terça-feira, 19 de outubro de 2021 - 09:02 h

TEMPO REAL

 

Capa / Destaque / Casal suspeito de agredir a filha de 10 anos é transferido para presídio

Casal suspeito de agredir a filha de 10 anos é transferido para presídio

Matéria publicada em 3 de outubro de 2020, 09:22 horas

 


Volta Redonda – O casal suspeito de agredir a filha de 10 anos foi transferido, na sexta-feira, dia 2,  para o sistema prisional do Estado do Rio de janeiro, onde ficarão a disposição da Justiça de Volta Redonda. Eles foram indiciados por crime de tortura.   

O caso ocorreu na noite de quinta-feira, dia 1, na casa da família, no bairro Santo Agostinho, em Volta Redonda. 

Um parente da mãe da criança disse ter impedido que o espancamento continuasse e, segundo a testemunha, a criança implorava para não apanhar.    

O delegado titular da 89ª DP (Resende), Michel Floroschk, que no dia da agressão à criança,  também respondia pela Delegacia Especializada no  Atendimento à Mulher (Deam), de Volta Redonda,  informou que a tortura é um crime hediondo e inafiançável.  

O policial investiga a informação de que os pais da menina fazem uso de bebida alcoólica. O Conselho Tutelar  vai  comunicar o fato ao Ministério Público, que atua na Vara da Criança, Juventude e do Idoso de Volta Redonda.  A justiça é quem vai determinar com quem a menina ficará em guarda provisória. O casal tem uma outra filha de 7 anos.  


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document