>
quinta-feira, 19 de maio de 2022 - 15:34 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Internacional empata Fluminense e se complica na briga pelo G-4

Internacional empata Fluminense e se complica na briga pelo G-4

Matéria publicada em 28 de novembro de 2015, 23:52 horas

 


Rio –  O Internacional se complicou na briga pelo G-4 ao empatar por 1 a 1 com o Fluminense, neste sábado (28), no Maracanã. Mesmo com um jogador a mais por todo segundo tempo, os gaúchos levaram o gol e agora vão depender ainda mais de outros resultados para conquistar a vaga na Libertadores. Já os cariocas mostraram raça diante da torcida, pois não brigam por mais nada na competição.

Os visitantes foram melhores no primeiro tempo e foram para o intervalo a frente após gol de Vitinho, no início. No segundo tempo, já com dez jogadores, o Fluminense chegou ao empate, com Cícero, em cobrança de pênalti.

Na última rodada, o Internacional vai decidir seu futuro contra o Cruzeiro, no Beira-Rio. Já o Fluminense vai até Florianópolis para encarar o desesperado Figueirense, que briga contra a degola. Os dois jogos serão no próximo domingo.

O jogo

O Internacional não tomou conhecimento de estar fora de casa e partiu para cima do Fluminense no início da partida. Os gaúchos abriram o placar logo na primeira finalização do confronto, aos três minutos. Vitinho recebeu passe da entrada da área e finalizou sem chance para Diego Cavalieri.

Mesmo depois do gol, os visitantes seguiram melhores em campo. O Fluminense sofria com muitos desfalques e via o Internacional ter amplo domínio do jogo. Aos 16 minutos, os gaúchos quase marcaram o segundo no Maracanã. Vitinho tocou para Lisandro López na área e o argentino finalizou na trave esquerda de Diego Cavalieri.

Aos poucos, o Fluminense melhorou a marcação e o Internacional passou a ter dificuldade em criar boas chances de gol. Tanto que os gaúchos só assustaram aos 31 minutos, em falta cobrada por D’Alessandro.

O Fluminense tentou avançar, mas deixou espaços para o adversário. O Internacional desperdiçou outra oportunidade aos 35 minutos. Em contra-ataque rápido, William foi lançado na área, passou por um marcador, mas chutou por cima do travessão.

Nos minutos finais, a situação dos cariocas ficou ainda pior. Já nos acréscimos, Osvaldo recebeu o cartão vermelho direto ao cometer falta e dar um soco em Anderson. Com isso, o Internacional foi para o intervalo com vantagem no placar e no número de jogadores.

No segundo tempo, o Fluminense voltou melhor e equilibrou o confronto. Os tricolores criaram a primeira boa chance de gol, aos 15 minutos. Em cobrança de falta de Gustavo Scarpa. No minuto seguinte, os cariocas tiveram sua melhor oportunidade. Após cruzamento de Wellington Silva, Marcos Júnior cabeceou colocado, mas Muriel se esticou para salvar o Internacional.

Os sustos fizeram o Internacional acordar e voltar a dominar a partida. Com a vantagem numérica, os gaúchos puderam ter o controle da posse de bola. No entanto, os visitantes deram espaço para os contra-ataques e acabaram vendo o Fluminense empatar aos 28 minutos. Magno Alves foi derrubado na área por Vitinho e o árbitro marcou pênalti. Cícero cobrou com categoria, sem chance para Muriel.

A partir dai, os gaúchos foram com tudo para cima do Fluminense em busca do gol. Nos minutos finais, o Internacional desperdiçou duas chances. Primeiro, aos 42, Bruno Baio finalizou da pequena área, mas viu Diego Cavalieri salvar o Fluminense. Depois, o mesmo Bruno Baio cabeceou por cima do travessão. Os tricolores conseguiram suportar a pressão e saíram de campo com o empate.

 

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE-RJ 1 X 1 INTERNACIONAL-RS

 

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 28 de novembro de 2015 (Sábado)

Horário: 19h30(de Brasília)

Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)

Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (Fifa-BA) e Elicarlos Franco de Oliveira (BA)

Renda: R$ 231.990,00

Público: 6.645 pagantes

Cartões amarelos: Ayrton e Cícero (Fluminense); Artur, Nicolas Freitas, Vitinho e D’Alessandro (Internacional)

Cartão vermelho: Osvaldo (Fluminense)

 GOLS

FLUMINENSE: Cícero, aos 28min do segundo tempo

INTERNACIONAL: Vitinho, aos 3min do primeiro tempo

 

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Wellington Silva, Nogueira, Marlon e Ayrton (Léo Pelé); Edson, Cícero, Gustavo Scarpa e Marcos Junior (Lucas Gomes); Osvaldo e Wellington Paulista (Magno Alves)

Técnico: Eduardo Baptista

 

INTERNACIONAL: Muriel, William, Paulão, Ernando e Artur; Nicolás Freitas (Bertotto), Rodrigo Dourado, Anderson (Bruno Baio) e Andres D´Alessandro; Vitinho e Lisandro López (Taiberson)

Técnico: Argel Fucks

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document