quinta-feira, 9 de julho de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Destaque / Botafogo mantém 100% diante do Resende

Botafogo mantém 100% diante do Resende

Matéria publicada em 13 de fevereiro de 2016, 22:02 horas

 


Alvinegro jogou apenas o suficiente para conseguir a vitória por 1 a 0 diante do Gigante do Vale

Com perigo: Botafogo frequentou a área do Resende, mas placar ficou no magro 1 a 0

Com perigo: Botafogo frequentou a área do Resende, mas placar ficou no magro 1 a 0

 

Volta Redonda – O Botafogo veioa Volta Redonda na noite deste sábado para enfrentar o Resende pela quarta rodada do primeiro turno do Campeonato Carioca, e saiu vencedor pelo placar mínimo. O único gol do jogo foi marcado pelo atacante Luis Henrique, no primeiro tempo.
Com a vitória, o Alvinegro mantém os 100% de aproveitamento na competição e chega aos 12 pontos na liderança do grupo B. Já o Resende permanece com 4 pontos e ocupa as últimas posições do grupo A.
O Botafogo volta a campo pelo Estadual no domingo, dia 21 de fevereiro, quando recebe a Cabofriense. O Resende também tem o mando do jogo na quinta rodada, quando encara o Friburguense no mesmo dia.

O Jogo

O primeiro tempo teve um início bem movimentado por parte das duas equipes, que exploravam seus laterais e conseguiam chegar ao ataque. A primeira bola de perigo foi dos cariocas, quando Lindoso recebeu na entrada da área, se livrou do marcador e chutou colocado, mas a bola saiu pela linha de fundo.
Aos 11, o Resende partiu num contra-ataque rápido, Muriel recebeu na direita e cruzou rasteiro. A bola cruzou a área, mas Douglas Caé não alcançou.
Na resposta alvinegra, Luis Henrique abriu o placar em Volta Redonda. Luis Ricardo recebeu na intermediária pela direita e levantou na área, entre a marca do pênalti e a linha da pequena área. O goleiro Arthur saiu mal e o atacante alvinegro ganhou a disputa de cabeçca com o zagueiro do Resende e mandou para a rede.
Como em outras ocasiões neste Carioca, o Botafogo não manteve o ritmo após sair na frente no placar, e permitiu ao Resende crescer na partida. Os comandados do técnico Ricardo Gomes conseguiram segurar a vantagem até o intervalo, mas a trave salvou o Bota em duas ocasiões, aos 35 e aos 46 minutos.
No primeiro lance, trama pela esquerda do ataque, Kim recebeu de Marcel na intermediária e soltou um balaço. A bola foi na trave esquerda de Jefferson e na volta bateu no goleiro, que conseguiu se virar e fazer a defesa.
Nos acréscimos, falta na ponte direita e Robinho cobrou direto para o gol. A bola fez uma curva e bateu na trave direita de Jefferson.
Na volta para o segundo tempo, Ricardo Gomes tentou ajeitar seu meio de campo com a entrada de Lucas Zen no lugar de Damián Lizio, que pouco produziu. A mudança, entretanto, não mudou o panorama do jogo, e o Resende seguia melhor em campo.
Logo aos três, quase o empate. Lucas Zen perde a bola no grande círculo, e Marcel faz lançamento longo para Robinho na ponta direita. O atacante avança, entra na área, corta para a perna esquerda e solta a bomba, mas Jefferson defende e cede o escanteio.
Aos 9, o Bota chegou com perigo na cobrança de um escanteio pela esquerda com Gegê. O zagueiro Emerson subiu livre mas não alcançou a bola.
Com Gegê novamente em ação aos 24, o Alvinegro quase ampliou na cobrança de uma falta pela intermediária. O meia cobrou, a bola resvalou na barreira e foi em direção ao ângulo direito de Arthur, mas acabou atingindo o travessão.
O Bota conseguiu segurar o resultado até o final, e ainda teve uma boa chance de ampliar aos 45, quando Leandrinho aproveitou cruzamento de Luis Ricardo e bateu de primeira, mas o goleiro Arthur salvou o Resende com uma grande defesa.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

6 comentários

  1. Avatar

    E que uniforme meia boca aquele do Rocende! Qualquer time de campeonato amador da LDVR utiliza uniformes mais bonitos…

  2. Avatar

    Rocende sendo Rocende. Jogando como nunca, perdendo como sempre…

  3. Avatar
    Liberdade e Propriedade

    Gigante meteu duas bolas na trave, penalti não marcado e o goleiro do Bota fez defesas fantásticas, mas no futebol é assim, nem sempre o melhor vence.

  4. Avatar

    Mais uma ferrada Resende kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

Untitled Document