quinta-feira, 20 de janeiro de 2022 - 02:30 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Fluminense perde, mas garante a vaga

Fluminense perde, mas garante a vaga

Matéria publicada em 10 de maio de 2017, 23:38 horas

 


Montevidéu – O Fluminense foi derrotado pelo Liverpool, do Uruguai, por a 1 a 0, mas garantiu a classificação para a próxima fase da Copa Sul-Americana, por ter vencido o jogo de ida por 2 a 0. A partida foi disputada na noite desta quarta-feira, no estádio Centenário, em Montevideu, e o próximo adversário do Tricolor das Laranjeiras será conhecido por sorteio. O Fluminense completou o quarto jogo seguido sem vitória.
O time carioca fez uma péssima exibição no primeiro tempo e colocou em risco a classificação, porque o Liverpool marcou um gol e desperdiçou várias chances para marcar. No segundo tempo, o time dirigido por Abel Braga subiu de produção e  poderia ter obtido um resultado melhor, mas o goleiro De Amores fez grandes defesas e impediu que o placar fosse modificado..
O jogo – O Fluminense iniciou a partida desconcentrado, enquanto o Liverpool partiu para o ataque a partir do apito inicial. Logo aos dois minutos, Henrique errou na saída de bola e Renato Chaves teve que se empenhar para bloquear o chute de Martinez. Logo depois, Sornoza também saiu jogando errado e Renato Chaves foi obrigado a derrubar Royon. Na cobrança, Almeida bateu colocado e assustou Cavalieri.
O Fluminense encontrava dificuldades para trocar passes e aos dez minutos, outro erro na saída de bola proporcionou novo ataque perigoso do time da casa. Royon se livrou de Renato Chaves e chutou para grande defesa de Diego Cavalieri.
Aos 13 minutos, o Liverpool marcou o primeiro gol. Toma lançou Royon que invadiu a área e tocou para Ramirez chutar e colocar nas redes, sem chances para Diego Cavalieri. O técnico Abel Braga tentava consertar o time com gritos, mas o Fluminense seguia errando demais. Aos 18 minutos, mas um ataque perigoso da equipe uruguaia, mas a defesa conseguiu desviar para escanteio o chute perigoso de Royon.
O Liverpool seguiu pressionando. Aos 27 minutos, após levantamento na área, a zaga tricolor não conseguiu cortar e a bola sobrou para Ramirez que chutou cruzado e Cavalieri desviou para escanteio.
Três minutos depois, Cavalieri teve que se esticar para salvar o Fluminense. O goleiro defendeu uma cabeçada perigosa de Ramirez que ia entrando no ângulo esquerdo. O goleiro tricolor voltou a aparecer bem aos 32, saindo com precisão para tirar a bola da cabeça de Royon.
Só depois dos 35 minutos é que a equipe dirigida por Abel Braga começou a segurar a bola e trocar passes para se aproximar da área uruguaia.  Aos 39, o goleiro De Amores fez a primeira defesa, em chute fraco de Henrique Dourado.
Os dois times voltam sem mudanças para o segundo tempo e o Fluminense começou pressionando. Aos dois minutos, Richarlison ganhou da zaga na corrida e chutou para boa defesa de De Amores. A resposta do Liverpool foi imediata. Ramirez investiu pela esquerda, ganhou Renato Chavez na corrida, e bateu cruzado, mas Diego Cavalieri defendeu com categoria.
O time brasileiro mostrava mais equilibrio em campo e aos nove minutos, quase chegou ao empate. Richarlison recebeu dentro da área e bateu forte, mas a bola explodiu no travessão.  Aos 16, foi a vez de Wellington Silva desperdiçar uma chance incrível para empatar. O atacante entrou na área e furou, na hora de concluir.
O Fluminense continuava dominando e teve novamente a chance de empatar aos 29 minutos, quando Henrique Dourado obrigou De Amores a fazer grande defesa. O goleiro uruguaio voltou a salvar sua meta em chute cruzado de Lucas.
Aos 33 minutos, De Amores fez uma defesa espetacular para desviar para escanteio um chute colocado de Richarlison. Logo depois, o goleiro do Liverpool voltou a brilhar em conclusão de Henrique Dourado.
Nos minutos finais, a partida ficou aberta, mas o placar não foi mais movimentado.
FICHA TÉCNICA
LIVERPOOL-URU 1 X 0 FLUMINENSE-BRA
Local: Estádio Centenário, em Montevidéu (Uruguai)
Data: 10 de maio de 2017 (Quarta-feira)
Horário: 21h45(de Brasília)
Árbitro: Juan Soto (Venezuela)
Assistentes: Luis Sánchez (Venezuela) e Tulio Moreno (Venezuela)
Cartão Amarelo: Cantera, Toma, Rodales, Mallo(Liv)/; Sornoza, Henrique Dourado, Diego Cavalieri(Flu)
Gol:
LIVERPOOL: Ramirez, aos 13 minutos do primeiro tempo
LIVERPOOL: De Amores, Rodales, Mallo, Platero e Christian Almeida; Toma(Viera),  Aprile, Martínez(Antunes) e Cantera(Garcia); Ramirez e Royon
Técnico: Alejandro Bertoldi
FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Lucas, Henrique, Renato Chaves e Leo; Jefferson Orejuela, Wendel e Junior Sonorza; Wellington Silva(Marcos Junior), Richarlison(Marquinho) e Henrique Dourado(Pedro)
Técnico: Abel Braga

Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document