quinta-feira, 27 de fevereiro de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / SMDET vende mais quatro terrenos em condomínio industrial de Volta Redonda

SMDET vende mais quatro terrenos em condomínio industrial de Volta Redonda

Matéria publicada em 25 de outubro de 2018, 21:53 horas

 


Volta Redonda – A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SMDET) de Volta Redonda vai vender por leilão presencial, no próximo dia 5 de novembro, quatro terrenos em um condomínio empresarial às margens da Rodovia dos Metalúrgicos, que liga a Rodovia Presidente Dutra à Rodovia do Contorno. As terras fazem parte de um grupo que tem quatro terrenos já vendidos.

Além de gerar receita para o município com o valor referente à venda dos terrenos, a prefeitura também vai se beneficiar da receita de impostos a serem pagos pelas empresas que se instalarem. Além disso, os empregos que serão criados devem se destinar principalmente aos voltarredondenses e moradores de cidades vizinhas.

As empresas interessadas podem se cadastrar pelo site da prefeitura ou presencialmente até o início do leilão. Para o credenciamento deverão ser apresentados os seguintes documentos:

  1. a) Registro Comercial, em se tratando de empresário;
  2. b) Ato Constitutivo, Estatuto ou Contrato Social e suas alterações, devidamente registrados, em se tratando de sociedades comerciais, acompanhados, no caso de sociedade por ações, de documento de eleição de seus administradores;
  3. c) Cartão atualizado do CNPJ;
  4. d) Tratando-se de procurador: a procuração por instrumento público ou instrumento particular com firma reconhecida, da qual constem dentre outros poderes específicos para formular lances, negociar preço, interpor recursos e desistir de sua interposição e praticar todos os demais atos pertinentes ao certame, acompanhados do correspondente documento, dentre os indicados na alínea “b”, que comprove os poderes do mandante para a outorga;
  5. e) Documento de identidade com foto;
  6. f) Carta de Credenciamento emitida pelo representante legal da licitante, para o fim específico de participação na licitação;
  7. g) As microempresas e empresas de pequeno porte que desejarem utilizar-se da prerrogativa de que tratam a Lei Complementar nº 147/2014, devem apresentar obrigatoriamente declaração de enquadramento de MEI/ME/EPP conforme ANEXO IV.

Os interessados poderão solicitar esclarecimentos acerca do objeto do edital ou interpretação de qualquer de seus dispositivos em até 2 (dois) dias úteis anteriores à abertura da sessão, por escrito, no seguinte endereço: Central Geral de Compras, Praça Sávio Gama, n.º 63, Bairro Aterrado, Volta Redonda/RJ, de 9:00 até 16:00 horas, ou, ainda, através e-mail do e-mail: pregão@voltaredonda.rj.gov.br.

Prefeito vê leilões como parte do esforço para gerar empregos

O prefeito Samuca Silva afirmou que a venda dos terrenos vai trazer um reforço de receita para a prefeitura, mas disse que mais importante do que isso são os empregos que vão beneficiar Volta Redonda e a região:

— Claro que os recursos provenientes da venda e a receita dos futuros impostos são importantes para o município, mas o principal é a cidade estar gerando mais empregos. Somos, no momento, o município que mais ampliou seu mercado de trabalho no Estado do Rio nos últimos doze meses, e isso é positivo para os voltarredondenses e também para os moradores das demais cidades da região. Sabemos que muitos dos funcionários das empresas locais vêm de cidades vizinhas, assim como há voltarredondenses trabalhando nos municípios próximos. Isso é normal e saudável, e cada empresa que se instala em Volta Redonda beneficia toda a região, assim como ocorre com as que vão para outras cidades do Sul Fluminense. Um exemplo disso é que a CSN, ao movimentar seu Condomínio Industrial, atendeu não apenas Volta Redonda, mas também cidades como Porto Real e Valença — afirmou.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

6 comentários

  1. Avatar

    Parabéns Samuca ! Ótima visão…

  2. Avatar

    ESPERAMOS QUE VOCÊS DEIXEM TERRAS PARA FAZEREM CASAS PARA O PESSOAL QUE INVADIRAM A OBRA DA VILA DOS IDOSOS NO BELMONTE EM VOLTA REDONDA. AQUELA OBRA NÃO PODERA FICAR PARADA POIS O GASTOS PÚBLICOS FORAM MUITO GRANDE.
    É BOM VOCÊS DEIXAREM TERRA PARA AQUELES PESSOAIS

    • Avatar

      Prefeitura não existe pra dar terra de graça pra ninguém. Todo mundo veio de algum lugar, de alguma casa… As invasões são motivadas por interesses particulares, geralmente expectativa de lucro fácil, ou vieram de casa cheia, prole numerosa e agregados em excesso. O poder público nada tem a ver com isso, as pessoas têm que aprender a ser responsáveis…

    • Avatar

      SR. RATO VOLTA REDONDA tem tantos terrenos vazios cheios de Matos. PORQUÊ
      O PREFEITO colocou aqueles pessoais nas casas dos IDOSOS NO BELMONTE .
      OBRA que foram gastos milhões em benefício aos IDOSOS e IDOSAS da Região com o nome VILA DOS IDOSOS.

    • Avatar

      O PREFEITO DE VOLTA REDONDA poderia fazer um loteamento residencial de baixa renda ai próximos a estes terrenos para os invasores da VILA DOS IDOSOS NO BELMONTE.
      JA QUE NÃO PODE DAR VENDE MAIS BARATO O QUE NÃO PODE É FICAR INVADINDO OBRAS DA PREFEITURA.

  3. Avatar

    Enquanto isso temos uma obra da prefeitura invadida por sem terra. No Bairro BELMONTE EM VOLTA REDONDA
    A VILA DOS IDOSOS E DAS IDOSAS.

Untitled Document