segunda-feira, 19 de outubro de 2020 - 12:29 h

TEMPO REAL

 

Capa / Destaque / Educação Infantil e EJA terão chamada escolar online em Volta Redonda

Educação Infantil e EJA terão chamada escolar online em Volta Redonda

Matéria publicada em 31 de agosto de 2020, 17:06 horas

 


Inscrição deve ser feita entre os dias 1º e 30 de setembro

Volta Redonda – A prefeitura de Volta Redonda, por meio da Secretaria Municipal de Educação (SME), lançou a Chamada Escolar 2021 na manhã desta segunda-feira, dia 31, durante reunião semi-presencial, no auditório da SME, transmitida pelo Facebook da secretaria. Neste ano, por conta da pandemia da Covid-19, as inscrições para vagas da Educação Infantil e Educação de Jovens e Adultos (EJA) serão feitas exclusivamente pela internet, através do link chamadaescolar.voltaredonda.rj.gov.br. O prazo começa nesta terça-feira, dia 1º, e vai até o próximo dia 30 de setembro.

A secretária de Educação, Rita Andrade, abriu o encontro explicando que o processo online foi criado para manter o distanciamento social necessário para a prevenção da Covid-19. “O site é muito simples, mas as escolas estão funcionando em esquema de plantão e poderão ajudar a esclarecer dúvidas ou atender famílias sem acesso à internet”, falou Rita, informando que todo processo já foi explicado para a diretoria de cada unidade.

Devem fazer a Chamada Escolar para educação infantil as crianças nascidas entre 01/04/2017 até 30/11/2020 para vagas em creche; crianças nascidas entre 01/04/2015 até 31/03/2017 para vagas na pré-escola. Para Educação de Jovens e Adultos (EJA), podem se inscrever candidatos com idade a partir dos 15 anos.

Como fazer

A página de abertura do site chamadaescolar.voltaredonda.rj.gov.br oferece as opções Educação Infantil ou EJA. Basta clicar para gerar o formulário de acordo com o escolhido. A partir daí, o responsável (no caso das crianças) ou o candidato (no caso do EJA) deve preencher as informações solicitadas.

Para a Educação Infantil devem ser informados: nome do responsável, Número de Identificação Social (NIS) e Bolsa Família, se tiver; renda familiar, número de dependentes; nome do aluno; data de nascimento – inserindo esse dado, o site já identifica o ano que vai cursar; se é portador de deficiência; e o endereço, que pode ser residencial ou do trabalho. Ao final do formulário, um ícone em formato de máquina fotográfica indica o local para anexar foto dos documentos exigidos. No caso do EJA, o candidato também deve informar o ano que pretende cursar, de acordo com seu currículo escolar, e a opção de turno (manhã, tarde ou noite).

Após terminar de preencher o formulário, o site emitirá um protocolo de comprovação da inscrição. Esse número vai garantir acesso à lista de classificação que também estará disponível, de forma online, no site oficial da Prefeitura de Volta Redonda, a partir do dia 24 de novembro de 2020.

A supervisora escolar, Jane Márcia Valle Lopes, responsável pelo processo da Chamada Escolar em Volta Redonda, explicou que, no caso da educação infantil, existe um critério de prioridade na distribuição das vagas. “São levados em consideração: morar em Volta Redonda, ter NIS ou Bolsa Família, criança mais velha e renda familiar”, disse Jane, alertando que os pais que já têm filhos na Rede Municipal, mas desejam passar para outra escola, devem fazer o pedido entre os dias 24 de setembro e 05 de outubro, antes que as vagas da chamada escolar sejam distribuídas.

Foram convidados para a reunião no auditório da SME representantes das secretarias municipais de Comunicação, Saúde, Ação Comunitária e da Mulher, Idosos e Direitos Humanos; da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB); Defensoria Pública; Promotoria da Infância e Juventude; Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva; Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA); Conselho Municipal de Educação (CME); Conselho Tutelar; Federação das Associações de Moradores; e Câmara Municipal. O objetivo foi formar multiplicadores na divulgação e orientação da Chamada Escolar 2021 de Volta Redonda.

 

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document