Nova queda na taxa de juros favorece investimento imobiliário em 2024

Redução da taxa Selic estimula a procura por imóveis e pode contribuir para o início de um novo ciclo de crescimento do setor.

by Agatha Amorim

O diretor da Tostes e Diniz, Rodrigo Tostes, afirma que o momento é uma grande
oportunidade para investidores. (Foto: Divulgação)

Sul Fluminense – Em um movimento já esperado pelo mercado, o Comitê de Política Monetária (Copom) anunciou, no dia 20 de março, a redução da taxa Selic para 10,75%, marcando o início de um ciclo favorável para o mercado imobiliário. Este corte de 0,5 ponto percentual sinaliza a taxa mais baixa desde março de 2022, tornando o momento ainda mais promissor para investidores interessados no setor.

Com o mercado aquecido, a construtora Tostes e Diniz, com mais de 35 anos de experiência na região do Sul Fluminense, prevê um crescimento substancial. Em 2023, o setor imobiliário já demonstrou sinais de vitalidade. De janeiro a dezembro, o mercado imobiliário registrou um crescimento de 32,6% nas vendas de imóveis novos, em comparação com o mesmo período do ano anterior, segundo dados do indicador Abrainc-Fipe, um levantamento da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc).

Para 2024, as expectativas são ainda mais animadoras. “A conjuntura atual, com juros em queda, apresenta uma oportunidade rara e valiosa para investidores, pois, ao mesmo tempo que torna os imóveis mais acessíveis a curto prazo, devido à diminuição dos custos com financiamento, também projeta ganhos significativos para quem está pensando em adquirir um imóvel agora, uma vez que o aquecimento que a queda dos juros traz ao mercado reflete em uma valorização nos preços dos imóveis a médio e longo prazo”, afirma Rodrigo Tostes, diretor da Tostes e Diniz. A construtora destaca-se pela diversidade de suas ofertas, que vão desde modernos studios até apartamentos mais espaçosos, projetados para atender a diferentes necessidades de mercado.

Especialistas apontam para a continuidade da redução dos juros, com previsões otimistas que sugerem a possibilidade de alcançar a marca de 9% até o final de 2024. Este cenário oferece um terreno fértil para quem busca diversificar e solidificar seus investimentos, com a compra de imóveis se mostrando uma estratégia atraente tanto para a segurança quanto para a rentabilidade a longo prazo.

Especialista em lançamentos de produtos imobiliários, Tamara Carvalho, alerta para um momento de oportunidades. “Após um período de altas taxas de juros, os imóveis estão com preços congelados, ainda sem reajustes. Com a queda nos juros, a tendência imediata é o aumento do valor dos imóveis, fazendo do período atual uma grande onda de oportunidade para comprar ainda com preços baixos e com previsão próxima de valorização”, comenta a diretora da Follow Comunicação, empresa que atua no segmento há mais de 15 anos.

Com quase 400 unidades residenciais em produção e dois lançamentos previstos para os próximos meses, além de uma variedade de opções já disponíveis, como o Smart Joaquim Leite em Barra Mansa e o Easy II em Volta Redonda, a Tostes e Diniz se posiciona como uma escolha estratégica para quem deseja aproveitar este momento do mercado.

Este novo ciclo que está se iniciando no mercado imobiliário não apenas ratifica o setor como uma excelente opção de investimento, mas também evidencia a importância de agir agora, para que o investidor garanta sua participação na valorização que se espera para este mercado nos próximos anos.

You may also like

Leave a Comment

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996