terça-feira, 20 de agosto de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / Meirelles diz que recessão acabou e é hora de investir no Brasil

Meirelles diz que recessão acabou e é hora de investir no Brasil

Matéria publicada em 20 de setembro de 2017, 16:19 horas

 


Meirelles nega que seja candidato á presidência no ano que vem

Meirelles nega que seja candidato á presidência no ano que vem


Brasília –
O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse hoje (20) que o Brasil saiu da  “pior recessão da história” e que agora é o momento de investir no país. A afirmação foi feita no seminário Oportunidades de Investimentos no Brasil, promovido pelo jornal Financial Times, em Nova York.

“Agora é o momento que a economia vai começar a crescer, mas os preços ainda não refletem essa retomada”, disse o ministro. Meirelles destacou a aprovação da reforma trabalhista, o estabelecimento de um teto para os gastos públicos e a proposta de uma taxa de juros do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) mais alinhada com o mercado como fatores que melhoraram a situação do país. Além disso, segundo ele, o governo está empenhado em aprovar a reforma da Previdência.

“Os agentes econômicos estão confiantes que estamos no trilho certo e a economia vai continuar crescendo”, disse.

Perguntado sobre um vídeo nas redes sociais em que aparece pedindo oração a pastores pela geração de emprego e pela economia, o ministro respondeu que é preciso “juntar todo o apoio” da sociedade. “Evidentemente, eu falo muito para homens de negócios, banqueiros e investidores. Estou sempre falando com esses grupos. Decidi que também era um momento de falar com outras partes da sociedade também”, disse.

Na semana passada, Meirelles recebeu para almoço em sua casa deputados da bancada de seu partido, o PSD. Ele foi convidado para ser candidato a presidente nas próximas eleições. Meirelles, no entanto, negou que seja pré-candidato.

Recuperação gradual

Mais cedo, o presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, disse, também em Nova York, que o crescimento econômico no Brasil está em recuperação gradual, depois de dois anos em recessão. Goldfajn afirmou que o impulso para a recuperação veio do crescimento do consumo, estimulado pelos ganhos de renda com a “forte desinflação”. “O próximo passo para um crescimento sustentável e equilibrado virá de novos investimentos”, disse.

Em agosto, o governo federal anunciou concessões de aeroportos, rodovias e terminais portuários e privatizações, como da Casa da Moeda.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

6 comentários

  1. Avatar

    ESTE AI É PIOR QUE O DITADOR COREANO COM UMA CANETA DESTROI O POVO BRASILEIRO!
    CANALHA!

  2. Avatar

    Eu não sei de onde esse senhor se baseia para falar que a recessão acabou. Os dados do IBGE e DIEESE não confirmam.

    Recebido nesta manhã de sexta-feira a prévia da Sondagem da Confiança da Indústria de setembro de 2017 sinaliza alta de 0,1 ponto em relação a agosto.

    Alta de 0,1 ponto percentual na sondagem que se encerra em 29/09 e o ministro ESTÁ ACHANDO que a recessão acabou?? E os 13 milhões de desempregados? Como as indústrias irão funcionar?? Como a recessão está acabou??

    É uma piada que só os ELEITORES DE BANDIDOS do PMDB e partidos ALIADOS acreditam.

  3. Avatar

    Bandido FDP. O povão desempregado e uma grande parcela que está empregada ganhando mal. País onde direita e esquerda pro povão não funciona. Se é pobre, tá todo mundo fudid….

  4. Avatar
    Brasil : Carregando Aguarde....

    Os indicadores do DIEESE ainda não refletem os números anunciados, por outro lado, os investimentos dos Chineses e dos Canadenses em Infraestrutura ( Energia, Aeroportos, Portos) superaram os R$ 50 Bilhões (dos R$ 300 Bi que o setor esperava), e e ANP informa que a retomada de leilões pode gerar investimentos de R$ 850 bi em 10 anos.

    Se concretizarem esses números, estaremos deixando para trás a recessão por completo, e iniciaremos um novo ciclo na economia. Acredito que a crise veio mudar nos brasileiros o sentido de urgência e de boa gestão da coisa pública. Espero que assim como eliminamos o desejo de inflacionar no Plano Real ( que para mim foi a maior vitória que o Brasileiro poderia ter, deixar de inflacionar as coisas e acreditar no crescimento econômico e do consumo), iremos olhar mais de perto a gestão pública, que diga-se de passagem, deixamos qualquer um gerir nosso dinheiro sem controle. Agora estamos correndo para reverter todo o prejuízo que a Lava Jato nos mostrou…

  5. Avatar

    Depois de três anos seguidos de queda no PIB e inflação alçando voos cada vez maiores com a ex-presidente Dilma, finalmente com uma equipe econômica séria do presidente Temer, conseguimos ver agora uma luz no final do túnel!!!!

  6. Avatar

    VIVA!!!!!!! AGORA SIM SOMOS UMA POTÊNCIA MUNDIAL!!!!! A COXINHOLÂNDIA VAI TRATORAR OS EEUU!!!!!!!!!

Untitled Document