quinta-feira, 22 de outubro de 2020 - 17:17 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Bruno chega ao Acre e é recepcionado pelo presidente do Rio Branco

Bruno chega ao Acre e é recepcionado pelo presidente do Rio Branco

Matéria publicada em 30 de julho de 2020, 20:13 horas

 


Goleiro tenta retomar a carreira, mas por enquanto teve apenas passagens curtas no futebol

Acre – O goleiro Bruno desembarcou em Rio Branco, no Acre, nesta quinta-feira (30), onde vai atuar pelo time do Rio Branco. O jogador foi recepcionado pelo presidente Valdemar Neto, que o levou para as instalações do clube, onde o atleta ficará hospedado no alojamento do CT José de Melo.
Ex-jogador de Flamengo e Atlético-MG, Bruno, de 35 anos, poderá defender o Rio Branco-AC no segundo turno do Campeonato Acreano, no Campeonato Brasileiro da Série D e na Copa Verde.
Após liberação do Governo do Acre para o reinício dos treinos, o elenco do técnico João Mota retomou as atividades nesta quarta-feira, mas ainda sem realizar os testes para se detectar possíveis casos de covid-19.
Bruno foi condenado pela Justiça a mais de 20 anos de prisão pelo sequestro, assassinato e ocultação de cadáver da ex-namorada e modelo Eliza Samudio, ocorrido em 2010. Nesse momento, ele cumpre sua pena no regime semiaberto.
O goleiro tenta retomar a carreira, mas por enquanto teve apenas passagens curtas no futebol. No início deste ano, o Operário-MT desistiu da contratação de Bruno após protestos de torcedores. O mesmo já havia acontecido com o Fluminense de Feira.
Ainda em 2014, o Montes Claros, então na segunda divisão de Minas Gerais, contratou Bruno. No entanto, o goleiro ainda cumpria pena em regime fechado e não pôde atuar.
Já em 2017, após habeas corpus, Bruno acertou com o Boa Esporte Clube e chegou a realizar cinco partidas antes de voltar para a prisão. Em 2019, atuou por meio tempo pelo Poços de Caldas.

Ex-jogador de Flamengo e Atlético-MG, Bruno poderá defender o Rio Branco-AC no segundo turno do Campeonato Acreano (Foto: Arquivo)


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

14 comentários

  1. Avatar

    Baita craque . Queria no meu time.

  2. Avatar

    Baita craque e baita goleiro.Ja pagou o q devia. Deixe o cara trabalhar ou sustente ele. Queria no meu Gremio.

  3. Avatar

    Ja foi julgado, condenado e ja pagou pelo seu erro. Um baita holeiro. Deixem o cara trabalhar ou sustente ele. Craque é craque…força Bruno. Bola pra frente. Queria no Gremio.

  4. Avatar
    Os Malucos Surtaram

    Esse Bruno, amigo do Macarrão, é de matar!!!

    • Avatar

      Vão gritar atrás do gol direto , Eliza , assassino , sopa de macarrão com Eliza , eu tentaria outra coisa , na vida , um preço pela resto da vida , amigos que não prestas , festas ,dinheiro , igreja que é bom nada , ou a própria família , sempre devemos andar com pessoas inteligentes e boas .

  5. Avatar
    Marcelinho Barbeiro

    A perseguição a alguém, parte sempre dos escrotos.

  6. Avatar

    Esse homem tinha tudo: jogava no Flamengo, era cotado pra defender a seleção brasileira na copa de 2010, despertou o interesse de grandes clubes europeus…tinha tudo e jogou tudo fora influenciado por más companhias ao decidir dar um fim na vida da mulher que era a mãe de seu filho. Agora não importa aonde ele vá, sempre será visto como um assassino. O que foi feito, foi feito e não tem mais volta. Deveria estar na cadeia se essas leis desse país fossem rígidas!

  7. Avatar

    A perseguição que a midia corrupta e interesseira faz contra esse individuo é digna de um afeonto a dignidade da pessoa humana.
    Hipocrisia de entidades que pregam a socialização de pessoas que foram presas, condenadas e que pagaram à justiça pelos seus erros e tentam se inserir na sociedade trabalhado e são perseguidas e impedidas de exercer sua profissão.

    Lamentável.

    • Avatar

      Eliza Samudio foi impedida para sempre de conviver em sociedade e trabalhar.
      Acho justo que ele sofra as consequências por algo que ele mesmo decidiu fazer…

    • Avatar

      O preço que se paga por uma prazerosa noite de amor é alto.
      Já vi muitos funcionários de grandes empresas, ocupantes de cargo com salário elevado e muito prestígio, ficarem na rua da amargura por causa de uma subalterna “gostosa’.
      O caso do Bruno não é diferente.
      Não sabemos que tipo de ameaça ele recebia dela. Sabemos que foi ignorante o bastante para “resolver” o problema da pior maneira possível. Agora carregará para sempre o peso de um terrível homicídio.

    • Avatar

      Indivíduo que deu fim a sua concubina sem dar direito a família enterrar seu corpo até hoje, desculpa mas escreveu bobagem.

    • Avatar

      Hipocrisia é esse seu comentário.
      Extremo mau gosto.

    • Avatar

      SE ELE TIVESSE MATADO A SUA IRMA COM CERTEZA VOCE NÃO O ESTARIA DEFENDENDO.

    • Avatar

      Hipócrita é vc por defender esse assassino! Ele por não querer assumir as obrigações de pai e pagar pensão para o filho que ele fez, matou a mãe e quase matou tb o filho. Então não venha com esse papo de falso moralista! Se as leis desse país de merda fossem rígidas, ele deveria estar atrás das grades cumprindo pena de prisão perpétua!

Untitled Document