quarta-feira, 23 de junho de 2021 - 06:50 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Copa do Brasil: Fluminense vence de virada e elimina o Sinop

Copa do Brasil: Fluminense vence de virada e elimina o Sinop

Matéria publicada em 1 de março de 2017, 21:29 horas

 


Com gols de Sornoza- duas vezes – e Henrique Dourado, Tricolor conseguiu espantar a zebra e venceu por 3 a 1

Wellington Silva foi uma das maiores ameaças do Fluminense na partida (Foto: Nelson Perez/Fluminense F.C)

Wellington Silva foi uma das maiores ameaças do Fluminense na partida (Foto: Nelson Perez/Fluminense F.C)

Sinop – O Fluminense encontrou muita dificuldade, mas garantiu a classificação para a próxima fase da Copa do Brasil, ao derrotar o Sinop, do Mato Grosso, por 3 a 1 na noite desta quarta-feira (1º). O Tricolor das Laranjeiras saiu perdendo no primeiro tempo com um gol de Alex Ricardo, mas reagiu na fase final e conseguiu a vitória com gols marcados por Sornoza, dois, e Henrique Dourado. Na próxima fase, o time carioca vai enfrentar o Criciúma que eliminou o Altos, do Piauí.

A vitória tricolor foi muito sofrida. O Sinop foi bem melhor no primeiro tempo e poderia ter ampliado a vantagem, mas permitiu a reação do Fluminense na etapa final. O time dirigido por Abel Braga soube superar as dificuldades e conseguir o resultado positivo.

Primeiro tempo

Empurrado por uma animada torcida, o Sinop partiu para cima do Fluminense e, logo aos dois minutos, Renato Chaves falhou e permitiu que o Sinop partisse rápido para o ataque. A bola acabou sobrando para Sandro Costa que chutou forte e Julio Cesar defendeu. A resposta do tricolor carioca não demorou. Após cobrança de escanteio, Richarlison se antecipou aos zagueiros e cabeceou com grande perigo.

O jogo ficou muito disputado. Entusiasmada, a equipe do Mato Grosso entrava nas divididas com muita disposição, o que gerava frequentes atritos entre os jogadores dos dois times.

Aos 15 minutos, o Fluminense voltou a ameaçar em cobrança de falta executada por Sornoza. O goleiro Naldo defendeu com dificuldade.

Aos 18 minutos, o Sinop marcou o primeiro gol. Após lançamento pela direita, Orejuela falhou ao tentar dominar e perdeu para Alex Ricardo que invadiu a área e tocou entre as pernas de Julio Cesar.

O Fluminense tentou partir para buscar o empate, mas quase sofreu o segundo gol em avançada de André que foi derrubado por Renato Chaves na entrada da área, mas o árbitro nada marcou.

Aos 25 minutos, o time da casa desperdiçou uma oportunidade incrível para marcar o segundo gol. André arrancou pela direita e fez o passe para Jorge Preá que entrava livre. O experiente atacante bateu por cima quando tinha tudo para ampliar a vantagem.

Desorientada em campo a equipe das Laranjeiras encontrava muita dificuldade para chegar na área adversária. Wellington Silva arriscou, de fora da área, e levou perigo para o gol defendido por Naldo.

Logo depois, o goleiro do Fluminense precisou sair do gol para afastar, de soco, o perigo que rondava a pequena área.

Aos 32 minutos, Sandro Costa tentou enfeitar perto da área e perdeu para Richarlison que chutou forte para boa defesa de Naldo. A partida continuou muito tensa com entradas violentas, principalmente, por parte da equipe de Mato Grosso. Aos 45 minutos, Andrezinho fez outra boa jogada e chutou para boa defesa de Julio Cesar.

Segundo tempo

O Fluminense voltou para o segundo tempo com Marquinhos Calazans no lugar de Léo. Logo no primeiro minuto, o Fluminense chegou com perigo. O meia Sornoza carregou na entrada da área e bateu com muito perigo, mas a bola encobriu o travessão. O time dirigido por Abel Braga voltou mais agressivo e não dava espaço para o adversário.

Aos sete minutos, o Fluminense marcou o gol do empate. Henrique Dourado foi derrubado na entrada da área por Wadson. Sornoza cobrou com categoria e colocou no canto esquerdo do goleiro Naldo. Foi o primeiro gol marcado pelo meia equatoriano com a camisa tricolor.

Um minuto depois, o goleiro Naldo precisou sair na lateral para afastar o perigo. Tricolores reclamaram que ele colocou a mão na bola fora da área, mas o árbitro nada marcou. O Sinop ficou desnorteado ao sofrer o gol do empate e Jorge Preá se jogou ao chão para cavar um pênalti, mas o árbitro ignorou a tentativa do atacante.

Aos 15 minutos, Richarlison recebeu na entrada da área, se livrou de um zagueiro e bateu por cima do travessão.

O Fluminense marcava em cima e não dava espaços para a equipe da casa que não conseguia repetir o desempenho da primeira etapa. Aos 27 minutos, o Tricolor das Laranjeiras desempatou. Richarlison foi derrubado por Maranhão na área e o árbitro marcou pênalti. Henrique Dourado bateu com categoria sem dar chances ao goleiro Naldo.

Aos 31 minutos, o Sinop quase chegou ao empate em cobrança de escanteio executado por Naldo e que ia enganando Julio Cesar, mas o goleiro tricolor conseguiu salvar.

O Fluminense acabou com as esperanças de empate do Sinop aos 36 minutos, quando Sornoza acertou um belo chute da entrada da área, sem chances para o goleiro Naldo.

Logo depois de sofrer o terceiro gol, o meia Alex Ricardo deu uma entrada violenta em Orejuela e recebeu cartão vermelho. Com dez jogadores, o time da casa desistiu de lutar e o Fluminense apenas administrou a vantagem até o final.

FICHA TÉCNICA
SINOP-MT 1 X 3 FLUMINENSE

Local: estádio Gigante do Norte (MT)
Data: 1º de março de 2017, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva e Ygor Monteiro de Miranda (ambos de GO)
Cartão Amarelo: Tayron, Dourado, Wadson, Maranhão(Sinop); Renato Chaves, Lucas, Orejuela, Marquinhos Calazans(Flu)
Cartão Vermelho:Alex Ricardo(Sinop)
Gols:
SINOP: Alex Ricardo, aos 18 minutos do primeiro tempo;
FLUMINENSE: Sornoza, aos sete e 36 minutos e Henrique Dourado, aos 27 minutos do segundo tempo
SINOP: Naldo; Maranhão(Portela), Wadson, Tayron e Maycon; Dourado, Valtinho(Lucas Baggio), Alex Ricardo e Sandro Costa(Cabralzinho), Jorge Prea e André
Técnico: Marcos Birigui

FLUMINENSE: Julio Cesar; Lucas, Renato Chaves, Henrique e Léo(Marquinhos Calazans) ; Douglas(Marquinho), Orejuela e Sornoza; Richarlison, Wellington Silva(Marcos Junior) e Henrique Dourado
Técnico: Abel Braga


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document