Nova construtora assume obras do Park Sul Shopping, em Volta Redonda

Por Diário do Vale
215 Visualizações
Acelerando: Neto levou comitiva do governo para visitar canteiro de obras e estande de negócios (Foto: Divulgação)

Acelerando: Neto levou comitiva do governo para visitar canteiro de obras e estande de negócios (Foto: Divulgação)

Volta Redonda

As obras do Park Sul Shopping, na Rodovia dos Metalúrgicos, foram retomadas, após ficarem paradas durante os últimos meses. A construtora responsável pelo serviço agora é a Racional Engenharia, que entrou no lugar da João Fortes.  O prazo de inauguração será mantido para dezembro de 2016.

A mudança das construtoras ainda será oficializada, mas quem passar pelo canteiro de obras ou visitar o estande de negócios do grupo “Shop Invest” – ambos localizados na Rodovia dos Metalúrgicos – poderá conferir a chegada da nova empresa. Ontem, por exemplo, foi a vez do prefeito Antônio Francisco Neto (PMDB), conduzir uma comitiva do governo municipal até o local. No grupo estava o secretário de Fazenda, José Carlos Abreu, o titular da pasta de Desenvolvimento Econômico, Jessé de Holanda Cordeiro Júnior, o comandante da Guarda Municipal, Luiz Henrique Monteiro Barbosa, e o assessor especial do prefeito, José Eduardo Rezende.
– O objetivo desta visita é nos colocar a disposição do grupo de investidores e da construtora para que as obras ganhem agilidade. Estou satisfeito com o que estou vendo aqui no canteiro de obras e acredito que em 2016 a população terá esse espaço concluído – disse Neto, que estava acompanhado ainda do deputado federal Deley de Oliveira (PTB) e do vereador barramansense Luiz Antônio Cardoso.
O Shopping Park Sul contará com sete lojas-âncora, cinco megalojas, 170 lojas-satélite, seis salas de cinema multiplex (sendo todas com tecnologia 3D), praça de gastronomia com 19 operações de fast-food, dois bares temáticos, praça com restaurantes com vista panorâmica, área de lazer com jogos eletrônicos, além de alameda de serviços e aproximadamente duas mil vagas de estacionamento. Todo o shopping será climatizado, inclusive os corredores.
Apesar da mudança de construtora, as lojas âncoras já anunciadas continuam no projeto: C&C – Casa e Construção, Riachuelo, Kalunga (informática e papelaria), Ri Happy (brinquedos), Marisa, C&A e Leader. De acordo com Jessé de Holanda, outras lojas importantes serão anunciados em breve pelo grupo que controla o empreendimento.
– Esse shopping consolida a ideia de criar um novo braço de desenvolvimento em nossa cidade. Nenhuma outra cidade do porte de Volta Redonda possui tantos centros comerciais – disse Jessé.
O novo shopping terá 90 mil metros quadrados construídos e área bruta locável de 33 mil metros quadrados, distribuídos em dois pavimentos. Em termos de distância, o Park Sul vai ficar a 3,5 km do Centro da cidade, 1,5 km da Avenida Amaral Peixoto e 6,5 km da Via Dutra.
A estimativa é que durante a fase da construção do empreendimento sejam gerados cerca de 2 mil empregos diretos e indiretos. Quando estiver em operação, em 2016, a estimativa e de serem geradas outras três mil vagas de trabalho.
A Racional Engenharia, que assumiu o controle das obras, é conhecida por construir e realizar interenções em alguns dos maiores shoppings do país. Entre eles o Barra Shopping, Village Mall e Shopping Iguatemi Alphaville.

Advertisement

VOCÊ PODE GOSTAR

5 Comentários

bocavr 24 de fevereiro de 2015, 10:46h - 10:46

A pergunta que não quer se calar:
-A “João Fortes” saiu por quê???
-A representação de que a empreiteira era mesmo a “João Fortes” no comando desse projeto???

vava 24 de fevereiro de 2015, 06:47h - 06:47

è brincadeira esse prefeito com a cidade toda merdada e ele preoculpado com shooping, e a rodovia do contorno prefeito ? cade a sua promessa ?

marcelo 23 de fevereiro de 2015, 22:34h - 22:34

Otimo para a cidade quem sabe façam um shopping sustentável,energia solar ,cptação de agua,e so procurar a metalurgica Cone Sul.

Paulo Roberto 24 de fevereiro de 2015, 09:17h - 09:17

Mas falta saber se vai ter mais linha de ônibus para atender à região desse shopping. Ou se finalmente vai ter o Bilhete Único, para que mais pessoas possam chegar lá. Atualmente nem um ponto de ônibus decente tem do outro lado da rodovia, que por sua vez é estreita para tantos carros que vão se dirigir para lá. Afunila também o acesso pela Rua Gustavo Lira e na principal do São Geraldo. Resumindo, a PMVR que crescimento, mas não faz planejamento. Aí, quando o shopping deixar de sere novidade, a maioria volta para a Vila.

Paulo Roberto 23 de fevereiro de 2015, 22:05h - 22:05

Quando o filho está ficando bonito aparecem pais de todos os níveis para a exposição na mídia. Já com o filho feio, os “aspones” é que surgem para dizer que o pai não é municipal e sim estadual, federal ou particular e que o chefe da cidade e seus afilhados nada têm a ver com aquela criança rejeitada.

Comments are closed.

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

 

(24) 99926-5051 – Jornalismo

 

(24) 99234-8846 – Comercial

 

(24) 99234-8846 – Assinaturas

Canal diário do vale

colunas

© 2023 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996