terça-feira, 26 de maio de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Botafogo garante volta à elite

Botafogo garante volta à elite

Matéria publicada em 10 de novembro de 2015, 23:56 horas

 


Alvinegro derrotou o Luverdense por um a zero e abriu onze pontos do quinto colocado, a três rodadas do fim da competição

Lucas do Rio Verde (MT)  – O Botafogo, enfim, pode comemorar a volta à Série A  campeonato Brasileiro. Os alvinegros asseguraram o acesso ao vencerem por 1 a 0 o Luverdense, nesta terça-feira (10), em Lucas do Rio Verde. Com o resultado, os cariocas chegaram a 68 pontos e estão 11 pontos a frente do quinto colocado, restando apenas nove pontos em disputa. Já os mato-grossenses permanecem com 51 pontos e praticamente não tem mais chances de chegarem ao G-4.
No primeiro tempo, o Botafogo teve mais dificuldade, mas conseguiu ir para o intervalo com a vantagem no placar após o gol de Ronaldo. Na etapa final, os cariocas focaram na marcação e controlaram o resultado até o apito final.
Na próxima rodada, o Botafogo enfrenta o Santa Cruz, no estádio Nilton Santos, no sábado. Já o Luverdense volta a campo nesta sexta-feira, contra o Paysandu, em Belém.

 O jogo

O Luverdense começou melhor a partida, pressionando a marcação na saída de bola do Botafogo. Com o apoio da torcida, os donos da casa chegavam com facilidade ao ataque e criaram a primeira boa chance aos cinco minutos. Tozin recebeu passe na área e chutou para boa defesa de Helton Leite, que espalmou a bola para longe do gol.
O Botafogo, nos contra-ataques, só chegou com perigo aos 20 minutos. Neilton foi lançado, passou por um marcador e chutou cruzado para boa defesa de Edson. Depois disso, o Luverdense recuou e o confronto ficou concentrado entre as intermediárias, sem lances de gol. O duelo chegou a ter parada técnica pelo calor em Lucas do Rio Verde.
Somente aos 35 minutos, o Luverdense quase abriu o placar. Após cruzamento, Helton Leite saiu mal, mas Alípio não aproveitou a bobeada. O meia cabeceou, só que a bola bateu em Renan Fonseca. A resposta do Botafogo veio aos 42, em grande estilo. Em contra-ataque rápido, Daniel Carvalho foi lançado pela direita e cruzou rasteiro para a área. O atacante Ronaldo apareceu entre o Luiz Otávio e Edson e finalizou para a rede.
O Luverdense não se entregou e pressionou em busca do empate nos minutos finais. Aos 48 minutos, Alípio aproveitou cruzamento e finalizou de bicicleta. A bola raspou o travessão de Helton Leite e foi para fora. No minuto seguinte, Raul Prata cruzou pela direita e Tozin cabeceou cruzado. A bola passou próximo a trave, mas foi para fora. Com isso, o Botafogo conseguiu manter a vantagem até o intervalo.
No segundo tempo, o Botafogo adotou uma postura mais defensiva, mas teve a primeira boa chance logo aos três minutos. Carleto apareceu de surpresa na área do Luverdense e chutou cruzado. Edson estava bem posicionado e fez grande defesa, espalmando para longe do gol.
Os donos da casa tinham mais posse de bola, só que tinham dificuldade em passar pela marcação alvinegra. O Luverdense criou boa chance aos dez minutos. Após cruzamento, Osman subiu mais que a zaga, mas cabeceou para fora.
Se o Luverdense era pouco efetivo, o Botafogo aproveitava os espaços dados para avançar nos contra-ataques. Os visitantes tiveram a chance de aumentar a vantagem aos 21 minutos. Diego Jardel colocou Neilton na frente de Edson, mas o atacante finalizou em cima do goleiro, que salvou os mato-grossenses.
Os alvinegros seguiram controlando o jogo, com boa marcação na defesa e avanços rápidos. O Luverdense tinha mais posse de bola, mas não chegava próximo ao gol de Helton Leite. Tanto que os donos da casa só criaram chance em cobrança de falta de Muralha que obrigou o goleiro carioca a espalmar para longe.
Nos minutos finais, o Botafogo teve a chance de sacramentar a vitória. Já nos acréscimos, Neilton foi derrubado pelo goleiro Edson na área. O próprio atacante foi para a cobrança, mas chutou para fora. Mesmo assim, o pênalti perdido não fez falta e os alvinegros puderam comemorar o acesso após o apito final.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document