sábado, 20 de julho de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Botafogo e Santos duelam em busca de dias melhores

Botafogo e Santos duelam em busca de dias melhores

Matéria publicada em 3 de agosto de 2018, 17:18 horas

 


Rio – Dois times que atravessam um momento turbulento na temporada e precisam de dias melhores. Este é o cenário do duelo entre Botafogo e Santos, que se enfrentam neste sábado, às 16h(de Brasília), no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ), pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Glorioso, que é apenas o 11º colocado na tabela de classificação e perdeu de 3 a 0 para o Internacional no Rio Grande do Sul no fim de semana passado, demitiu o técnico Marcos Paquetá na quarta-feira, após a derrota de 2 a 1 para o Nacional no Paraguai pelo confronto de ida da segunda fase da Copa Sul-Americana.

O Santos também não tem brilhado. Cuca, que substituiu o demitido Jair Ventura, estreou nna quarta-feira com derrota em casa por 1 a 0 para o Cruzeiro, pelo choque de ida das quartas de final da Copa do Brasil, encontra o Peixe com 16 pontos, mergulhado na zona de rebaixamento. Na rodada passada um revés por 1 a 0 para o América-MG, na Vila Belmiro, ligou de vez o sinal de alerta dos santistas.

Apesar da fase não ajudar, Cuca aposta no trabalho e espera que a sorte possa começar a mudar já diante do Botafogo.

– O nosso objetivo é conseguir ir crescendo e conquistando os resultados que precisamos neste momento. Infelizmente não veio contra o Cruzeiro, mas não dá para lamentar falta de sorte. Não tivemos eficácia, tivemos chances claras e não fizemos. Temos que ter calma porque as oportunidades vêm e vão aparecer contra o Botafogo, em outro jogo complicado. Com uma ou duas vitórias, meninos ficam mais soltos e coisas acontecem mais fáceis – disse Cuca.

Os botafoguenses também sabem que vão precisar corrigir seus erros.

– Nós precisamos da vitória neste sábado e será mais um jogo complicado, mas em casa vamos precisar apresentar a postura mais atuante. Temos que somar pontos – disse o zagueiro argentino Joel Carli, um dos líderes do elenco.

Os santistas também estão incomodados com a má fase.

– Infelizmente as coisas não estão acontecendo, mas precisamos reagir rapidamente e este jogo é mais uma oportunidade – disse o lateral Victor Ferraz.

Em termos de escalação, o Botafogo, que será dirigido pelo interino Bruno lazaroni, é uma incógnita, mas deverá manter a base que vem atuando no Campeonato Brasileiro. Até porque as opções não são muitas.

O Santos deve ter a estreia de Carlos Sánchez contra o Botafogo, com Diego Pituca como opção no banco de reservas. Bryan Ruiz e Derlis González não ficarão à disposição. Além da burocracia, a dupla busca a melhores condições físicas e técnicas. Na defesa, Cuca escalou Luiz Felipe e Gustavo Henrique, já que David Braz está envolvido em negociações com o Sivasspor-TUR. Lucas Veríssimo segue fora por conta de uma lombalgia.

O Santos ainda não poderá contar com seus reforços neste jogo. Carlos Sánchez e Derlis Sánchez ainda não têm condições de serem relacionados. Quem estava cotado para estrear era o meia costarriquenho Bryan Ruiz, porém, um desequilíbrio muscular afastou qualquer possibilidade dele entrar no time.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO-RJ X SANTOS-SP

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 4 de agosto de 2018 (Sábado)
Horário: 16h(de Brasília)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR)
Assistentes: Pedro Martinelli Christino (PR) e Luciano Roggenbaum (PR)

BOTAFOGO: Saulo, Marcinho, Joel Carli, Igor Rabello e Gilson; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes, Luiz Fernando e Leonardo Valencia; Rodrigo Pimpão e Kieza
Técnico: Bruno Lazaroni

SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Dodô; Alison, Renato e Carlos Sánchez; Rodrygo, Bruno Henrique e Gabigol
Técnico: Cuca


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document