quinta-feira, 27 de janeiro de 2022 - 11:30 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Botafogo e Inter tentam confirmar bom momento

Botafogo e Inter tentam confirmar bom momento

Matéria publicada em 11 de outubro de 2016, 23:58 horas

 


Rio – Um duelo entre duas equipes que tentam mostrar que podem tornar seus objetivos realidade. Assim pode ser definido o confronto entre Botafogo e Internacional, que se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h45(de Brasília), na Arena Botafogo, no Rio de Janeiro (RJ), pela trigésima rodada do Campeonato Brasileiro.

O Glorioso ganhou os dois últimos jogos, sendo o mais recente por 1 a 0 sobre o Figueirense em Santa Catarina, e chegou aos 44 pontos, brigando para entrar no G-6, a zona de classificação para a próxima Copa Libertadores. Já o Colorado vem de dois triunfos por 1 a 0, sobre Figueirense e Coritiba, e soma 33 pontos, brigando para deixar a zona de rebaixamento.

Jair Ventura, técnico do Botafogo, alertou seus jogadores sobre a importância deles não levarem em consideração a posição do Inter na tabela de classificação e guardarem na memória a subida de produção do adversário.

– O Internacional é um time que vem tentando construir uma história parecida com a nossa, de recuperação no Campeonato Brasileiro. Portanto, temos que sdaber dos problemas que vamos encontrar. Porém, ainda não alcançamois nenhyuma meta e seguimos precisando da vitória. Portanto, temos que nos impor – disse Jair Ventura.

Apesar de viver esse momento de crescimento no Internacional, o técnico Celso Roth quer ver uma evolução em relação aos jogos anteriores.

– Estamos crescendo na competição, porém, precisamos melhorar, pois estamos errando passes curtos e não encontramos o equilíbrio entre defesa e ataque. Contra o Botafogo qualquer erro pode ser fatal e por isso mesmo espero uma evolução em relação ao jogo anterior – avisou o treinador colorado.

Além da evolução, o Inter também aposta no talento para vencer.

– Temos jogadores em condições de desequilibrar e por isso mesmo acredito que podemos voltar do Rio de Janeiro com uma vitória – avisou o goleiro Danilo Fernandes.

Se o Inter aposta na força individual, o Botafogo prega a determinação. A ordem é manter a concentração ao longo dos noventa minutos e não desistir da vitória. Esse tipo de projeto foi colocado em prática na rodada passada e o Glorioso venceu com um gol nos acréscimos do segundo tempo.

– O jogo contra o Figueirense deve servir de exemplo pela maneira como nós nunca desistimos da vitória. Para muitos o empate nem seria um resultado ruim, mas a gente sabia que poderia buscar os três pontos pela maneira como a equipe estava se comportando. Tem momentos em que temos que correr riscos e esse foi um deles. Esse risco foi recompensado e conseguimos o nosso objetivo – disse o zagueiro argentino Joel Carli.

Em termos de escalação o Botafogo não poderá contar com o volante Bruno Silva, que vai cumprir suspensão por ter sido advertido com o terceiro cartão amarelo contra o Figueirense. Ainda não recuperado de dores na panturrilha esquerda, o lateral Diogo Barbosa segue de fora. Isso abre espaço para a entrada de Dudu Cearense. O atacante Sassá, totalmente recuperado de lesão na coxa direita, deve ganhar a vaga de Vinícius Tanque.

O Inter vai contar com o retorno do zagueiro Paulão, que cumpriu suspensão contra o Figueirense e reaparece na vaga de Ernando, que é o suspenso da vez por acúmulo de cartões amarelos. Os meias Anselmo e Valdivia devem ganhar a vaga de Eduardo Henrique e do venezuelano Seijas, respectivamente. Porém, a escalação só será revelada minutos antes do confronto.

No primeiro turno do Campeonato Brasileiro as duas equipes se enfrentaram no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS) e o Botafogo ganhou por 3 a 2. Naquela ocasião, Fernandes, Neilton e Camilo anotaram os gols do Glorioso, enquanto que Eduardo Sasha e Ernando descontaram para o Colorado.

BOTAFOGO X INTERNACIONAL

Local: Arena Botafogo, no Rio de Janeiro (RJ)
Horário: 21h45(de Brasília)
Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (Fifa-SC) e Guilherme Dias Camilo (Fifa-MG)
BOTAFOGO: Sidão, Alemão, Joel Carli, Emerson Santos e Víctor Luís; Aírton, Rodrigo Lindoso, Dudu Cearense e Camilo; Neilton e Sassá
INTERNACIONAL: Danilo Fernandes, William, Paulão, Eduardo e Ceará; Rodrigo Dourado, Anselmo, Valdívia, Alex e Gustavo Ferrareis; Vitinho
Técnico: Celso Roth


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document