>
segunda-feira, 16 de maio de 2022 - 11:17 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Botafogo vence o Vitória e é vice-líder na Série B

Botafogo vence o Vitória e é vice-líder na Série B

Matéria publicada em 30 de maio de 2015, 19:28 horas

 


Com gols de Giaretta e Willian Arão, alvinegro mantém 100% de aproveitamento dentro de casa

Correu para o abraço: Willian Arão marcou e garantiu a vitória ainda no primeiro tempo (Foto: Vitor Silva / SSPress)

Correu para o abraço: Willian Arão marcou e garantiu a vitória ainda no primeiro tempo (Foto: Vitor Silva / SSPress/FlickrBotafogoOficial)

Rio –

O Botafogo voltou a vencer no Campeonato Brasileiro da Série B na tarde deste sábado, no estádio Nilton Santos, o Engenhão, no Rio de Janeiro. Com gols de Giaretta e Willian Arão, o alvinegro carioca superou o Vitória (BA) por 2 a 0, em jogo válido pela quarta rodada da competição.
Com o resultado, a equipe carioca mantém o aproveitamento de 100% em seu estádio e sobe duas posições na tabela de classificação. Com 10 pontos, o Fogão é vice-líder, atrás apenas do Bahia, que lidera nos critérios de desempate. O Vitória, com campanha irregular de duas vitórias e duas derrotas, caiu para a oitava colocação com seis pontos.
Na próxima terça-feira, a Série B terá sua primeira rodada cheia de meio de semana. O Botafogo tem parada duríssima fora de casa diante do Paraná clube, no Durval de Brito. Já o Vitória tentará a recuperação no Barradão contra o Criciúma.

O jogo

O Botafogo não demorou a abrir o placar no Engenhão. Aos quatro minutos, Daniel Carvalho cobrou escanteio pela esquerda e levantou na área. O goleiro do Vitória saiu e não achou nada, a zaga não subiu e Diego Giaretta entrou de cabeça para marcar.
O gol logo no início fez o Botafogo recuar a marcação e dar campo para os baianos. O Vitória, apesar de ter assumido a iniciativa do duelo, não conseguia furar o bloqueio Alvinegro. Na melhor oportunidade criada, Rogério fez ótima jogada pela ponta direita e cruzou rasteiro. Elton, impedido, não alcançou.
Mesmo esperando os contra-ataques e se movendo sem muita velocidade ao ataque, o Botafogo chegou ao segundo gol num lance de muita categoria de Carleto. Da linha média, o lateral fez um lançamento para a área adversária e Willian Arão entrou pelo meio da zaga, tirou do goleiro e mandou para a rede.
Com 2 a 0, o Botafogo passou a dominar inteiramente o confronto, e quase ampliou aos 34. Daniel Carvalho dominou na intermediária pela esquerda e lançou Bill que entrava pelo outro lado. O atacante acertou uma bomba, mas Fernando Miguel fez ótima defesa e salvou o Vitória.
O jogo caiu de ritmo no segundo tempo, com as duas equipes mostrando cansaço, especialmente os donos da casa.
O Vitória teve um gol anulado aos dez minutos. Pedro Ken fez jogada pela direita e levantou no segundo pau. Rhayner foi ao fundo e deu uma puxada para o meio da área, onde Elton só empurrou para dentro. A arbitragem, no entanto, considerou que a bola havia saído antes do último passe.
O Botafogo, mesmo em ritmo lento, continuava a dominar o jogo, e teve as melhores chances da etapa final. Aos 32, Gilberto faz boa jogada e cruza para Pimpão acertar o travessão. No rebote, Elvis mandou por cima do gol.
Já aos 39, Diego Jardel foi à linha de fundo, passa pelo goleiro e manda em direção ao gol, mas ninguém apareceu para empurrar para as redes. O Vitória quase diminuiu aos 43, quando Elton acertou a trave de Jefferson.

Ficha técnica
Botafogo 2 x 0 Vitória-BA

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 30 de maio de 2015 (Sábado)
Horário: 16h30(de Brasília)
Renda: R$ 282.490,00
Público: 8.225 pagantes (10.039 presentes)
Árbitro: Vinicius Furlan (SP)
Assistentes: Herman Brumel Vani (SP) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP)
Cartões amarelos: Daniel Carvalho (Bota); Flávio, Pedro Ken, Rhayner (Vitória)
Gols: Botafogo: Giaretta, aos 4, Willian Arão, aos 21min do 1º tempo

Botafogo: Jéfferson, Gilberto, Renan Fonseca, Diego Giaretta e Carleto (Luis Ricardo); Marcelo Mattos, Willian Arão, Daniel Carvalho (Fernandes) e Elvis (Diego Jardel); Rodrigo Pimpão e Bill
Técnico: René Simões

Vitória: Fernando Miguel, Diogo Mateus, Ramon, Edinei e Diego Renan; Amaral, Flávio e Pedro Ken (Vander); Rogério (Léo Ceará), Rhayner (David) e Elton
Técnico: Wesley Carvalho


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document