quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Destaque / Alunos de Engenharia Civil do UniFOA apresentam projeto de mobilidade ao prefeito de Volta Redonda

Alunos de Engenharia Civil do UniFOA apresentam projeto de mobilidade ao prefeito de Volta Redonda

Matéria publicada em 6 de dezembro de 2019, 16:02 horas

 


Projeto ‘UniFOA Air Technology’: modal rodoviário que liga a Rodovia do Contorno às redondezas do UniFOA, campus Três Poços

Secretários municipais e professores do Centro Universitário participaram da reunião no gabinete do prefeito Samuca Silva
(Foto: Divulgação)

Volta Redonda- Os alunos do 8° período de Engenharia Civil do UniFOA (Centro Universitário de Volta Redonda) estiveram nesta quinta-feira (05), na prefeitura municipal de Volta Redonda, onde apresentaram ao prefeito Samuca Silva, o projeto ‘UniFOA Air Technology’. A ação faz parte um estudo de um novo modal rodoviário que liga a Rodovia do Contorno às redondezas do Centro Universitário, localizado no bairro Três Poços.

O evento reuniu, também, o vice-presidente da Fundação Oswaldo Aranha, Eduardo Prado, o superintendente geral, José Ivo de Souza e o coordenador do curso de Engenharia Civil, José Marcos Rodrigues Filho. Além dos professores e coordenadores do projeto, Renato Donato Viana, Rogério Nogueira Pereira, Erika Fraga Rodrigues e Jesus Caldeira de Alencar Alvarenga.

O superintendente geral, José Ivo de Souza, revelou que o objetivo da nova via é melhor a mobilidade urbana entre o centro da cidade de Volta Redonda e o bairro Três Poços, bem como a cidade de Pinheiral.

– O projeto apresentado pelos alunos e professores do curso de Engenharia Civil vai desafogar o trânsito da Avenida Paulo Erlei Alves Abrantes e viabilizar um novo acesso ao bairro e ao município vizinho, moderno e eficiente – informou o superintendente.

Para o mapeamento da área, foi utilizado um drone que facilitou o processo de estruturação e viabilidade da nova via. Segundo o coordenador do curso de Engenharia Civil, José Marcos Rodrigues Filho, a utilização do equipamento no projeto está ligada às novas tecnologias implementadas no curso.

– O UniFOA sempre busca continuamente na sua matriz curricular a inovação tecnológica através das modernas ferramentas que se apresentam. O projeto mostrado ao prefeito pode ficar de legado para os alunos bem como para o município – disse o coordenador.

Além da comunidade que circula no bairro Três Poços todos os dias, cerca de 1600 veículos a cada duas horas, outros beneficiados pela nova sugestão de mobilidade foram os alunos do UniFOA Air Technology que participaram dos estudos e tiveram a possibilidade de aprender com mais uma importante prática.

– Por meio da ação proposta pelos professores do curso, adquiri diversos conhecimentos teóricos e práticos. Além disso, tivemos que buscar e estudar materiais complementares para auxiliar na estruturação do projeto – revelou Larissa Andrade, acadêmica do 8° período de Engenharia Civil.

O vice-presidente da Fundação Oswaldo Aranha, Eduardo Prado, parabenizou e agradeceu aos alunos e professores. Ele também congratulou o prefeito Samuca Silva que abriu o gabinete e colocou à disposição os seus secretários.

– Atendemos 22 municípios e o projeto vai beneficiar ainda a comunidade de Volta Redonda e também os municípios vizinhos como Pinheiral – declarou.

Facilitar a vida do cidadão de Volta Redonda e Pinheiral, esse é o foco.

– A partir de agora, vamos criar internamente um processo administrativo próprio para que os estudos acadêmicos se juntem aos técnicos e depois iremos incluir a rodovia de maneira formal no plano diretor municipal – explicou o prefeito Samuca Silva, que também considera importante a viabilização da nova via pelo elevado volume de veículos que passam diariamente pela Avenida Paulo Erlei Alves Abrantes.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

2 comentários

  1. Avatar

    Boa Iniciativa. Ainda mais levando-se em conta que a pasta de obras do município seu titular não é engenheiro. E isso é de conhecimento do ilustríssimo prefeito. Deviam ensinar entre outras coisas como se faz uma boa pavimentação asfáltica, uma vez que Volta Redonda está tomada por buracos. Não há carro que resista em rodar pelas ruas de Volta Redonda, principalmente pela rodovia dos metalúrgicos. O problema do Brasil é esse discursinho de ” nova política” cometendo os mesmos erros da ” velha política”. A raíz de todos os nossos problemas é a educação.
    Papo reto nunca mais!!!!

  2. Avatar

    Interessante o projeto. Além de propiciar alternativas de tráfego, desbrava nova área para expansão urbana da cidade… Espero que seja efetivado e passe a constar no plano viário municipal…

Untitled Document