‘Marimbondos’ do Detran apreendem mais 36 veículos em Barra Mansa

by Diário do Vale
Mais apreensões: Agentes do Detran fazem operação na Barbará, em Barra Mansa  (Foto: Felipe Vieira)

Mais apreensões: Agentes do Detran fazem operação na Barbará, em Barra Mansa (Foto: Felipe Vieira)

Volta Redonda e Barra Mansa

Os ‘marimbondos’ do Detran voltaram a fazer operações hoje em Barra Mansa na Via Sérgio Braga, perto da lanchonete Habib’s. Segundo o Detran, 36 veículos foram apreendidos, o que, somado aos 185 das operações anteriores (108 nos primeiros três dias, 37 no quarto e 40 na última sexta-feira), leva o número de apreensões em Volta Redonda e Barra Mansa para mais de 220 veículos.
O motivo alegado pelo órgão para fazer as operações é a inadimplência com o IPVA, mas o próprio Detran admitiu que estão sendo feitas apreensões por outros motivos. De acordo com o coordenador da operação que ocorreu na última sexta-feira, Ricardo Duarte, muitos motoristas se enganam, achando que o pagamento do IPVA é suficiente para estar em dia com a documentação exigida.
– As pessoas devem se preocupar também com o licenciamento, que é a vistoria anual. Este tem sido o foco de nossas operações. Não é justo alguns cidadãos realizarem o processo e outros não realizarem a vistoria – disse ele no dia 20, lembrando que as ações prosseguirão intensamente durante as próximas semanas também nas cidades de Barra Mansa, Barra do Piraí e Piraí.

Carro rebocado

Um dos casos em que o motorista tinha o IPVA pago e ficou sem o carro ocorreu com o tabelião Leonardo Vieira, em 11 de fevereiro. Ele teve o carro apreendido e levado para o depósito. Leonardo explicou que o veículo é 2013/2014, e não precisaria passar por uma vistoria em 2014. Mas ele afirmou que não sabia que deveria ir ao Detran para pegar um documento de 2014. Segundo ele, o carro está com o documento de 2013, em que está escrito “sem necessidade de vistoria em 2014”.
– Mesmo estando agendada a vistoria de 2014 e estando com tudo pago, não posso sair com meu carro daqui. Tenho que deixar ser rebocado, depois pagar o reboque, pagar a diária do depósito, e tudo mais. Só porque faltou um documento que eu não peguei, mas que já está agendado – lamentou.
Ele ressaltou que considera um “absurdo” o carro ser levado para o depósito.
– O agente disse que estando agendado eu posso tirar ele do depósito, mesmo sem estar com o documento de 2014, mas de qualquer forma ele tem que ser levado para o depósito: isso que eu acho um absurdo. Perdi dia de trabalho por causa dessa bobeira – desabafou.

Termo ‘marimbondo’ vem do filme Tropa de Elite

O termo ‘marimbondo’, aplicado aos agentes do Detran que estão apreendendo veículos na região, se originou de uma cena do filme “Tropa de Elite”, em que um oficial da PM recebeu uma queixa de um comerciante: muitos veículos estavam sendo rebocados nas proximidades do seu estabelecimento, o que estava reduzindo sua freguesia e a disponibilidade de recursos para “colaborar” com a corporação.
O oficial, então, chama o PM que estava rebocando os veículos. Segue-se o diálogo:
“- Ô Marimbondo! Voa aqui Marimbondo!
– Tudo bem, meu capitão!
– Tudo bem é o c……, voa aqui Marimbondo, vem p….!… Aí Marimbondo que p….. é essa ? Tu tá metendo a caneta, a área é minha, não pode, p….!!
– Aí, capitão, tô cumprindo ordem do Bira…
– Bira? Quem é esse Bira, p….?
– Ô Bira! Vem aqui…
– Agora não dá…
– Bira, que p…. é essa ? Aqui não pode não, mermão…
– Capitão, o reboque é do (capitão) Oliveira, tô com ele na linha, vocês se entendem aí… pra mim tá tudo na mesma!”

Motorista de carro apreendido paga aluguel
mais caro do que morador da Rua Vieira Souto

Conforme o DIÁRIO DO VALE noticiou no dia 12 de fevereiro, o preço pago pelo dono do carro apreendido, por metro quadrado, é mais caro que o aluguel de um apartamento na Rua Vieira Souto, em Ipanema, um dos endereços mais caros do Brasil. A diária de um carro de passeio custa R$ 74,91, mais R$ 158,13 para remoção.
Os valores que os motoristas de Volta Redonda estão pagando pela diária de seus carros apreendidos e levados para um terreno do Jardim Guanabara, em Barra Mansa, custam mais do que o dobro do aluguel de um apartamento de luxo em Ipanema, bairro da Zona Sul do Rio que tem um dos metros quadrados mais caros do Brasil.
Considerando que o dono de um veículo apreendido vai ter que pagar cerca de R$ 75,00 por dia pela guarda do carro, que ocupa aproximadamente 10 metros quadrados, ele vai estar pagando o equivalente a R$ 2.500 mensais por esses 10 metros quadrados, o que leva o aluguel para R$ 250,00 mensais por metro quadrado.
Já quem alugar um apartamento de 250 metros quadrados na Avenida Vieira Souto, em Ipanema, um dos endereços mais sofisticados do Rio, vai pagar R$ 26 mil mensais, o que dá R$ 104 mensais por metro quadrado – ou seja, o “aluguel” involuntário da vaga no terreno do Detran custa mais do dobro do apartamento no bairro imortalizado por Tom Jobim e sua garota. Detalhe: o feliz inquilino de Ipanema ainda terá direito a guardar dois carros na garagem do prédio, pagando pela moradia e estacionamento menos da metade do que sai do bolso do motorista de Volta Redonda ou Barra Mansa que teve o carro rebocado.
Os valores arrecadados com reboques e diárias são majoritariamente repassados a empresas privadas contratadas para prestar esses serviços ao Detran do Estado do Rio.

You may also like

36 comments

antonio 24 de fevereiro de 2015, 18:30h - 18:30

pela situação do asfalto em barra mansa o prefeito teria que criar vergonha na cara , e pagar a suspensão, amortecedor e pneus . ao invés de ficar arrumando emprego pra parentes.

Marcos Otávio 24 de fevereiro de 2015, 17:32h - 17:32

Lanço algumas perguntas:
***** Porquê não vemos ônibus e carretas de grandes transportadoras sendo fiscalizadas?
***** Quando um cidadão comum conhecido popularmente por ladrão nos furta ou rouba nosso carro nos indignamos, chamamos a policia e a midia para divulgar e quando temos nossos veículos apreendidos pelo ESTADO através das blitz não fazemos nada, cadê a mídia? A policia não podemos chamar pois está junto neste eficiente trabalho.
Ninguém quer saber o motivo pelo qual você não deixou de pagar o IPVA. Se foi por perda de emprego ou gastos com algum problema de saúde.
Somos informados apenas que temos as taxas de reboque, diarías do pátio e 90 dias para legalização, pois após este prazo nossos bens vão a leilão.
Será que somos DONOS REALMENTE?

Ronaldo Fenômeno 24 de fevereiro de 2015, 17:10h - 17:10

O comentário do Ricardo Maciel foi o melhor de todos, com toda certeza do mundo esses POLÍTICOS SAFADOS estão por trás dos reboques que são usados nessas blitz.
Gente não adianta ficar puto, o país é assim mesmo e não vai mudar, pode estar a Dilma ou o cheirador do Áecio que a corrupção e safadeza serão as mesmas.
O unico conselho que posso dar é o seguinte: Quem puder se manda do Brasil, porque esse papo de que tem orgulho de ser brasileiro é papo de ótario, não podemos ter orgulho de um país que só quer saber de por na nossa bunda para favorecer essa corja de safado que existe por aí.

Al Fatah 24 de fevereiro de 2015, 20:47h - 20:47

Ter orgulho do país nada tem a ver com o que fazem com ele. O país (território) é abençoado, ruim são as pessoas que tem nele, e não falo só dos políticos não, o brasileiro em geral é debochado, ganancioso e quer tudo no mole. A diferença do otário para o malandro é que este é mais esperto, mas ambos querem se dar bem…

ÊTA POVINHO CORRUPTO 24 de fevereiro de 2015, 22:11h - 22:11

Na campanha em 2012 vi milhares de comentários idênticos só para desmotivar os bocós para deixarem de votar para ajudar o prefeito, agora cassado por 7X0 governando por liminar. Certamente Vc está no mesmo grupo que apoiava o prefeito, ou seja um perfeito assessor de politiqueiro, ou cargo comissionado ou um dos 1500 RPAs com salários de marajás. A dúvida é se é um forasteiro ou mercenário na cidade.

jagunço 24 de fevereiro de 2015, 16:09h - 16:09

Vota na dilma cambada de otarios vamos pedir o impitamam dessa praga logo que seja tarde

Al Fatah 24 de fevereiro de 2015, 20:49h - 20:49

Quem te garante que com Aécio seria melhor? Lembra-te de Fernando Henrique ou tens memória fraca?…

João 3 de março de 2015, 11:40h - 11:40

Só um detalhe neste caso o culpado não é a presidente mas sim o governador (obs não sou PT)

Eronaldo Antônio de Almeida 24 de fevereiro de 2015, 15:50h - 15:50

Marimbondos não, pra mim são um bando de carniceiros acobertados por essa política suja que está acabando com nosso País.

êta povinho corrupto 24 de fevereiro de 2015, 15:27h - 15:27

Vamos ver na próxima fiscalização quantos corruptos que não cumprem a lei terão os carros rebocados. Será outra dezena?

ÉEE 24 de fevereiro de 2015, 14:28h - 14:28

se o dinheiro pago com IPVA fosse revertido nas rodovias como deveria ser ótimo né, ai vc paga anda certo as rodovias são privatizadas vc paga pedágio e aonde foi o dinheiro do IPVA ninguem sabe né pq brasileiro é assim gosta de ser roubado, gosta de pagar caro por gasolina, comida, automoveis e no fim ainda acha graça de tudo por isso que eu adoro esse País. É o país do futebol e carnaval showww….

Rogerio Rodrigues 24 de fevereiro de 2015, 14:05h - 14:05

Cade o PREFEITO desta cidade, os VEREADORES, confiscar o carro, do cara que ganha dinheiro com o carro e sacanagem, e pior dar dinheiro para guinchos e estacionamento particular.Vamos aprender a votar meu povo por favor.vou ser justo uma vez o nobre deputado Gotardo. Interviu e pediu para parar. Ou seja só depende de querer Neto. Se mexe filho. Acorda Volta Redonda.

RICARDO MACIEL 24 de fevereiro de 2015, 13:52h - 13:52

Eu gostaria muito de saber a quem pertencem os “reboques” e os “depósitos” de veículos apreendidos pelo DETRAN. Arrasto minha “bunda daqui até o Rio de Janeiro” se não tiver empresas ligadas a políticos, PM e outras autoridades!

Al Fatah 24 de fevereiro de 2015, 20:50h - 20:50

Descobriste a pólvora…

INDIGNADO 24 de fevereiro de 2015, 12:16h - 12:16

PORQUÊ NÃO PARAM VEÍCULOS OFICIAIS, ÔNIBUS, OU DE PESSOAS COM INFLUÊNCIA????
APENAS POBRES TRABALHADORES QUE SOFREM PARA PODER TER ALGUMA COISA.

rodrigo 24 de fevereiro de 2015, 15:33h - 15:33

Parabéns, mt certo!

Ronaldo Fenômeno 24 de fevereiro de 2015, 17:14h - 17:14

Isso aí zé ruela, aplaude quem faz você trabalhar para pagar imposto.

Gabriel 24 de fevereiro de 2015, 11:30h - 11:30

Alguém compra veículo sem saber que tem que pagar IPVA todo ano e realizar a vistoria anual? Acho que não. Se todos sabem disso porque tanta reclamação? Todo dia encontramos veículos que não possuem a menor condição de trafegar, correndo o risco de atropelar pedestres ou bater em outros veículos. Carro é caro, IPVA é caro, seguro obrigatória é caro, vistoria anual é desorganizada, mas todos sabem disso antes mesmo de adquirir um veículo. Se todo mundo anda certinho não tem corrupto que ganhe dinheiro, não tem máfia de guincho porque não vai ter carro pra guinchar. Que paga absurdo de depósito quando o carro é levado. Anda em dia, cumpra suas obrigações que não vai precisar passar por nada disso.

Deisy 24 de fevereiro de 2015, 13:49h - 13:49

Concordo com o Gabriel… Se o veículo está com a documentação em dia não há o que temer.
O que acontece é que muitos acham que carro é só gasolina.
tem que recolher mesmo, principalmente esses carros que estão caindo aos pedaços.
O pior são os que compram carro e nem garagem tem….. Fazem das ruas estacionamentos privativos.
Quem não tem como bancar não deve ter carro.

rodrigo 24 de fevereiro de 2015, 15:28h - 15:28

Gabriel, você o puro burgués frouxa, que contaminam esse Brasil!

Al Fatah 24 de fevereiro de 2015, 20:52h - 20:52

Multa sim, apreensão não. Veículo só deveria ser apreendido se colocar em risco a vida das pessoas, não por estar devendo IPVA…

Rafael 24 de fevereiro de 2015, 10:14h - 10:14

Al Fatah perfeito em todas suas colocações. cadê o Ministério Publico ????

Alberto Ricardo Marques 24 de fevereiro de 2015, 09:18h - 09:18

Sou favorável ao cumprimento da Lei; mas esta, deve ser justa, e, a verdadeira justiça consiste em atribuir tratamentos desiguais para circunstâncias iguais. Por conseguinte não acho justo rebocar, também, da mesma maneira quem está com o IPVA, pago; este deveria ter um outro tratamento. Até que prove o contrário é ABUSO DE PODER.

wagner 24 de fevereiro de 2015, 07:51h - 07:51

realmente a vida parece estar imitando a arte,pois depósitos e veiculos e reboques são alugados…..a quem pertencem mesmo?

anderson 23 de fevereiro de 2015, 23:20h - 23:20

com o 2014 no verde final da placa zero , com o ipva pago meu carro será recolhido ou tenho até o m~es 08 para fazer a vistoria , no prazo da placa

MELO 23 de fevereiro de 2015, 23:17h - 23:17

Eu não tenho nem Palavras pra comentar tamanho absurdo. o meu CORAÇÃO ESTÁ MAGOADO E FERIDO COM TUDO ISSO. É O QUE EU TENHO A DIZER.

To ligado 23 de fevereiro de 2015, 23:09h - 23:09

O rombo da roubalheira da Petrobras tem que ser suprido de alguma forma !! impostos aumentando a todo vapor esse e o Brasil !

Olha só essa!!! 23 de fevereiro de 2015, 23:07h - 23:07

Tentei agora a pouco entrar no site do Detran/RJ para solicitar agendamento para a vistoria, com o único e exclusivo objetivo de tentar não ter que passar por esse constrangimento que tantos colegas condutores estão passando e tive a grata surpresa, que na verdade não foi surpresa nenhuma em não encontrar o posto de atendimento do Detran da minha cidade (VR) e muito menos (BM) com disponibilidade de vagas para agendamento. O que fazer nessa hora? Rir ou chorar? O Governo te acua baseado na lei que o respalda, mas por outro lado não disponibiliza recursos para que você possa cumprir com seu dever de contribuinte. O que fazer? Ministério Público e demais autoridades estamos aguardando pareceres sobre essa situação que no mínimo incomoda o cidadão de bem e cumpridor dos seus deveres.

rodrigo 24 de fevereiro de 2015, 15:31h - 15:31

amigo, vamos mudar para os EUA!

kaio 23 de fevereiro de 2015, 22:16h - 22:16

lembrando q e ilegal a aprienção de veiculo se ele esta com todas as suas dividas quitadas ipva multas então ta do ministério publico atua pq isso vai contra o direito de propriedade se acontece comigo eu ia pra delegacia na hora e dava queixa de roubo pq isso e um roubo o carro ta quitado n devo nd pra união

Indignado 23 de fevereiro de 2015, 22:01h - 22:01

Se não é justo alguns cidadãos realizarem o processo e outros não realizarem a vistoria, também não é justo o calendário de vistoria e nem o do IPVA porque alguns tem o prazo maior do que outros. Isso é incoerência!

Al Fatah 23 de fevereiro de 2015, 21:06h - 21:06

Como já disse, sou favorável à multa em desfavor dos inadimplentes, mas apreensão não tem cabimento. Imagine se confiscam sua casa se seu IPTU estiver atrasado? Se a Receita Federal bloqueia seu salário enquanto vc não paga o IR ou qualquer outro tributo?… O governo não pode sequestrar um bem sem antes haver todo um processo judicial que garanta ampla defesa do espoliado, isso é imoral. Ainda mais sujo é cobrar valores escorchantes pelo tempo de permanência do veículo sob custódia do estado… É uma das práticas mais espúrias que o poder público tem levado a cabo nos tempos atuais, não sei como o MP e o Movimento Ética na Política ainda não se manifestaram quanto a isso, impetrando uma ACP…

Vamos lá, Zezinho e Promotores! É fácil cobrar mudança de nome de pontes e que caminhões não estraguem a fachada das casas dos barões. Quero ver trabalhar de verdade, eis aí a oportunidade!…

êta povinho corrupto 23 de fevereiro de 2015, 21:03h - 21:03

Mais corruptos pegos?? kkkkk Depois jogam a culpa da corrupção no MEU BRasil, no POVO e nos políticos, né? Vai ver muitos desses votaram na Dilma/Pezão e no prefeito que tbm não cumpre as leis, inclusive a lei contra nepotismo que agora está cassado por 7X0 e governando por liminar.

João Miguel 23 de fevereiro de 2015, 20:52h - 20:52

Fazer blitz em interior é fácil,quero ver esses “marimbondos”ir pra capital…

Al Fatah 23 de fevereiro de 2015, 20:48h - 20:48

Volta Redonda é penalizada duas vezes nessa operação, porque essa de Barra Mansa é praticamente no limite municipal. Engraçado que é sempre nessa entrada, nunca fazem na Bocaininha, Cotiara e nos outros acessos de Barra Mansa…

Mais um 23 de fevereiro de 2015, 21:08h - 21:08

Acho que eles não fazem em lugar que tem câmera…

Comments are closed.

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996