quarta-feira, 28 de julho de 2021 - 18:06 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Botafogo vence, mas não elimina o Juazeirense

Botafogo vence, mas não elimina o Juazeirense

Matéria publicada em 13 de maio de 2016, 00:04 horas

 


Juazeiro – O Botafogo derrotou o Juazeirense por 2 a 1, em partida disputada na noite desta quinta-feira, no estádio Adauto Moraes, em Juazeiro. O resultado vai permitir que o Alvinegro carioca só precise de um empate, no jogo da volta, para prosseguir na Copa do Brasil. As duas equipes voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira, no Los Larios, em Duque de Caxias.

O jogo foi equilibrado e o resultado fez justiça ao melhor desempenho do Alvinegro carioca que, mesmo atuando com uma equipe reserva, mostrou mais objetividade do que o adversário. Neilton e Emerson Silva marcaram para o Botafogo, enquanto Alex Travassos anotou para a equipe baiana.,

O jogo

Mesmo atuando com uma equipe mista, o Botafogo partiu para o ataque, em busca do primeiro gol. Aos cinco minutos, após cobrança de falta, o zagueiro Emerson Silva subiu mais do que a zaga e cabeceou, mas o goleiro Tigre defendeu sem dificuldades.

E aos nove minutos, o Alvinegro carioca marcou o primeiro gol. Leandrinho tentou fazer o passe, mas a zaga desviou mal e a bola acabou sobrando para Neilton que entrou na área e tocou na saída do goleiro Tigre.

A vantagem não fez o time dirigido por Ricardo Gomes reduzir o ritmo. A equipe carioca continuou mantendo a pressão. Aos 15 minutos, Neilton arriscou, de fora da área, e Tigre defendeu com segurança.
Aos 17 minutos, o Juazeirense trocou passes na entrada da área e Everlan foi derrubado por Fernandes, na entrada da área. Na cobrança de Emerson, a bola bateu na barreira. O Botafogo respondeu com um lançamento para Salgueiro, mas o goleiro Tigre foi mais rápido e chegou antes do atacante uruguaio.

Aos 24 minutos, o time baiano assustou com uma cabeçada perigosa de Nino Guerreiro, após cobrança de escanteio. Aos 30 minutos, Nino Guerreiro voltou a ser lançado pela direita e arriscou o chute, mas a bola passou longe do gol defendido por Jéfferson.

O time da casa seguiu pressionando em busca do empate. Aos 38 minutos, Alex Travassos bateu falta com muito perigo. No último lance importante do primeiro tempo, Sassá, do Botafogo, recebeu na área e chutou para boa defesa de Tigre.

O Botafogo voltou sem mudanças para o segundo tempo. E ampliou o marcador logo aos quatro minutos. Após cruzamento na área, Salgueiro desviou e Emerson Silva cabeceou para as redes.

Sem alternativas, o Juazeirense partiu para o ataque e quase marcou aos seis minutos em chute forte de Everlan que Jefferson defendeu com grande dificuldade. Logo depois da jogada, o goleiro alvinegro pediu substituição por ter sentido uma lesão no braço.

A partida ficou truncada com excesso de faltas das duas equipes. Por reclamação, o técnico Evandro Guimarães acabou expulso, mas a saída do treinador não diminuiu o ímpeto da equipe baiana. Aos 21 minutos, Tony Galego acertou o travessão do Alvnegro carioca.

Um minuto depois, o Juazeirense marcou o primeiro gol. Alex Travessos bateu falta, ao lado da área, e surpreendeu o goleiro do Botafogo que ainda tocou na bola, mas não impediu que ela entrasse. Acuado em seu campo, o Botafogo só voltou a aparecer na área baiana aos 29 minutos, quando Neilton foi lançado, dominou com categoria, mas concluiu sem perigo para o goleiro Tigre.Aos 36 minutos, Rodrigo Lindoso fez ótimo passe para Sassá que chutou forte. O goleiro Tigre deu rebote e Deca apareceu para salvar.
Três minutos depois foi a vez de Helton Leite aparecer bem para evitar o empate. Ele defendeu muito bem o chute violento de Alex Travassos. Helton Leite voltou a aparecer muito bem no minuto seguinte ao espalmar para escanteio, um chute violento de Tony Galego. Aos 44 minutos, o Botafogo perdeu a chance de liquidar o confronto quando Luis Henrique cabeceou forte e Tigre fez grande defesa, garantindo o jogo da volta.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document