terça-feira, 7 de julho de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Destaque / Novos atores em cena

Novos atores em cena

Matéria publicada em 19 de fevereiro de 2015, 22:02 horas

 


Sala Preta abre suas portas para novos talentos, curso inicia-se hoje em Barra Mansa, com atividades de leitura, vídeos e oficinas de intercâmbio

No palco: Atores com ou sem experiência vivem a magia de atuar no teatro (Foto: Bravo)

No palco: Atores com ou sem experiência vivem a magia de atuar no teatro (Foto: Bravo)

Uma metodologia diferenciada e cheia de experimentações. Assim é o curso de Teatro do Coletivo Teatral Sala Preta. Além de manter uma prática de eixo com jogos e improvisação, ViewPoints e teatro físico. O aluno é levado a refletir, pesquisar e praticar o teatro durante todo o ano. O início das aulas começa hoje (20) e acontecem na sede do Sala Preta, na Av. Joaquim Leite, 604/208, no Centro de Barra Mansa. Os alunos serão divididos em duas turmas. A turma I, intitulada, “Autores Teatrais”, será as sextas-feiras das 19h às 22h e é destinada para interessados a partir de 13 anos com ou sem experiência anterior em teatro. A turma II, “Dramaturgia em Processo”, será aos sábados, das 14h às 18h é, para interessados acima de 16 anos, também com ou sem experiência. No segundo semestre as turmas iniciam o processo de montagem de um espetáculo, no qual além de atuarem, participam da criação dos figurinos, cenários, sonoplastia e outras áreas da montagem teatral. O curso oferece sempre atividades complementares como leituras de texto dramáticos, vídeos, estudos e oficinas de intercâmbio.

O coordenador do curso, ator e professor, Danilo Nardelii, conta quais serão os focos das turmas.

– O diferencial do curso esse ano é que já começamos definindo o foco de trabalho de cada turma. Na turma de hoje, o objetivo são os autores teatrais. Então módulos como dramaturgia, cenário, figurino e os próprios jogos cênicos são pensados para instrumentalizar os alunos para encenação de textos existentes. Na turma de sábado (amanhã), o mais interessante é que nela que o Sala Preta exercita a docência daquilo que pratica, que é intervenção em espaço urbanos e não convencionais. Com essa característica, os módulos são pensados de forma que colaborem com a compreensão desse tipo de teatro – disse, acrescentando que as aulas do Sala Preta oferecem dois procedimentos, duas visões e abordagens em teatro para que o aluno possa escolher o que mais identifica ou o que ele queira pesquisa.
Vale ressaltar que o curso Sala Preta teve sua primeira turma em 2013, com a montagem do espetáculo o “Casamento do Pequeno Burguês”. Em 2014, foram duas montagens, “Transreal” e “Cenas do absurdo”.

Turma I – Autores Teatrais
Início hoje de 19h às 22h
O foco de trabalho desta turma é a pesquisa e encenação de textos já existentes de dramaturgos da história do teatro e/ou da atualidade. Como por exemplo: montagem de um texto, adaptações, colagens, investigação do universo de algum autor, etc.

Estrutura do curso
Eixo:
Jogos e Improvisação (Danilo Nardelli)
Módulos:
Música e Ritmo Cênico (Bianco Marques)
Visualidade e Espaços Cênicos (Thiago Delleprane)
Dramaturgia e Análise de Textos (Danilo Nardelli)
Figurino (Suzana Zana)
Montagem (Danilo Nardelli)

Turma II – Dramaturgia em Processo
Sábados de 14h às 18h

O foco de trabalho desta turma é para as dramaturgias em processo no espaço não convencional (ruas, galerias, galpões, etc). A narrativa surgirá do próprio grupo e de sua relação com os espaços da cidade. A montagem desta turma integra a programação da tomada urbana.

Estrutura do curso
Eixo:
Teatro de Rua (Rafael Crooz)
Módulos:
Música e Ritmo Cênico (Bianco Marques)
Performance (Thiago Delleprane)
Dramaturgia em Processo (Danilo Nardelli)
Figurino (Suzana Zana)
Montagem  (Rafael Crooz)


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document