quinta-feira, 23 de janeiro de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Escolas passam por vistorias técnicas em Volta Redonda

Escolas passam por vistorias técnicas em Volta Redonda

Matéria publicada em 6 de novembro de 2019, 18:53 horas

 


Visitas fiscalizam obras concluídas e em andamento nas unidades escolares
(Foto: Divulgação- Secom PMVR)

Volta Redonda- As escolas municipais de Volta Redonda estão recebendo vistorias técnicas da equipe de obras da Secretaria Municipal de Educação (SME). O objetivo das visitas é identificar anomalias, pontos de melhorias, fiscalizar obras concluídas e as que estão em andamento. Atualmente, 44 unidades escolares estão recebendo algum tipo de intervenção entre reforma, revitalização, acessibilidade. Segundo o subsecretário de Educação e responsável por acompanhar as visitas, Leandro Flores, a Secretaria está trabalhando em ritmo acelerado.
– Em 2017 foram oito intervenções e em 2018 dobramos o número para 16 escolas com algum tipo de obra ou revitalização. Já em 2019 nossa expectativa é fechar com 44 escolas oferecendo trabalhos de melhorias – disse.
O prefeito Samuca Silva afirmou que as obras estão priorizando as escolas que estavam há anos sem receber nenhum tipo de melhoria.
– Desde que assumimos a gestão, colocamos a Educação como uma das nossas prioridades. Estamos dando preferências às unidades que não tinham recebido nenhuma benfeitoria durante anos e pretendemos atender ao maior número de escolas possível. Foram anos sem nenhum tipo de intervenção e nossos alunos merecem o melhor sempre – afirmou o prefeito Samuca Silva.
Rafael Galantini, pai de aluno do CMEI Iracema Leite Nader, do bairro Roma II, acompanhou a vistoria da equipe da SME na unidade escolar e classificou a ação como positiva.
– A visita técnica é de extrema importância, pois proporciona uma visão mais ampla e mais precisa do problema e das necessidades das escolas. Como pai, vejo essas visitas muito positivas, pois temos a certeza que a secretaria tem ciência do problema e vai trabalhar para solucioná-lo o mais rápido possível e com a qualidade necessária – garantiu Rafael, que também é membro do Conselho Comunitário Escolar.
A Secretária de Educação, Rita Andrade, explicou a importância de os pais e responsáveis acompanharem as visitas técnicas.
– Nas visitas, os pais, diretores, professores e membros do Conselho Comunitário Escolar podem participar e, assim, trabalhamos em conjunto para atender as demandas de cada comunidade. Esse bate-papo é muito importante para definirmos prioridades e buscarmos a melhor forma de utilizar o dinheiro público. O dialogo sempre é o caminho mais adequado – declarou.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document