sábado, 24 de outubro de 2020 - 02:58 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Botafogo recebe a Ponte Preta na busca por vaga na Libertadores

Botafogo recebe a Ponte Preta na busca por vaga na Libertadores

Matéria publicada em 26 de novembro de 2016, 07:31 horas

 


Glorioso aparece na sexta posição, com 55 pontos, porém, não ganha há quatro partidas e vem de derrota para o Palmeiras

Missão: Jair Ventura advertiu seus jogadores da importância de se manter a tranquilidade para espantar ‘má fase’ (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Missão: Jair Ventura advertiu seus jogadores da importância de se manter a tranquilidade para espantar ‘má fase’ (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Rio – O Botafogo recebe a Ponte Preta neste sábado (26), às 20h, na Arena Botafogo, no Rio de Janeiro, pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro, precisando de um triunfo para tentar encaminhar a sua vaga na próxima Copa Libertadores. O Glorioso aparece na sexta posição, com 55 pontos, porém, não ganha há quatro partidas e vem de derrota de 1 a 0 para o Palmeiras. Já a Macaca, embalada pela vitória de 1 a 0 sobre o Fluminense, praticamente cumpre tabela, pois tem chances desprezíveis de jogar a próxima Libertadores.

Jair Ventura, técnico do Botafogo, advertiu seus jogadores da importância deles manterem a tranquilidade para afastarem a má fase. O discurso foi assimilado.

– Nós ainda dependemos dos nossos próprios resultados e isso, no meu modo de ver, é o mais importante. Formamos um time que tem sido eficiente em vários jogos, mas que nos últimos não vem conseguindo sair de campo com o resultado. A irregularidade existe no Campeonato Brasileiro, mas o Botafogo não é o único a passar por isso. Portanto, temos que colocar a cabeça no lugar para irmos bem nessas duas rodadas finais. Podemos ganhar da Ponte se tivermos essa tranquilidade – disse o meia Camilo.

Apesar de pregar a tranquilidade, o Glorioso garante que vai pressionar o rival desde o começo do confronto.

– Precisamos pressionar a Ponte Preta desde o começo, pois sabemos que a vitória é o único resultado que interessa. Portanto, não podemos permitir que eles mantenham o ritmo que desejam, pois provavelmente vão tentar segurar o jogo e impedir que a gente consiga atuar. O Botafogo tem por hábito ser ofensivo como mandante e não vamos mudar as nossas características justamente em um momento em que precisamos da vitória – disse o zagueiro Emerson Santos.

Para este compromisso o time do Botafogo é um mistério e as possibilidades são várias, principalmente porque os zagueiros Joel Carli e Emerson Silva e o meia Leandrinho, suspensos, ficam de fora. Outro desfalque é o lateral-direito Alemão, com o tornozelo direito inchado. A zaga deverá ter Emerson Santos, que atuou improvisado de volante, e Renan Fonseca. Marcinho deve assumir a lateral direita, enquanto que o lateral-esquerdo Víctor Luís e o volante Aírton, que cumpriram suspensão diante do Verdão, retornam, assim como o volante Bruno Silva, recuperado de virose. O lateral-esquerdo Diogo Barbosa pode ser improvisado no meio, mas disputa posição com Rodrigo Lindoso. No ataque, que não marca gols há quatro jogos, pode sofrer mudanças. Neste caso, Sassá entraria em campo na vaga de Rodrigo Pimpão, compondo dupla com Neilton.

Pelo lado da Ponte Preta, o técnico Eduardo Baptista garante que sua equipe vai se empenhar como se brigasse pelo título.

– Nós mostramos contra o Fluminense que vamos levar muito a sério esta reta final de Campeonato Brasileiro, independentemente do que acontecer. Queremos conquistar a vitória contra o Botafogo e acabar com o máximo de pontos possível. Temos potencial para isso, apesar de respeitarmos o Botafogo – disse Baptista.

A Ponte Preta terá apenas uma alteração em relação ao jogo contra o Fluminense. O volante Wendel, suspenso por acúmulo de cartões amarelos, cumpre suspensão e fica de fora. Assim, Ravanelli, tratado como uma das principais revelações das categorias de base, terá a oportunidade de começar jogando pela primeira vez.

No primeiro turno do Campeonato Brasileiro as duas equipes se enfrentaram no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP), e naquela ocasião a Macaca levou a melhor, ganhando por 2 a 0. Os gols campineiros foram anotados por Pottker e Reinaldo.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO X PONTE PRETA-SP

Local: Arena Botafogo, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 26 de novembro de 2016 (Domingo)
Horário: 20h(de Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires (ES) e Adailton Fernando Menezes (GO)

BOTAFOGO: Sidão, Marcinho, Emerson Santos, Renan Fonseca e Víctor Luís; Aírton, Bruno Silva, Rodrigo Lindoso (Diogo Barbosa) e Camilo; Neilton e Sassá (Rodrigo Pimpão)
Técnico: Jair Ventura
PONTE PRETA: Aranha, Nino Paraíba, Douglas Grolli, Antônio Carlos e Breno Lopes; João Vitor, Matheus Jesus e Ravanelli; Rhayner, Clayson e Pottker
Técnico: Eduardo Baptista


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document