quinta-feira, 24 de junho de 2021 - 10:13 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Flamengo busca reação contra o Náutico

Flamengo busca reação contra o Náutico

Matéria publicada em 26 de maio de 2015, 16:29 horas

 


Gávea se transformou de vez em um caldeirão, que recaiu nas costas do técnico Vanderlei Luxemburgo

Rio

Vindo de derrota de 2 a 1 para o Avaí e na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Esse é o Flamengo que muda o foco e encara o Náutico nesta quarta-feira, às 22h(de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela rodada de ida da terceira fase da Copa do Brasil.

O Rubro-Negro, que eliminou o Salgueiro-PE na etapa anterior ganhando por 2 a 0 na ida, o que descartou a necessidade do jogo de volta, entrará em campo pressionado. Isso porque o tropeço no Sul transformou a Gávea de vez em um caldeirão e recaiu nas costas do técnico Vanderlei Luxemburgo, que já foi demitido. Jayme de Almeida, auxiliar, assume o time interinamente.

Mudar o foco e pensar justamente na Copa do Brasil é o grande desafio que os jogadores do Flamengo terão nesta partida. Isso porque o ambiente carregado do Campeonato Brasileiro pode influenciar no torneio mata-mata.

– O Flamengo precisa agora pensar na partida contra o Náutico, pois estamos falando agora de uma outra competição, disputada no sistema de mata-mata e que um dia ruim pode custar todo o planejamento. Sabemos como a Copa do Brasil é importante para um clube como o nosso, que briga sempre para disputar a Copa Libertadores. Portanto, espero sinceramente que a gente consiga se concentrar na partida contra o Náutico, que não vai ser nada tranquila – disse o volante Márcio Araújo.

Se o Flamengo vem mal das pernas, o Náutico vive um momento completamente diferente. Na semana passada o time derrotou o Criciúma por 2 a 0 e se isolou na liderança da Série B do Campeonato Brasileiro, com nove pontos e sendo o único entre os vinte participantes a ter cem por cento de aproveitamento. Além disso, na própria Copa do Brasil não teve problemas para despachar o Jacuipense-BA, ganhando por 2 a 0 na ida e eliminando a partida de volta. A boa fase do representante pernambucano se tornou outro foco de preocupação entre os flamenguistas.

– Vamos enfrentar um rival de qualidade e que atravessa um grande momento. Não vai ser um jogo tranquilo e com todas aquelas peculiaridades da Copa do Brasil, que envolve fazer resultado em casa, não levar gol, enfim, será tudo complicado. Mas o Flamengo tem essa responsabilidade e consciência de que precisamos fazer um grande jogo e conseguir o resultado que esperam da gente – disse o goleiro Paulo Victor.

No Náutico o discurso visa minimizar o ambiente do Flamengo, já que ninguém se ilude com o mau momento do adversário.

– O Flamengo não está bem no Campeonato Brasileiro, mas tem elenco e treinador para reagir a qualquer momento. Portanto, não podemos nos iludir esperando qualquer tipo de facilidade no Rio de Janeiro. Vamos enfrentar um adversário que tem muita qualidade e uma torcida que faz o time crescer nesses momentos. Portanto, temos que ir em busca do jogo perfeito para levarmos a decisão para Pernambuco – avisou o goleiro Júlio César.

Em termos de escalação, Jayme de Almeida só deverá informar o time que vai a campo no vestiário, minutos antes do confronto. Mas é certa a ausência do meia Gabriel, que cumpre suspensão por ter sido expulso contra o Salgueiro. Paulinho deverá ser seu substituto, formando dupla de frente com Alecsandro e tornando o Rubro-Negro mais ofensivo do que foi visto no duelo contra o Avaí.

Já o Náutico terá mudanças em relação ao time que vem brilhando na Série B. O zagueiro Ronaldo Alves e o meia Hiltinho ficam de fora porque já defenderam outros clubes nesta Série B. Assim, Flávio joga na zaga e Pedro Carmona entra no meio-de-campo, já que Patrick Vieira segue vetado por conta de dores no pé esquerdo. O lateral-ésquerdo Gastón viajou ao Uruguai para resolver problemas particulares e se não retornar a tempo será substituído por Piauí. Na beira do campo o time será dirigido pelo auxiliar Levi Gomes, já que o técnico Lisca foi expulso contra o Jacuipense.

 

 

 

FLAMENGO-RJ X NÁUTICO-PE

 

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Horário: 22h(de Brasília)

Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (AL)

Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP) e Guilherme Dias Camilo (Fifa-MG)

FLAMENGO: Paulo Victor, Pará, Wallace, Bressan e Anderson Pico; Víctor Cáceres, Márcio Araújo, Héctor Canteros e Everton; Paulinho e Alecsandro

Técnico: Jayme de Almeida (Interino)

NÁUTICO: Júlio César, Guilherme, Flávio, Fabiano Eller e Gastón (Piauí); João Ananias, Marino, Pedro Carmona e William Magrão; Rogerinho e Douglas

Técnico: Lisca


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document