sábado, 27 de novembro de 2021 - 21:23 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Palmeiras quer confirmar título contra Vasco em São Januário

Palmeiras quer confirmar título contra Vasco em São Januário

Matéria publicada em 24 de novembro de 2018, 20:00 horas

 


Vasco está em situação delicada no Campeonato Brasileiro

Rio- Um jogo que pode entrar para a história do Campeonato Brasileiro. Este é o desejo do Palmeiras, que visita o Vasco neste domingo, às 17h(de Brasília), em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), pela penúltima rodada da competição. Se vencer a partida o Verdão, líder com 74 pontos, cinco a mais que o segundo colocado Flamengo, sua única ameaça, vai garantir o caneco por antecipação.

O Palmeiras também pode dar a volta olímpica se tropeçar, mas, neste caso, dependeria de um tropeço do Flamengo. O time verde atravessa um grande momento, invicto desde julho no Brasileirão e embalado pela goleada de 4 a 0 sobre o América-MG no meio de semana, quando o Vasco, que derrotou o São Paulo por 2 a 0, chegou aos 42 pontos e respirou mais aliviado na luta contra o rebaixamento.

Ansiedade é algo que move as duas equipes. Os palmeirenses admitem que a espera pelo título é grande.

– A gente fica ansioso, é normal. Temos que tirar isso de letra, deixar de lado quando os jogos começarem. Precisamos somar pontos nesses dois jogos para conquistarmos o título. É manter a tranquilidade, a cabeça no lugar. Temos cinco pontos na frente do segundo colocado. Sabemos que o Flamengo é uma grande equipe, mas eles que têm que torcer contra a gente – disse o técnico do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari.

Os jogadores palmeirenses compartilham da mesma opinião.

– Temos que esquecer um pouco essa ansiedade pelo título, continuar fazendo o que a gente vem fazendo, porque domingo a gente tem mais um jogo muito difícil lá no Rio de Janeiro contra o Vasco e precisamos somar pontos – disse o atacante Dudu.

Ansiedade também é um problema no Vasco, dirigido por Alberto Valentim e que precisa de mais três pontos para afastar completamente o risco de queda.

– Nós conseguimos um grande resultado contra o São Paulo, que nos afastou um pouco da confusão. Mas sabemos que ainda existe muito a fazer. Precisamos somar pontos nos dois jogos finais para não dependermos dos demais. O Vasco é muito grande para estar nesta situação e por isso mesmo sempre vai buscar os melhores resultados. O nosso pensamento é o de fazer um grande jogo e tentar ganhar do Palmeiras, mesmo sendo o líder da competição – disse o meia Yago Pikachu.

Além de se afastar da degola, os vascaínos querem fechar o ano em alta e, para isso, nada melhor do que bater o líder.

– O Vasco tem jogadores que se entregam em campo na luta pela vitória, sem nenhuma vaidade, e por isso mesmo queremos fechar este ano com chave de ouro, pois passamos por muitas dificuldades ao longo da temporada – disse o meia Thiago Galhardo.

Em termos de escalação, Alberto Valentim, sem problemas de suspensão, vai repetir a escallação que venceu o São Paulo.

Para este compromisso o Palmeiras contará com o meia Gustavo Scarpa, que cumpriu suspensão contra o América, e volta a ficar à disposição. Ele pode reaparecer na vaga de Bruno Henrique, apesar deste ter se destacado diante do Coelho.

No primeiro turno do Campeonato Brasileiro as duas equipes se enfrentaram no Estádio Allianz Parque, em São Paulo (SP), e o Palmeiras ganhou por 1 a 0. Deyverson fez o único gol do confronto, que marcou a reestreia de Luiz Felipe Scolari à frente do Verdão.

FICHA TÉCNICA
VASCO-RJ X PALMEIRAS-SP

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 25 de novembro de 2018 (Domingo)
Horário: 17h(de Brasília)
Árbitro: Rafael Traci (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn (PR) e Rafael Trombeta (PR)

VASCO: Fernando Miguel, Luiz Gustavo, Werley, Leandro Castán e Henrique; Leandro Desábato, Andrey, Yago Pikachu e Thiago Galhardo; Kelvin e Maxi López
Técnico: Alberto Valentim

PALMEIRAS: Weverton; Mayke, Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luís; Thiago Santos, Bruno Henrique (Gustavo Scarpa), Lucas Lima; Willian; Dudu e Borja
Técnico: Luiz Felipe Scolari


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document