segunda-feira, 22 de abril de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Fla-Flu em clima de revanche abre semifinal da Taça Rio

Fla-Flu em clima de revanche abre semifinal da Taça Rio

Matéria publicada em 26 de março de 2019, 19:36 horas

 


Rio- O tradicional Fla-Flu abre as semifinais da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca, nesta quarta-feira, às 21h30(de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ). O confronto acontece em clima de revanche para as duas partes. O Tricolor quer se vingar da derrota de 3 a 2 do último domingo, enquanto que os flamenguistas ainda têm engasgado a eliminação nas semifinais da Taça Guanabara, primeiro turno, que veio com um revés de 1 a 0.

Dessa vez o Tricolor, que teve a melhor campanha na Taça Rio, joga pelo empate. Justamente por conta disso que os jogadores do Fluminense esperam que a torcida compareça em bom número ao palco do jogo.

– O apoio do torcedor pode fazer toda a diferença e com certeza a torcida vai apoiar bastante. O recado para os torcedores é que a vontade não vai faltar nunca – disse o meia Paulo Henrique Ganso.

Os flamenguistas também querem o apoio da torcida, mas demonstram mais preocupação com os erros cometidos no clássico passado, quando o time chegou a abrir 3 a 0 e quase permitiu o empate do Fluminense.

– Ganhamos no domingo mas deixei o estádio chateado. Sofremos dois gols bobos, mas foi bom acontecer para ninguém achar que foi tudo uma maravilha. O próximo jogo será ainda mais complicado – disse Abel.
O meia Diego concordou com o treinador:

– São partidas equilibradas. Tivemos uma vantagem grande, mas não mantivemos os 3 a 0. Precisamos ter atenção redobrada com isso. A expectativa é de jogo difícil, mas sabemos da nossa qualidade. Estamos prontos e confiantes para fazer um grande jogo -, frisou.

Após dois confrontos contra o Tricolor em 2019, o camisa 10 rubro-negro elogiou a equipe de Fernando Diniz.
– É uma equipe paciente e não se incomoda de colocar a bola para o goleiro. Valorizam a posse, tudo isso gera dificuldade para quem enfrenta. Mas jogando com essa camisa, vamos entrar sempre para vencer. Temos várias maneiras de fazer isso, jogando mais baixo ou pressionando no goleiro. Isso é questão de estratégia. A de amanhã será montada e vamos entrar para conquistar a vitória. O pensamento é esse -, concluiu Diego.

Mas não são apenas os flamenguistas quem estão preocupados com os erros do time. O técnico Fernando Diniz alertou os tricolores sobre o fato de cada vez mais os dois times se conhecerem, o que torna as estratégias mais previsíveis.

– As equipes vão se conhecendo cada vez mais. Não há relação dos jogos passados com esse, mas o grau de dificuldade aumenta e temos que estar ainda melhores preparados – afirmou o treinador.
Em termos de escalação o Fluminense vai promover a volta da maioria dos seus titulares, preservados na partida do fim de semana. Porém, Fernando Diniz só deve divulgar a equipe minutos antes do confronto.

Pelo lado do Flamengo, Abel deve repetir a base da equipe que derrotou o Tricolor no domingo. Alguns jogadores, entretanto, podem ser poupados se mostrarem desgaste físico acentuado, já que a equipe tem compromisso pela Libertadores no meio da semana que vem. Um dos prováveis ausentes é o atacante Gabigol, que deixou o gramado mais cedo no Fla-Flu de domingo após acusar dores no posterior da coxa. Fernando Uribe pode assumir o comando de ataque.

O lateral-esquerdo peruano Miguel Trauco, o volante colombiano Gustavo Cuéllar e o meia uruguaio De Arrascaeta, todos servindo suas respectivas seleções em amistosos internacionais, ficam de fora do time. Apenas o apoiador tem chance de ser relacionado para ficar como opção no banco de reservas.

FLUMINENSE X FLAMENGO

Local: Maracanã
Horário: 21h30(de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Auxs: Luiz Cláudio Regazone (RJ) e Thiago Corrêa Farinha (RJ)
FLUMINENSE: Rodolfo, Gilberto, Léo Santos, Matheus Ferraz e Caio Henrique; Aírton, Bruno Silva e Paulo Henrique Ganso; Luciano, Everaldo e Yony González
Técnico: Fernando Diniz
FLAMENGO: Diego Alves, Pará, Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê; Ronaldo, Willian Arão, Diego e Everton Ribeiro e Bruno Henrique; Uribe (Gabigol)
Técnico: Abel Braga


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document