Volta Redonda mantém liderança na geração de empregos na região

Dados do Caged referentes a fevereiro apontam saldo positivo de 517 contratações em relação aos desligamentos; este ano, cidade já tem mais de 800 novas oportunidades de trabalho criadas

by Agatha Amorim

Foto: Arquivo

Volta Redonda – A cidade de Volta Redonda mantém a liderança na região no que diz respeito à geração de empregos. Os números do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério do Trabalho, divulgados nessa quarta-feira (27), apontam um saldo positivo de 517 novas vagas de trabalho em fevereiro: foram 3.085 admissões, frente a 2.658 desligamentos. Esses números colocam a cidade como a primeira do Sul Fluminense e em oitavo lugar no estado em fevereiro.

O levantamento do Caged aponta, ainda, que Volta Redonda teve mais admissões que desligamentos em todos os setores. O melhor desempenho foi o da Indústria, com 284 (694 admitidos e 410 desligados); em seguida vem o setor de Serviços, com saldo positivo de 119 (1.263 contratações e 1.144 desligamentos). O Comércio fechou fevereiro com 70 contratações a mais que demissões (959 a 889); na área de Construção, foram 166 contratados e 125 demitidos, apontando um saldo favorável de 41; e a Agricultura teve três novos contratos, com nenhum desligamento no período.

No acumulado de 2024 (janeiro e fevereiro), Volta Redonda também é líder na região e a quinta maior geradora de oportunidades no estado do Rio, com um saldo de 817 vagas – atrás apenas da capital, Seropédica, Niterói e Nova Iguaçu.

Ao salientar que Volta Redonda também fechou 2023 com um saldo positivo – mais de três mil vagas –, o prefeito Antonio Francisco Neto vê os números já obtidos em 2024 como prova de que o projeto de reconstrução da cidade, iniciado em 2021, está dando certo.

“Trabalhamos há três anos nas mais diversas frentes. Estamos recuperando setores como a Saúde e Educação, e emprego é fundamental. Buscamos oferecer o melhor para todos os moradores, mas queremos que todos possam ter a oportunidade de ter um trabalho digno, com salário justo, para que possam manter suas famílias e exercer plenamente a cidadania”, afirmou Neto.

You may also like

1 comment

Pirata do Caribe 28 de março de 2024, 20:36h - 20:36

E o Assaí que seria construído na beira rio na altura do Belmonte? Ninguém fala mais nada. será se desistiram?

Reply

Leave a Comment

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996