quarta-feira, 23 de junho de 2021 - 06:11 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Flamengo e Boavista fazem confronto direto pela vaga

Flamengo e Boavista fazem confronto direto pela vaga

Matéria publicada em 8 de abril de 2016, 19:45 horas

 


Ambos estão fora da zona de classificação para as semifinais e um tropeço pode custar a eliminação

Meta: Flamengo tem obrigação de vencer para continuar na briga pela vaga na semifinal

Meta: Flamengo tem obrigação de vencer para continuar na briga pela vaga na semifinal

Volta Redonda – Sem vencer há seis jogos consecutivos e pressionado pelo mau desempenho o Flamengo encara o Boavista neste sábado, às 16h(de Brasília), no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, em duelo válido pela penúltima rodada da Taça Guanabara, segunda fase do Campeonato Carioca. Pela competição o jejum de triunfo dos flamenguistas é de quatro duelos e, após empate por 2 a 2 com o Botafogo, o time viu as chances de classificação se complicarem.

O Flamengo tem os mesmos seis pontos do Boavista, que vem de derrota de 2 a 1 para o Bangu. Ambos estão fora da zona de classificação para as semifinais e um tropeço pode custar a eliminação precoce e, no caso dos flamenguistas, render o passaporte para a crise.

– Sabemos que existe a necessidade de uma vitória e o Muricy Ramalho conversou muito com a gente sobre a importância dessa partida. O Flamengo sempre entra em campo precisando ganhar e por isso mesmo não chega a ser uma novidade. Os jogadores sabem que se ganharmos os dois jogos restantes teremos grandes chances de classificação e vamos em busca dos três pontos contra o Boavista – avisou o volante Willian Arão.

Os flamenguistas traçaram um paralelo em relação ao jogo com o Volta Redonda, onde foram derrotados por 1 a 0. O Voltaço, assim como o Boavista, são considerados os dois melhores times entre os de menor investimento.

– O Boavista vem com um time muito equilibrado e o que aconteceu contra o Volta Redonda tem que nos servir de lição. Não tenho a menor dúvida que vamos ter muitas dificuldades e por isso mesmo temos que seguir atacando o tempo inteiro, sem deixar o adversário respirar. Porém, é fundamental que isso venha acompanhado de um cuidado defensivo, pois em apenas uma bola eles podem definir a partida, que foi o que nos complicou diante do Volta Redonda. Precisamos demais do resultado positivo neste sábado e por isso mesmo não podemos cometer nenhum tipo de falha que venha a pesar contra o Flamengo – analisou o zagueiro Wallace.

Para este compromisso, o técnico Muricy Ramalho deve colocar a equipe novamente no 4-4-2, assim como iniciou o duelo contra o Botafogo, no último sábado. Como o Flamengo terá o retorno do meia argentino Federico Mancuello, afastado dos gramados desde 28 de fevereiro, por conta de uma lesão no joelho direito, Ederson deve ficar como opção no banco de reservas. Apesar de ter desmaiado na última segunda-feira após receber uma cotovelada involuntária de Pará no treino, o lateral-esquerdo Jorge foi liberado pelo departamnento médico e vai a campo.

Pelo lado do Boavista, o técnico Rodrigo Beckham cobra de seus comandados uma postura de quem pretende derrotar o Flamengo. O treinador entende que essa partida pode ser decisiva para a trajetória do representante da Região dos Lagos.

– O Boavista tem o desejo de buscar a vaga nas semifinais e sabemos que temos potencial para atingirmos esse objetivo, mesmo não sendo fácil. Se conseguirmos vencer o Flamengo podemos chegar na útlima rodada em condições de dependermos do nosso próprio resultado, o que seria fantástico. Portanto, falei com meus jogadores sobre a importância deles apresentarem uma postura vencedora, com atitude – disse Rodrigo Beckham.

O Boavista tem um desfalque na defesa para essa partida, uma vez que o zagueiro Victor foi advertido com o terceiro cartão amarelo na derrota para o Bangu e vai cumprir suspensão. Assim, Anderson Luiz ganha uma oportunidade entre os titulares e vai compor o setor com o experiente Luiz Alberto. O restante do time deverá ser o mesmo que duelou com os banguenses no fim de semana passado.

FLAMENGO X BOAVISTA

Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Horário: 16h(de Brasília)
Árbitro: Leonardo Garcia Cavaleiro (RJ)
Assistentes: Jackson Lourenço Massara dos Santos (RJ) e Diego Luiz Couto Barcelos (RJ)
FLAMENGO: Paulo Victor, Rodinei, Wallace, Juan e Jorge; Gustavo Cuéllar, Willian Arão, Federico Mancuello e Alan Patrick; Marcelo Cirino e Paolo Guerrero
Técnico: Muricy Ramalho
BOAVISTA: Vinícius, Léo Cunha, Anderson Luiz, Luiz Alberto e Davi; Douglas Pedroso, Júlio César, Romarinho e Matheus Paraná; Reinaldo e Leandrão
Técnico: Rodrigo Beckham


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document