;
quarta-feira, 25 de novembro de 2020 - 18:56 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Flamengo domina o São Paulo mas só empata em Brasília

Flamengo domina o São Paulo mas só empata em Brasília

Matéria publicada em 19 de junho de 2016, 18:17 horas

 


Voo alto: Willian Arão subiu mais que todo mundo e fez o segundo do Flamengo no jogo (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo.com.br) 

Voo alto: Willian Arão subiu mais que todo mundo e fez o segundo do Flamengo no jogo (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo.com.br)

Brasília – O Flamengo dominou o São Paulo mas só conseguiu sair com o empate por 2 a 2, neste domingo do Estádio Mané Garrincha, em Brasília. O resultado manteve o time próximo do G-4, com 14 pontos a cinco do líder Palmeiras, com 19. Superior ao rival, o time carioca esteve várias vezes perto do triunfo, principalmente nos acréscimos, quando Alan Patrick teve a chance de marcar em um pênalti mas desperdiçou. O placar igual manteve o tricolor paulista à frente do Fla, na quinta posição, pelo saldo de gols.
O próximo jogo do Flamengo será na quarta-feira, contra o Santa Cruz, no estádio do Arruda. O São Paulo fará seu próximo jogo no Brasileirão na quinta-feira, diante do Sport, no estádio do Morumbi.

Primeiro tempo

Paulo Henrique Ganso não poderia ter voltado em melhor estilo ao São Paulo. Após integrar a delegação brasileira na Copa América Centenário, o armador precisou de 11 minutos para desequilibrar a favor do Tricolor. Próximo à linha do meio-campo, ele viu Calleri disparando para o ataque e tocou em velocidade. O argentino trombou com Márcio Araújo, prosseguiu livre de marcação para a área e tocou na saída de Alex Muralha para anotar o primeiro gol do jogo.
Apesar da vantagem, o São Paulo cessou as investidas ao ataque e sofreu para conter os avanços flamenguistas. O zagueiro Rodrigo Caio, que também voltou da Seleção Brasileira, teve atuação sofrível no primeiro tempo e permitiu o empate. Aos 22 minutos, Bruno se descuidou na marcação e deixou Everton livre na grande área. Ele cruzou à meia altura e Denis soltou a bola nos pés de Rodrigo Caio, que acabou empurrando para as próprias redes.
O São Paulo acusou o golpe. Aos 30 minutos, Alan Patrick finalizou com força de fora da área e exigiu defesa de Denis. Já aos 37, Felipe Vizeu se livrou facilmente da marcação de Rodrigo Caio e chutou fraco para o gol. Denis não conseguiu segurar e só não sofreu um perigo maior porque a zaga afastou. Nos acréscimos, Márcio Araújo concluiu mais uma vez de fora da área e exigiu outra intervenção do goleiro tricolor.

Segundo tempo

Como a defesa do São Paulo não se encontrava no jogo, o setor ofensivo atendeu aos pedidos da torcida e “tocou no Calleri”. Aos seis minutos do segundo tempo, Kelvin fez cruzamento da direita e encontrou o argentino no miolo da área. Ele subiu nas costas do zagueiro Réver e cabeceou fora do alcance de Alex Muralha.
Novamente em desvantagem, William Arão arriscou outro chute de fora da área, aos nove minutos, e Denis saltou para defender. Aos 13, no entanto, o goleiro são-paulino ficou estático após uma cabeçada de William Arão. Em falta cobrada da direita por Alan Patrick, o volante se descolou da marcação são-paulina e cabeceou à esquerda de Denis para igualar o placar pela segunda vez.
Irritado, Calleri recebeu dois cartões amarelos por reclamação e foi expulso de campo, aos 23 minutos. O técnico Edgardo Bauza, então, foi obrigado a colocar o lateral Mateus Caramelo no lugar de Kelvin. Por cansaço, Ganso também deixou o gramado para a entrada de Ytalo.
O Flamengo, aproveitando a superioridade numérica, passou a exercer pressão e acertou a trave esquerda de Denis, aos 34, com Fernandinho. Aos 39, Alan Patrick finalizou de novo de fora da área e Denis salvou o São Paulo da derrota. Quando a partida já parecia decidida, o árbitro apontou pênalti após Maicon dar um chute no rosto de Emerson Sheik. Alan Patrick foi para a cobrança, mas chutou para fora a chance de colocar o rubro-negro na frente.

Ficha técnica
Flamengo 2 X 2 São Paulo

Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data: 19 de junho de 2016, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (BA) e Guilherme Dias Camilo (MG)
Cartões amarelos: Marcelo Cirino (Flamengo); Kelvin, Calleri e Caramelo (São Paulo)
Cartão vermelho: Calleri (São Paulo)

GOLS:
Flamengo: Rodrigo Caio, contra, aos 22 minutos do primeiro tempo, e William Arão, aos 13 do segundo tempo
SÃO PAULO: Calleri, aos 11 minutos do primeiro tempo e aos seis do segundo tempo

Flamengo: Alex Muralha; Rodinei, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo, William Arão, Alan Patrick e Everton (Fernandinho); Marcelo Cirino (Gabriel) e Felipe Vizeu (Emerson Sheik)
Técnico: Zé Ricardo

São Paulo: Denis; Bruno (Alan Kardec), Maicon, Rodrigo Caio e Matheus Reis; João Schmidt, Artur, Kelvin (Mateus Caramelo), Paulo Henrique Ganso (Ytalo) e Michel Bastos; Calleri
Técnico: Edgardo Bauza


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document