domingo, 8 de dezembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / Campanha Nome Limpo termina neste sábado

Campanha Nome Limpo termina neste sábado

Matéria publicada em 21 de novembro de 2019, 13:05 horas

 


Volta Redonda – A campanha “Nome Limpo, Crédito Forte”, realizada pela CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas), termina neste sábado, 23. Além de regularizar a situação dos inadimplentes no comércio, a campanha objetiva ainda incentivar a recuperação do poder aquisitivo dos consumidores para que possam voltar a comprar.

A meta da CDL é ainda atrair público para participar da Black Friday Natal Família, que vai sortear no dia 30 deste mês,  dez vales-compra de R$ 1 mil cada um. Os cupons serão distribuídos pelas lojas participantes, aos clientes que realizarem compras, a partir de R$ 60,00, entre os dias 25 e 29 de novembro.

Nome limpo

A negociação entre empresas e consumidores que tenham dívidas em atraso estão sendo feitas na sede da CDL-VR, na Rua Simão da Cunha Gago, número 19, bairro Aterrado. Os interessados podem solicitar uma pesquisa do nome no CPF, para saber onde está devendo e assim renegociar as dívidas com as lojas, bancos e outras instituições. A consulta é gratuita durante esse período. O telefone para tirar dúvidas sobre a campanha é (24) 3344-8050.

A CDL-VR também incentiva as lojas, escritórios e instituições bancárias da cidade a oferecerem uma melhor condição de pagamento dos débitos em atrasos, como descontos da dívida ou parcelamento. “A ideia é que essa renegociação seja positiva tanto para o lojista, quanto para o consumidor para que ninguém fique prejudicado. Todo ano, a campanha acontece com o objetivo de dar oportunidade aos inadimplentes para reativarem o poder de compra, quitando dívidas e saindo da lista do Serviço de Proteção ao Crédito, o SPC, e do Serasa”, comentou o presidente da CDL-VR, Gilson de Castro.

Dados

Os dados do indicador do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostram que, em termos percentuais, 39,36% da população adulta, entre 18 e 95 anos, estão com o nome bloqueado para compras a crédito. Em Volta Redonda, esse número gira em torno de 13%. “Embora ainda seja bem menor, o percentual ainda é preocupando, o que reforça a importância da campanha Nome Limpo, Crédito Forte”, acrescentou Gilson.

No país, o número de pessoas inadimplentes passou de 59 milhões para 61,8 milhões segundo o Serasa, que aponta esse número um recorde, ou seja, mais de 40% dos brasileiros estão com o nome negativado. Apesar desse número alto, a renegociação de dívidas em aumentando e chegou a crescer 4,3% neste ano, mas, em Volta Redonda esse número é maior: ultrapassa a casa dos 6%.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document