Prefeito de Barra Mansa garante emprego de rodoviários após licitação

by Diário do Vale
Garantia: Em reunião, Jonas afirma que uma das exigências do edital é que a empresa vencedora absorva mão-de-obra local (Foto: Divulgação)

Garantia: Em reunião, Jonas afirma que uma das exigências do edital é que a empresa vencedora absorva mão-de-obra local
(Foto: Divulgação)

Barra Mansa –

O prefeito Jonas Marins (PCdoB) afirmou na tarde de hoje que independente de qual empresa sair vencedora da licitação do transporte público, os rodoviários não ficarão desempregados. Esse anúncio foi feito durante uma reunião com o presidente do Sindicado dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário de Barra Mansa, Raimundo José Filho, e uma comissão formada por rodoviários.
Ao lado do presidente da Comissão Especial de Licitação do Transporte Público, Jonathan Aguiar, e do procurador geral do município, Ernesto dos Santos Neto, Jonas explicou aos sindicalistas detalhes do processo licitatório em aberto. Segundo o prefeito, os rodoviários podem ficar calmos, pois a hipótese deles não conseguirem uma colocação na empresa que vencer a licitação é inexistente, uma vez que o trabalhador esteja qualificado à função.
– Uma das exigências do edital é que a empresa vencedora absorva a mão-de-obra local. Não quero ninguém desempregado, ao contrário, quero é que mais pessoas sejam empregadas em nossa cidade e, pela quantidade de linhas, é bem provável que isso aconteça – afirmou o prefeito.
Com a garantia que os rodoviários continuarão empregados, Raimundo afirmou que é preciso agora investir na qualificação, para que o trabalhador esteja qualificado para a função que irá exercer na empresa campeã da licitação.
– A nossa dúvida era se por acaso uma empresa de fora ganhasse a licitação se os trabalhadores continuariam empregados. Tivemos a garantia do prefeito de que 100% dos rodoviários continuarão empregados. Agora é importante que o trabalhador se organize, faça cursos e se qualifique para a função exercida. Vai acabar essa história de desvio de função – destacou o presidente do sindicato.

A licitação

Os envelopes para a licitação serão entregues no dia 3 de março. Segundo o presidente da Comissão Especial de Licitação do Transporte Público, Jonathan Aguiar, caso não haja recursos dos licitantes que atrasem o processo licitatório, a empresa vencedora da concorrência começara a atuar ainda em 2015.
– Será por qualidade técnica e preço. A empresa tem que apresentar a melhor proposta técnica e condições de executá-la, além de garantir a menor tarifa. E, ainda faz parte dos critérios de pontuação do edital, a empresa que declarar que vai absorver mais mão de obra existente – destaca.
Raimundo explica que será criada uma comissão com um funcionário e um diretor das empresas, hoje atuantes no município, para acompanhar a licitação. Já na hora de decidir os valores dos salários dos rodoviários, o presidente do sindicato destaca que uma outra comissão, composta por três funcionários e dois diretores do sindicato, irá negociar a remuneração dos trabalhadores com a campeã da licitação.

You may also like

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996