quarta-feira, 8 de abril de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / Ministro do TST considera ilegal greve dos petroleiros

Ministro do TST considera ilegal greve dos petroleiros

Matéria publicada em 18 de fevereiro de 2020, 07:39 horas

 


Ministro Ives Gandra Martins Filho, do Tribunal Superior do Trabalho (TST), considerou ilegal a greve dos petroleiros da Petrobras (crédito AB)

Brasília – O ministro Ives Gandra Martins Filho, do Tribunal Superior do Trabalho (TST), decidiu  considerar ilegal a greve dos petroleiros da Petrobras, iniciada há 17 dias . Cabe recurso contra a decisão. A previsão é de que o dissídio coletivo seja julgado pelo TST no dia 9 de março.

Na decisão liminar, o ministro também autorizou a estatal a impor sanções disciplinares contra os grevistas, entre elas, corte de salário e demissão por justa causa como forma de garantir o cumprimento do efetivo de 90% dos petroleiros trabalhando para não interromper a produção da Petrobras.

Na decisão, Ives Gandra Filho entendeu que a greve é abusiva porque não foram cumpridas diversas determinações de outras liminares concedidas à empresa para garantir as atividades.

“As medidas judiciais até o momento deferidas, concernentes a bloqueio de contas bancárias e autorização de retenção de repasse de mensalidades associativas e contratação emergencial de pessoal não têm surtido efeito em coibir os abusos, até porque a maioria das entidades sindicais, cientes das ordens judiciais, promoveram esvaziamento prévio de contas, a par de se ter notícia da hostilização de trabalhadores contratados em caráter emergencial”, disse o ministro.

A greve foi deflagrada para protestar contra as demissões que devem ocorrer na Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados do Paraná (Fafen-PR), que deve ser fechada pela Petrobras. Segundo a Federação Única dos Petroleiros (FUP), a suspensão das atividades vai provocar a demissão de mil trabalhadores. De acordo com a FUP, o acordo coletivo de trabalho não está sendo respeitado pela estatal.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

8 comentários

  1. Avatar

    Eu trabalho no sistema PETROBRAS (TBG) e afirmo para vocês que a motivação dessa grave é política, ordenada pelo PT aos sindicatos.

    Em relação aos funcionários da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados do Paraná (Fafen-PR): É inconstitucional que a PETROBRAS absorva esse funcionários (pouco mais de 300) pois os mesmo não fizeram concurso público (exigência para todos nós do sistema PETROBRAS). Quando a PETROBRAS comprou a fabrica, no governo PT, essa nunca deu lucro (nem antes da compra pra falar a verdade), a PETROBRAS acabou mantendo os empregados da empresa. Tem algum tempo que a empresa vem tentando vender essa fábrica, mas não consegue compradores e resolveu fechar as portas.
    A Justiça não permite que o sistema absorva esses funcionários. A PETROBRAS está pagando todos os direitos trabalhistas e além disso, está propondo indenizações que vão de 50 a 200 mil dependendo do tempo de serviço.
    Procurem saber.

  2. Avatar

    Para um Ministro do TST dar ilegal é porque tem coisa errada, é gente com medo de perder a mamata, não acredito que seja trabalhador comum, pois as estatais como o Mec foram aparelhados com militantes do PT que aumentou com a Dilma na presidência .

  3. Avatar

    Quem não conhece a família Gandra? Kkkk me espantaria se algum deles se manifestasse a favor de trabalhadores.

  4. Avatar

    Ilegal é o posicionamento interesseiro e covarde do judiciário e todos os pinduricalhos milionários que recebem.
    Agora me diga, como em 18 dias de duração de uma greve tão ampla de petroleiros, que afeta toda a sociedade brasileira, o jornal não disse nada sobre isso?! Porque boicotaram as vozes dos grevistas mas agora só dão espaço ao judiciário que os condenam?! Força Petroleiros!

  5. Avatar

    Não é de se esperar que juizes, desembargadores, ministros do supremo dê ganho de causa aos trabalhadores para conquistas trabalhalistas, no congresso criasse leis para impor barrareiras, nada disso seria preciso se tivéssemos salários que a população brasileiras pudessem sustentar suas famílias com dignidade.

    • Avatar

      Trabalhador nesse País comandado por esse autoritário só leva fumo e ainda tem bobo defendendo esses tralhas ….

Untitled Document