>
sábado, 28 de maio de 2022 - 13:30 h

TEMPO REAL

 

Capa / Destaque / Loja maçônica convoca sociedade para se mobilizar contra a violência

Loja maçônica convoca sociedade para se mobilizar contra a violência

Matéria publicada em 21 de maio de 2015, 21:41 horas

 


Paraty – A Loja Maçônica União e Beleza nº88 publicou uma carta aberta à população paratiense em que convoca toda a sociedade para se unir num diálogo maduro e apolítico com o objetivo de definir ações concretas contra o processo de violência que a loja maçônica afirma ter se instalado na cidade. Segundo a carta, “cada um destes atos de violência representa um tiro na cabeça da democracia e de cada um de nós”.

Segundo a carta, a maçonaria paratiense repudia toda forma de violência, seja ela perpetrada por motivos econômicos, políticos ou sociais.

O texto relembra, além do atentado ao prefeito Casé, um tiroteio ocorrido no dia 15 de fevereiro (domingo de carnaval), quando dez pessoas ficaram feridas no que foi visto pela polícia como um confronto entre facções criminosas rivais.

Além desses dois casos, a loja maçônica mencionou que há “assaltos ininterruptos tanto aos moradores e comerciantes quanto aos turistas que visitam nossa cidade, o comércio e consumo de drogas indiscriminado em plena luz do dia, as crianças e professores impossibilitados de frequentar aulas por ameaças de facções criminosas armadas nas escolas, a insegurança no transporte público que tem sido alvo constante de roubo a passageiros, sequestros relâmpago, entre outros”.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Não visite o Rio de Janeiro, virou moda bandidos atacar pessoas de bem, que paga seus impostos e ser atacadas ou morta por bandidos utilizando armas brancas. Muito triste até quando caros políticos que estão por ai e não faz nada por seus eleitores.

Untitled Document
close