Advogado teria sido assassinado por menores, em Volta Redonda

by Diário do Vale

hugo

Volta Redonda –

O advogado Hugo Viana Leonardo, de 25 anos, foi assassinado com três tiros na noite de ontem (10). O crime ocorreu na Rua Aldílio Carvalho França, no bairro Ponte Alta. A vítima, que morava no bairro Cajueiro, morreu no Hospital São João Batista. Dois menores – de 17 e 16 anos -foram apreendidos e um taxista foi preso como coautor do crime. Outro adolescente, também é acusado de cumplicidade no homicídio, está foragido. O delegado titular da 93ª DP (Volta Redonda), Luiz Maurício Armond, disse que o advogado tinha discutido recentemente com o menor de 17 anos. Durante a briga, a vítima teria dado um tapa no rosto do adolescente que o jurou de morte.  “A discussão foi por motivo fútil. O advogado era conhecido da família do menor”,  disse o delegado, informando que o taxista foi indiciado como coautor do homicídio. Segundo o delegado, o motorista já era conhecido dos menores e costumava levá-los ao Morro do Dendê, na Ilha do Governador, no Rio, para comprar drogas.
Armond disse que o taxista era quem fazia o “avião” (transportador de drogas) para os menores também em outras comunidades da capital fluminense, como Acari, Serrinha e Amarelinho, para adquirir entorpecentes. O motorista ficava à disposição dos menores que chegavam a ir a bailes funks nessas localidades cariocas.
O taxista chegou a configurar no caso do assassinato como testemunha, mas agentes dos setores de Investigação e Inteligência da 93ª DP fizeram um levantamento, por meio do Sinevem (procedimento existente no Infosec, que reúne informações de segurança pública) e verificaram pelas imagens gravadas, através do sistema de monitoramento de placas na Via Dutra, diversas viagens do taxista levando os jovens de Volta Redonda para o Rio.
Já o menor de 17 anos confessou ter atirado no advogado. Os menores já desceram do táxi atirando na vítima. A arma do crime foi jogada num córrego próximo à entrada da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), na Via Sérgio Braga, e não foi encontrada pelos policiais.
– Em poucas horas, com auxílio da Polícia Militar, foi elucidado o crime. Essa rapidez e o bom resultado demonstra a integração entre as polícias Civil e Militar – disse Armond, que indiciou o taxista por homicídio duplamente qualificado, tráfico de drogas e corrupção de menores, por estar junto aos adolescentes realizando esses delitos. Ainda de acordo com o delegado, o motorista de táxi já cumpriu pena por roubo.

Transferência para o Rio

O motorista deve ser transferido ainda hoje (11) para a Cadeia Pública de Volta Redonda (antiga Casa de Custódia). Já os dois menores responderão por fato análogo por homicídio e tráfico de drogas.
– Os menores responderão ainda por uso de drogas porque faziam uso de entorpecentes durante as viagens que faziam à capital fluminense – disse Armond.
O capitão Manasés, do 28º Batalhão, disse que, na noite do crime, os PM chegaram ao local por meio de ligações para o 190, do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp). Segundo o militar, quando os policiais militares chegaram, testemunhas já revelaram a identidade de um dos menores suspeitos.
– A partir daí iniciaram as investigações da PM e esse menor, autor dos disparos, já conhecido dos policiais por já ter sido conduzido a delegacia anteriormente pelo envolvimento dele no tráfico de entorpecentes, em Barra Mansa. O fato facilitou a localização do adolescente na casa dele, na Ponte Alta – disse Manasés.
Ele disse ainda que o taxista chegou a dizer que teria sido obrigado a levar os menores ao local do crime, mas logo o delegado fez a conexão e descobriu que não era apenas um táxi que foi contratado aleatoriamente.
– O taxista já fazia o transporte dos suspeitos rotineiramente e, de forma dissimulada, após o homicídio, tentou fazer uma corrida ainda para caracterizar que ele estava trabalhando. Sua participação no crime ficou caracterizada pelas suas idas e vindas ao Rio e pela própria confissão do menor – explicou o capitão-PM.
Na delegacia, o taxista disse aos jornalistas que transportou menores sob pressão porque eles estavam armados. Segundo o motorista, um menor ficou no carro apontando uma arma para ele, enquanto os outros desceram do táxi e atiraram na vítima. O suspeito também negou que levava os menores para comprar drogas no Rio.

You may also like

33 comments

Dudu 21 de março de 2015, 21:17h - 21:17

Muito chateado!!!

Unica coisa que consigo escrever é: Esse era parceiro de verdade grandã,muito grandão….

Tião,meu parça,descanse em paz,tu foi e sempre será um vencedor parceiro!!!!

Aos familiares,força!

#boladassooooooooo

SAUDADES ETERNAS DE TU TIÃO!!!

:'(

oculto 12 de março de 2015, 18:32h - 18:32

A ficha ainda nao caiu,como pode Hugo era um mlkao nao tinha maldade na kbç…
Deus conforte coraçao da família… ele vai fazer muita faltaa… :'(

revoltado 12 de março de 2015, 14:00h - 14:00

Brasil? Uma vergonha.
Conhecia o Hugo mlk muito bacana sim, e nao mexia com nada errado.
Ele era um cara que ajudava quem fosse na hora que fosse, se aconteceu dele chegar ao ponto de bater no mlk como dizem não foi atoa, foi defendendo alguem, pq ele sempre foi de paz.

Que Deus conforte a familia dele, e concerteza onde ele esta, ele vai ta olhando pra cada um de nós…

Eu to bolado pq fizeram uma judaria e ele nao pode se defender, mais uma vida se vai, meu mano que era puro….

Agora bola pra frente pois isso aqui é brasil, temos que ver as pessoas que amamos tendo suas vidas ceifadas e não podemos fazer nada pra mudar isso.

Mais a Justiça de Deus é certa, e quem fez isso, vai pagar.

Jesus está voltando e as profecias se cumprindo.
Na biblia diz que o amor de mts se esfriará.

Gente unico caminho pra nossa salvaçao é Jesus, pq o mundo não presta.

Artfla 12 de março de 2015, 08:49h - 08:49

No mundo de hoje, não so de hoje mas uns 30 anos atras meu PAI me ensinou que bater na cara de uma pessoa e uma ofensa muito grande e quem bateu tem que ser homem suficiente para assumir as consequências pois quem bata esquece mas quem apanha não. A agressão nao justifica o fato mas, quem com porcos se misturam farelo comem.se o pai dele tivesse lhe ensinado que na cara que mamãe beijou ninguém bate tava vivo.

Anonimo 12 de março de 2015, 10:36h - 10:36

A história ta mal contada, só fala da parte q o menor levou o tapa e matou a vítima, td bem q ñ justifica, mas vai saber pq dele ter levado o tapa, ctz ñ foi a toa, e na boa, a vítima perdeu a vida, o outro levou o tapa mas ta aí, nem vai dar em nada, pq menor é PROTEGIDO da justiça, isso é BRASILLLLLLLLLLLLLLLL.

renato 12 de março de 2015, 07:18h - 07:18

“NOSSO BRASIL NÃO MUDARÁ”
‘SE VOTAR MUDASSE ALGO…….SERIA PROIBIDO VOTAR NO NOSSO PAÍS’
(ENTÃO MEUS CAROS AMIGOS, NÃO ADIANTA VOTAR, PORQUE NADA MUDARÁ, SÓ MUDAREMOS A QUADRILHA NA POLÍTICA)

Daniel 12 de março de 2015, 00:42h - 00:42

Meus amigos J, V, R e K. Difícil imaginar a dor que vcs estão passando e nada neste momento irá alivia-la. Peço a DEUS que ilumine vcs, que lhes conforte a alma e encha seus corações de fé e serenidade.

Anônimo 11 de março de 2015, 22:47h - 22:47

Esses menores sairão sa cadeia com 21 anos. Mataram um homem do bem, sempres alegre e que ajudava as pessoas. Que Deus conforte o coração das famílias. !!!!!

E OS CONCURSADOS DA PMVR 2014 11 de março de 2015, 21:49h - 21:49

ESSE E NOSSO BRASIL DE AMOR A BANDIDOS VCS VIRAO QUANDO MATARAM UM TRAFICANTE NA INDONESIA A REPERCUÇAO QUE TEVE, DAQUI UNS DIAS APARECE OS VAGABUNDOS DOS DIREITOS HUMANOS DIZENDO QUE OS MENORES NAO SABEM O QUE FAZEM, ISSO E O NOSSO BRAAAAAAAASSSSSSSSIIIIIIIILLLLLLLLL

Al Fatah 11 de março de 2015, 21:34h - 21:34

Matar alguém porque levou um tapa? Que absurdo! Mais absurdo é que o assassinato foi à sangue frio, deu tempo de os executores esfriarem a cabeça e se arrependerem, mas o orgulho falou mais alto que a razão e agora têm que pagar caro por isso…

Leandro 11 de março de 2015, 20:26h - 20:26

Não entendo essas lei brasileira vc votar com 16 anos mas maioria idade e aparti dos 18 anos justiça do Brasil vai entender sou tem quem ficar preso porque ser não ficar preso vão fazer isso novamente.

#justicasejafeita

Thais 11 de março de 2015, 19:41h - 19:41

Muito triste…Que o Senhor Jesus conforte o coração dos familiares..que a justiça seja feita..

silva 11 de março de 2015, 19:40h - 19:40

também por outro lado na cara de homens nao se bate tudo bem que um crime e um crime mais vamos ter respeito aos outros

indignado 11 de março de 2015, 18:00h - 18:00

Esses menores não ficarão até 21 anos presos. Dificilmente ficarão mais de 2 anos apreendidos.Sou operador do sistema socipeducativo e essa é a realidade

Patty 11 de março de 2015, 17:39h - 17:39

Por que não divulgam os nomes ? Infelizmente existem taxistas que desonram a classe, pois a maioria dos taxistas hoje tem sido alvo destes mesmos marginais e vem um inconsequente deste e se muda para o lado do bandido. O mais estranho é que para ter um alvará da prefeitura para ser taxista tem que levar nada consta do forum e da delegacia. Como um ex detento está trabalhando como taxista? Os donos dos taxis ficam colocando motoristas auxiliares sem cadastro na SUSER. A noite e fins de semana eles sabem que a fiscalização da SUSER não trabalha. Com certeza o dono do taxi sabia onde seu motorista estava indo frequentemente…

luiz 11 de março de 2015, 17:30h - 17:30

Esse é o reflexo de um País onde os governantes se acham acima de tudo e como reflexo, temos uma total impunidade. Um País controlado por políticas denominadas sociais mas que na verdade só serve para garantir votos e perpetuar no poder seres inescrupulosos. Esse é o BRASIL. Sinto vergonha e revolta. Que Deus conforte e amenize a dor dessa família e nos livre daqueles que se acham acima do próprio Deus.

Manga 11 de março de 2015, 16:06h - 16:06

So pra lembrar, pq acho que de forma tendenciosa o DV publicou que a prisão se deu graças a ação conjunta da PM e da polícia civil o menor foi preso. Não houve participação nenhuma da polícia civil na prisão. A PM fez tudo e entregou o serviço pronto pra civil apenas registrar.

Naty 11 de março de 2015, 16:01h - 16:01

Como são as coisas no PAÍS DAS MARAVILHAS – BRASIL. O menor pode matar, roubar, traficar, ficar sem estudar, etc… mas trabalhar, pegar no pesado mesmo ele é proibido… até quando esses menores infratores ficarão zombando da nossa cara? Talvez até matar alguém muito importante neste Brasil, né Dilma?

Samara 11 de março de 2015, 15:43h - 15:43

Eu fico perplexa com esse nosso país.Cara Pra que tanta violência?!
O Hugo tinha uma vida inteira pela frente,que foi interrompida por adolescente sem estrutura. E agora?
Os adolescentes vão pra casa de custodia e se forem bonzinhos daqui a pouco estão na rua livres para tirar a alegria de outras famílias.Infelizmente o Hugo não vai voltar,mas isso tem que parar… Meu amigo descanse em paz e que Deus conforte o coração de todos os seus familiares e amigos

Renan 11 de março de 2015, 14:28h - 14:28

Essa rua não é no Jardim Ponte Alta não, isso ai é no bairro Cajueiro/Vila Elmira, pelo amor de Deus Diario do vale, essas reportagens de vocês nem pra colocarem o local certo, ainda me vem o jornal da concorrencia e faz a mesma coisa, coloca o bairro errado.

piffff

Eduardo 11 de março de 2015, 18:04h - 18:04

Essa rua é na Ponte Alta, o DV arrumou estava como Jardim Ponte Alta.

Alves 12 de março de 2015, 06:33h - 06:33

Sério? Como pode né? Diante de tamanha situação tem que ler isso ainda.

sil 11 de março de 2015, 14:22h - 14:22

Queria saber se alguem tem nome dos assassinos,quero ver a cara deles…Hugo,só ouvi elogio sobre ele,DEUS conforte essa mãe…

Dalton 11 de março de 2015, 14:17h - 14:17

O povo brasileiro vive numa selva sem lei, onde os governantes roubam o povo ,com suas falcatruas , os bandidos menores de 18 fazem o que querem , matam ,roubam e tripudiam em cima dessa lei protetora de assassinos mirins que tiram a vida dos nossos amigos, irmaos e parentes, ja sabendo que as penas são suportaveis e que em breve estarao nas ruas de novo assassinando e praticando seus crimes. Sinto muito pelo Hugo um jovem que conheci e admirava muito e que uns pivetes assassinos abreviaram sua vida e seu sucesso. Meus pesames aos Pais e meus profundos sentimentos. Descanse em paz amigo.

charle 11 de março de 2015, 14:10h - 14:10

Chega de ficarmos reclamando sentados em nossas poltronas, vamos a rua dia 15 mostrar que não estamos contentes com nossos governantes, talvez assim fatos como esses não se repetem. hoje foi aprovado a proibição de revistas intimas nos presídios. Leiam a matéria e vejam quais foram os políticos que votaram a favor para não continuarmos votando neles nas próximas eleições. é o máximo que de concreto podemos fazer.

wendel 11 de março de 2015, 13:41h - 13:41

Infelizmente perdemos um grande homem por causa de inresponsáveis adolescentes que o Deus eterno conforte tidos os amigos e familiares do Hugo.

claudia 11 de março de 2015, 13:20h - 13:20

Covardia,menino maneiro,alegre,que teve o futuro interrompido por jovens inconseqüentes,esporque são menores não pagam por ter tirado uma vida,que Deus console a familia…:.(

Jorge Ferreira 11 de março de 2015, 13:16h - 13:16

Uma pergunta?

O que acontece se ele tiver um irmão de 17 anos e este matar os 2 muleques?

Vai ficar souto também?

Camila 11 de março de 2015, 12:34h - 12:34

E o país da maravilha que vivemos onde uma vida não vale nada

Ana Beatriz 11 de março de 2015, 12:18h - 12:18

Nossa, estou chocada até agora, fiz faculdade com o HUGO, e ele sempre foi um garoto bom, com o seu jeito moleque de ser!! Hugo você vai fazer muita falta, porque sempre foi querido por todos! Descanse em paz, e à família e aos amigos meus sinceros sentimentos, que Deus conforte os corações de vocês!! LUTO HUGO VIANA!!!

franciane 11 de março de 2015, 12:02h - 12:02

Enquanto a leu que protege o menor existir fatos como esse se repetira. O Brasil e uma escola de assassinos e traficantes tenho vergonha dessa pátria.

Marcelo 11 de março de 2015, 11:01h - 11:01

Tiraram a vida de um jovem de bem, e na covardia.
Está na hora de repensar essa maioridade penal. Se fossem maiores, responderia por homicídio qualificado, considerado crime hediondo, iriam a juri popular. Mas como tem 17 e o outro 16, vão ser julgados pela Vara da Infância e Juventude, vão ser condenados a internação e completando 21 anos, estarão nas ruas fazendo merda de novo. Mesmo tendo destruído a vida de um jovem e de toda sua família, que vai amargar essa perda para sempre! O Brasil não é um país sério.

Mara 11 de março de 2015, 12:27h - 12:27

É o pais dos absurdos! Os que teriam q mudar as leis sao os mais criminosos, infelizmente dá vergonha dos governantes do nosso maravilhoso pais, uma pena tanta desordem mas como até as coisas boas passam as ruins tambem…vamos esperar essa mudança …

Comments are closed.

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996