quarta-feira, 20 de outubro de 2021 - 06:14 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Presidente do Voltaço é afastado por 30 dias do cargo após pedido do conselho

Presidente do Voltaço é afastado por 30 dias do cargo após pedido do conselho

Matéria publicada em 29 de novembro de 2018, 10:56 horas

 


Decisão foi tomada por unanimidade para investigar possíveis irregularidades na administração do clube

 

Sede do Voltaço cercada por segurança na manhã desta quinta-feira, dia 29
(Foto: Gabriela Batista)

Volta Redonda – O presidente do Voltaço Flávio Horta foi afastado do cargo por 30 dias. A decisão foi aprovada por unanimidade pelo Conselho Deliberativo do Volta Redonda, em reunião realizada na noite de quarta-feira (28), na Aciap. A decisão do conselho levou em consideração as denúncias de supostas irregularidades na administração do clube, como transações financeiras suspeitas e indícios de fraude no processo eleitoral do clube. Além do Conselho Deliberativo, as mesmas suspeitas também estão sendo investigadas pela Delegacia de Defraudações da Polícia Civil do Rio de Janeiro.
Funcionou como relator do processo, o conselheiro Ilder Alves que apresentou a proposta de afastamento de Horta por 30 dias, além da posse imediata de Gabriel Tortutella, como presidente interino, até que se apurem as denúncias enviadas para o Ministério Público. O Conselho Deliberativo vai aguardar esclarecimentos de Flávio Horta, “mesmo ele não tendo comparecido a nenhuma reunião do conselho este ano”, declarou em nota a assessoria de imprensa do clube.
Segundo Ilder Alves, não se trata de impedimento ou cassação do mandato e sim de afastamento temporário para não atrapalhar as investigações. A sede do Voltaço amanheceu nesta quinta-feira, dia 29, cercada por seguranças. A medida teria o objetivo de evitar a posse do vice-presidente Gabriel Torturella, que disputa a eleição para a nova diretoria do clube. A situação gerou ainda protesto da torcida jovem que está de plantão na entrada da sede exigindo explicações e montagem de um time competitivo.
O presidente Flávio Horta afirmou que vai aguardar a notificação do Conselho deliberativo, para recorrer da decisão imediatamente. O DIÁRIO DO VALE entrou em contato com Horta, por telefone. Ele disse à reportagem que está em Canoas, no Rio Grande do Sul e retorna amanhã, dia 30, pela manhã a Volta Redonda, e que vai abrir o clube para Gabriel Torturella tomar posse. Flávio Horta declarou ainda que não impediu o vice-presidente de entrar na sede.
“Não impedi o Gabriel de entrar pedi apenas que ele o fizesse com a entrega da ata da reunião explicando os motivos do afastamento”, disse, acrescentando que: “O Gabriel é pau mandado e boi de piranha juntamente com alguns membros do Conselho. Existem outros interesses de pessoas que prejudicaram o clube com dívidas e agora estão de olho num clube que ganhou títulos importantes em todas as divisões e vai receber mais de seis milhões de TV. O Gabriel não tem condição nenhuma de ganhar nada no voto e se apoia em pessoas para se projetar”.
Horta declarou ainda que se for chamado pelo Ministério Público irá prestar todos os esclarecimentos necessários.
– Se eu for chamado pelo Ministério Público irei dar todos os esclarecimentos necessários e ele (ou eles) vai ter que responder por isso na Justiça – finalizou Flávio Horta.

Integrantes na porta da sede do clube
(Foto: Manoel Alves) 

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

15 comentários

  1. Tem que investigar esse Conselho atual. Uns são familiares, outros são empregados deste empresário, outros são comprados com tanques de combustível, vale marmita e transporte, ou seja, conselheiros e interessados que se vendem por pouco.
    Flavio Horta está na sua razão e tomara que ele ganhe a próxima eleição. Tem que tirar de uma vez por todas essa corja deliberativa do Voltaço. Gabriel, lamento informar, mas você é o zero a esquerda mais fantoche que alguém poderia conhecer. Acorda, cara !!!! Sem mais…

  2. segundo fui informado essa reunião foi recheada se irregularidades no que diz respeito sua convocação; tanto é que apenas 21 conselheiros participaram e votaram.
    houve divulgação de edital em jornal?
    pelo visto foi uma reunião extraordinária e poucos e selecionados conselheiros foram convocados.
    se a reunião foi realizada ao arrepio da lei, sem obedecer o estatuto do clube, certamente seus efeitos serão anulados judicialmente.
    é lamentavel o que vem acontecendo ao VOLTAÇO. Grupos agindo por intetesse próprio sem levar em consideração os interesses do clube.

  3. Estão falando muita besteira, espero que Horta se perpetue no Bostaço, fez e está fazendo uma grande administração.

  4. Com a prisão do Pezão perdeu a graça a eleição do VRFC.
    Agora é entrar os fora da familia Pezão e fazer um bom trabalho.
    Mas isso vai dar panos para manga, isso vai.
    Acho que vai todo mundo preso.

  5. Essa galera tá cheio de mimimi, e ainda defendendo bandido . Já já tá todo mundo com o pezao , natal em família na cadeia .

  6. Prezados torcedores do Volta Redonda.
    Tomara que o Ministério Público chegue até o Voltaço
    Esse presidente (Horta) cunhado do Pezão, terá que explicar uma série de situações “excusas ” .
    Ninguém está afirmando nada.
    Tem é que investigar.
    Outro detalhe. Esse é um presidente que nunca aparece; nem no clube, muito menos em reuniões. . Será porque?????
    Lamentavelmente não fizeram isso (investigação) no Barra Ténis Clube.

  7. hahuahuahuahuhuauhahuahuhauhuahuahuauhauhhuahuahuaa…

    Que dia triste para a familia de Pezão

    • Triste tbm para os ELEITORES DE CORRUPTOS do PMDB. Sem Cabral, sem Albertassi, sem PIcciani, sem Paulo Melo, sem Neto e agora sem Pezão.

      Para quem eles entregarão seus votos em 2020?

  8. Aproveitem que o caso foi ao Ministério Publico e peçam ao órgão que investiguem o caso do terreno do VRFC que foi entregue a um ex gestor do clube como forma de “ressarcimento” aos recursos aplicados do próprio bolso.

    • Inclusive foi assinada pelo atual presidente Flavio Horta . Pede pra ele se explicar tb

    • Jorge, assinado seguindo DECISÂO do Conselho Deliberativo APARELHADO pelo ex gestor. Qualquer um que assumisse a presidência na ocasião, assinaria uma decisão de um poder do clube. EVIDENTE !!!

  9. Golpe da canalhada do ex presidente com dedo do prefeitinho Samuca, o fake.

  10. Retirou-se o lobo para colocar a raposa dentro do galinheiro. Alhos por bugalhos. E o clube vai afundando.

Untitled Document