quinta-feira, 12 de dezembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / Férias de julho

Férias de julho

Matéria publicada em 16 de junho de 2019, 10:30 horas

 


Agências garantem que ainda dá tempo de programar viagem

Volta Redonda e Barra Mansa – Há um mês para as férias escolares de julho, quando muitos pais também conciliam o período de recesso no trabalho com o das crianças, agências de turismo da região garantem que ainda dá tempo de programar um passeio em família e o melhor, com preços acessíveis.

Conforme explica a gerente de uma agência de turismo de Volta Redonda, Rosana Francisco, isso é possível porque as agências fazem o que classificam de “bloqueio”, ou seja, elas efetuam a compra de passagens aéreas e destinos antecipados para que, no momento certo, possam ser negociados junto ao cliente.

– Quem não se programou e decidiu viajar nas férias de julho, daqui a um mês, deve procurar a agência de turismo o mais rápido possível porque, devido ao bloqueio, ainda é possível encontrar disponibilidade para o destino desejado. Nesta época do ano, aqui na agência, a procura maior é para as cidades do Nordeste, onde tem calor o ano inteiro e lugares no Sul, como Florianópolis e Serra Gaúcha. Tem destino para todos os gostos e, como é muito comum surgirem clientes de última hora, fazemos esse bloqueio para que possamos atendera todos com preços mais acessíveis – disse a gerente.

Segundo ela, embora não seja prever um percentual, a expectativa é a de que até a primeira quinzena de julho, a procura por pacotes para as férias tenha um crescimento considerável. “As pessoas deixam para a última hora e, mesmo o país enfrentando um problema econômico, muitas acabam dando um jeitinho e optando pelo passeio”, acrescentou.

Conforme explica o agente de uma grande rede de agência de turismo, Richard Oliveira, por conta do processo de bloqueio, ele também consegue garantir a seus clientes a oportunidade de um bom pacote de viagens, ainda que seja programado em cima da hora.

– Como são negociadas grandes quantidades, conseguimos valores baixos. Então pegamos esses assentos, os hotéis e determinados destinos e montamos um pacote fechado – disse.

De acordo com Richard, este ano na agência, para as férias de julho, o carro chefe das viagens está sendo os pacotes para Santiago do Chile, onde muitos brasileiros têm a oportunidade de ver a neve, e para Balneário Camboriú, em Santa Catarina, onde fica o Beto Carreiro. Além desses destinos, ele cita como opções os hotéis fazenda de Teresópolis, da região do Vale do Paraíba e da Serra da Mantiqueira, também muito procurados para este período do ano.

De última hora

A advogada Shirley Santos Souza, de 39 anos, resolveu fazer uma viagem com a filha de oito anos, nessas férias de julho, há um mês. O destino escolhido foi Balneário de Camboriú e, conforme conta a Shirley, ela se surpreendeu pelo fato de ter encontrado um pacote com um preço acessível, faltando tão pouco tempo para o passeio. O segredo, segundo ela, é pesquisar os valores.

– Minha filha mudou de ideia e não quis mais festa de aniversário, preferiu ir para o Beto Carreiro. Pensei que fosse pagar um preço absurdo, por ser um período de alta temporada, mas acabei indo em várias agências até conseguir algo que coubesse no meu orçamento. Resolvemos de última hora, mas, embora tenha tido que parcelar parte do passeio no cartão de crédito, não vai pesar tanto. Eu consegui pegar três folgas no trabalho e agora é contar nos dedos o dia da viagem para aproveitarmos – enfatizou a advogada.

Por Roze Martins


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document