sexta-feira, 22 de outubro de 2021 - 12:57 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Conferência discute segurança alimentar e nutricional em Volta Redonda

Conferência discute segurança alimentar e nutricional em Volta Redonda

Matéria publicada em 29 de junho de 2015, 19:35 horas

 


Alimentar e Nutricional

Volta Redonda –  Com o tema: “Comida de Verdade no Campo e na Cidade: Por direitos e soberania alimentar”, nutricionistas, estudantes e membros da sociedade participaram ontem da IV Conferência Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional de Volta Redonda. O evento foi realizado na Associação dos Aposentados e Pensionistas de Volta Redonda (AAP-VR). O encontro foi organizado pela Secretaria Municipal de Ação Comunitária (Smac) e pelo Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional de Volta Redonda (Comsea/VR).

Cerca de 140 pessoas formadas por integrantes do Comsea, sociedade e alunos do curso de Nutrição do Unifoa participaram do evento, que durou todo o dia. A mesa de abertura, realizada na parte da manhã, foi composta por representantes do Comsea do Rio de Janeiro e pelo presidente do Comsea de Volta Redonda, Berlindo Francisco Melo, pelo secretário de Ação Comunitária, Munir Francisco, e pela diretora do Departamento de Proteção Básica da Smac, Rosane Marques.

De acordo com Berlindo, o objetivo da Conferência foi colher subsídios para propor um Plano Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, bem como avaliar as experiências de segurança alimentar e nutricional implantadas no município.

– O resultado da conferência será a elaboração de propostas para o Plano Alimentar e Nutricional de Volta Redonda, que terá que ficar pronto até outubro deste ano, conforme o artigo 14, da Lei Municipal 5089 – explicou o presidente.

Ele também frisou que o número de participantes foi muito bom, pois reuniu pessoas que realmente se preocupam com a segurança alimentar.

– Além da presença dos universitários do Unifoa do 7º período, que ajudaram na coordenação do evento, tivemos ainda a participação de produtores rurais de Santa Rita de Cássia e diversos pessoas ligadas a nutrição, além de todos os integrantes do Comsea – enfatizou Berlindo.

O coordenador do Curso de Nutrição do Unifoa, Alden dos Santos Neves, disse que a participação dos universitários na conferência foi fundamental, principalmente, para enriquecer o currículo deles.

– Eles melhoram a visão profissional sobre a necessidade de garantir a qualidade dos alimentos e a elaboração de uma alimentação saudável. A experiência deles aqui é como profissional e também como cidadão – disse Neves.

O secretário de Ação Comunitária, Munir Francisco, frisou que Volta Redonda é uma das poucas cidades do Brasil que possui um Banco de Alimentos e um Comsea muito atuante e que, dentro de poucos dias, o governo municipal fará um decreto para adesão ao Caisan (Câmara Interministerial de Segurança Alimentar e Nutricional), programa do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.

– Com isso, será possível o município receber recursos financeiros do Governo Federal para financiar o Plano Municipal de Segurança Alimentar e diversos outros projetos que já temos e vamos criar com estas verbas – afirmou o secretário, frisando que tudo que foi deliberado durante a conferência será atendido pelo prefeito Antônio Francisco Neto (PMDB).


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document