>
terça-feira, 5 de julho de 2022 - 21:50 h

TEMPO REAL

 

Capa / Destaque / Armas apreendidas em Volta Redonda serão periciadas

Armas apreendidas em Volta Redonda serão periciadas

Matéria publicada em 19 de março de 2018, 11:39 horas

 


Armas apreendidas no final de semana serão levadas para perícia (crédito PM)

Armas apreendidas no final de semana serão levadas para perícia (crédito PM)

Volta Redonda –  O delegado titular da 93ª DP (Volta Redonda), Eliezer Lourenço, vai mandar periciar as quatro armas apreendidas durante o final de semana, na cidade. A intenção é descobrir se elas foram usadas em algum crime, principalmente em homicídios ou se foram roubadas.

Uma delas é a pistola calibre 380, que estava com dois homens, em um ônibus da linha São Sebastião-Açude. O veículo foi abordado pelos policias na Rua Neme Felipe, no Aterrado. Pedro Henrique Carvalho Castro, de 20 anos, e Leonardo Luiz Cordeiro, de 40, foram presos em flagrante. Os PMs localizaram os suspeitos por meio de denúncia anônima.

A pistola foi encontrada no banco do ônibus, onde os dois homens estavam sentados. Os policiais viram quando Pedro Henrique tentou se livrar, ainda de oito trouxinhas de maconha, jogadas por ele, embaixo do banco. Com os suspeitos estavam também dez munições intactas.

Os homens foram levados para 93ª DP (Volta Redonda). A pistola será enviada para o Instituto de Criminalística Carlos Eboli (ICCE), no Rio, onde será feita a perícia.  Para o mesmo local serão enviados ainda, um revólver calibre 38, que estava na cintura de um outro homem, no bairro São Lucas.

A terceira arma, um revólver calibre 32, foi encontrada dentro de um Corsa, conduzido por um homem de 39 anos. O suspeito foi abordado por PMs, no bairro Vale Verde.  Ainda no fim de semana, a polícia prendeu três pessoas com drogas e um revólver calibre 38, em uma casa  no Retiro.

Segundo o delegado, dependendo do caso, é feito confronto balístico, caso haja  necessidade de se comparar o projétil (bala), que esta na arma apreendida, com o projétil retirado do corpo de uma vítima de homicídio.

Lourenço também mandou periciar as cápsulas deflagradas que estavam próximas ao corpo de Vanderson da Silva Lima, o “Vandinho do Siderlândia”. Ele foi executado com aproximadamente seis tiros, na segunda-feira passada, próximo ao Shopping 33, na Vila Santa Cecília.

O resultado da perícia será anexado ao inquérito que o delegado instaurou para apurar o crime. O policial já sabe que a arma utilizada para matar Vandinho, foi uma pistola calibre 380.

A execução foi praticada por dois homens que estavam num Vectra branco, roubado no bairro Água Limpa. O veículo foi encontrado após o delito, abandonado no bairro Roma, e já foi periciado. Ninguém foi preso até o momento.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Parabéns aos policiais militares.
    Pra cima dos vagabundos sempre !

  2. Intervenções de velocidade .

    Ainda querem acabar com a pm olha só quase 6 presos 4 armas e drogas se a pm acabar ou para as portas do inferno estariam abertas parabéns aos Políciais militares que mesmo com o desdém da população ainda corre atrás dos demô nios

  3. UÉ NAO GOSTAM DE ESCULACHAR MORADOR ENCARA A TURMA DA PMRJ P VER SE NÃO ESTARIAM JUNTINHOS LA NO CAPIROTO KKKKKK PARABÉNS GRANDES POLICIAIS MAS P FICAR BACANA TINHAM QUE TER MANDADO P IML KKKKKK C A CABEÇA DELES DO AVERSO MAS NOTA DEZ ASSIM MESMO TRAFICANTE É IGUAL CÂNCER SE NÃO CORTAR RAPIDO CRESCE ENTÃO CHUMBO GROSSO NELES MAS SEM CHANCE DE REMENDO NO HOSPITAL É DIRETO PARA O CAPIROTO KKKKKK Q DEUZ PROTEJA TODOS POLICIAIS E CIDADÃO DO BM E VAMOS DENUNCIAR 190/197/0800260667

Untitled Document