganhadores de menções honrosas. A prova teve seis questões dissertativas, na qual o estudante precisava explicar os cálculos e o raciocínio utilizados. No geral, foram 500 medalhistas de ouro (200 no Nível 2), 1,5 mil de prata e 4,5 mil de bronze, além de 46,2 mil ganhadores de menções honrosas. O estudante de Volta Redonda – que receberá medalha de ouro no Nível 2 – conquistou a 16° posição no ranking totalizado. Também recebem prêmios os professores, escolas e secretarias de educação dos municípios que se destacam pelo desempenho dos alunos. Em 2014 se inscreveram 46.712 escolas, de 5.533 municípios, com estudantes do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental.

 OBMEP

A Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep) é promovida pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (Impa), com recursos dos ministérios da Educação (MEC) e da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). O objetivo é estimular o estudo da matemática nas escolas públicas e revelar talentos.

A Obmep é dirigida aos alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e aos alunos do Ensino Médio das escolas públicas municipais, estaduais e federais, que concorrem a prêmios de acordo com a sua classificação nas provas. Professores, escolas e secretarias municipais de educação dos alunos participantes também concorrem a prêmios. Tem o direito de participar das provas da OBMEP somente os alunos que, na data da realização das provas, estiverem regularmente matriculados nas escolas inscritas na OBMEP.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Avatar

    Parabéns, Adryel, por sua dedicação e tbm aos pais que o apoiam!

    Quanto às escolas de VR só ganharam o mérito de ter o aluno, e graças à Deus não foi influenciado pelos professores que dizem ser educadores e esquecem da instrução.

    O Adryel não merece ser taxado de ÊTA POVINHO.

  2. Avatar

    O mérito é 90 % do aluno Adryel que merece nossos parabéns pela sua dedicação aos estudos. Agora falar em investimento na educação com toda essa ênfase é um assunto a se discutir.

  3. Avatar

    Parabéns Adryel, todos estamos orgulhosos de seu feito…

Untitled Document