>
sexta-feira, 27 de maio de 2022 - 23:04 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Série B: Paysandu surpreende e vence o Vasco

Série B: Paysandu surpreende e vence o Vasco

Matéria publicada em 18 de junho de 2016, 18:45 horas

 


Derrota em São Januário foi a segunda no campeonato da equipe cruzmaltina, que mesmo com o revés, se mantém na liderança

Bem marcado, Nenê não conseguiu ser decisivo ao Vasco dessa vez (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Bem marcado, Nenê não conseguiu ser decisivo ao Vasco dessa vez (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Rio – O Vasco não perdia em São Januário desde 26 de julho do ano passado, quando foi derrotado pelo Palmeiras. A longa invencibilidade terminou na tarde deste sábado (18), quando a equipe cruzmaltina foi derrotada pelo Paysandu por 2 a 0. Mesmo perdendo, o Vasco manteve a liderança do Campeonato Brasileiro da série B com 22 pontos ganhos. O Paysandu agora ocupa a 13ª posição com 12 pontos ganhos. Jhonnatan marcou os dois gols da vitória da equipe paraense.
O resultado premiou a disciplina tática do Paysandu que soube marcar o time do Vasco e aproveitou os espaços concedidos pelo adversário, principalmente no segundo tempo, quando o técnico Jorginho substituiu os dois volantes por atacantes, mas não conseguiu seus objetivos. Ao final, os jogadores cariocas foram muito vaiados pela torcida.
Na próxima rodada, o Vasco vai visitar o Londrina, no estádio do Café; o Paysandu vai receber o Joinville, na Curuzu.

Primeiro tempo

Logo no primeiro minuto, a torcida do Vasco encontrou motivos para vibrar. Nenê bateu falta e a bola se chocou com a trave direita do Paysandu. Meio assustado, o time paraense encontrava dificuldades para organizar jogadas de ataque e, nos primeiros minutos, se preocupava mais em bloquear as investidas da equipe carioca. Aos cinco minutos, novamente Nenê infernizou a defesa do Paysandu, se livrando de dois marcadores, mas errou o passe para Thalles que investia livre pelo meio.
O Paysandu passou a marcar a saída de bola do Vasco, apertando os zagueiros e obrigado o goleiro Martin Silva a devolver a bola com chutões.
Aos 18 minutos, Andrezinho recebeu do lado esquerdo e fez ótimo lançamento para a entrada de Madson, pela direita. O lateral se livrou da marcação e bateu rasteiro, mas Emerson fez a defesa em dois tempos. Logo depois, Nenê foi derrubado na entrada da grande área. Andrezinho bateu, a bola desviou na barreira e encobriu o travessão.
O Paysandu conseguiu equilibrar as ações a partir dos 20 minutos. E apareceu na área cruz-maltina aos 25 minutos. Após lançamento do goleiro Emerson, Fabinho Alves tentou bater de primeira e encobriu o gol defendido por Martin Silva. Logo depois, Leandro Cearense cruzou e Rafael Costa cabeceou com perigo. O time paraense seguiu na pressão e, aos 29 minutos, Jhonnatan foi derrubado na entrada da área por Andrezinho. Rafael Costa fez a cobrança, a bola desviou na barreira e Martin Silva fez a defesa.
A equipe visitante seguia pressionando e criou outra boa chance aos 39 minutos, quando Leandro Cearense deu uma caneta em Luan, entrou na área, mas chutou errado, desperdiçando uma boa chance para marcar.

Segundo tempo

O Vasco voltou para o segundo tempo com uma formação mais ofensiva. O atacante Eder Luis entrou no lugar do volante Marcelo Mattos. E o time carioca começou dando trabalho aos zagueiros do Papão. Aos cinco minutos, Nenê foi lançado, se livrou de dois marcadores, mas Fernando Lombardi apareceu na cobertura para aliviar o perigo.
Aos oito minutos, o time dirigido por Jorginho criou nova chance em cabeçada de Eder Luis que foi bem defendida por Emerson. O goleiro paraense voltou a aparecer bem para rebater, de pé, um cruzamento na sua área.
O técnico Jorginho decidiu arriscar tudo e trocou o segundo volante por um atacante. William Oliveira saiu para a entrada de Caio Monteiro, enquanto Andrezinho passou a atuar mais recuado.
A partida ficou muito disputada porque o Paysandu tentava jogar de igual para igual. A partida ficou tensa porque as duas equipes dividiam os lances com muita intensidade, gerando faltas e reclamações.
Aos 34 minutos, o Paysandu marcou o primeiro gol. Edson Ratinho foi lançado pela direita e cruzou na cabeça de Jhonnatan que, inteiramente livre, cabeceou sem chances para Martin Silva.
Sem outra alternativa, o Vasco partiu para o ataque em busca do empate, mas acabou sofrendo o segundo gol aos 42 minutos. Após lançamento do goleiro Emerson, Alexandro desviou de cabeça e Jhonnatan penetrou livre, driblou Martin Silva e dividiu com Madson, para colocar a bola nas redes cruzmaltinas. Depois do segundo gol, metade da torcida foi embora e a outra metade ficou vaiando intensamente a equipe carioca.

Ficha técnica
Vasco 0 X 2 Paysandu-PA

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 18 de junho de 2016 (Sábado)
Horário: 16h30(de Brasília)
Árbitro: Charles Hebert Cavalcante Ferreira (AL)
Assistentes: Esdras Mariano de Lima Albuquerque (AL) e Pedro Jorge Santos de Araujo (AL)
Cartão Amarelo: Andrezinho, Rodrigo, Leandrão e Nenê(Vas); Rafael Costa, Fernando Lombardi(Pay)

VASCO: Martin Silva, Madson, Luan, Rodrigo e Julio Cesar; Marcelo Mattos(Eder Luis), William Oliveira(Caio Monteiro), Andrezinho e Nenê; Jorge Henrique e Thalles(Leandrão)
Técnico: Jorginho

PAYSANDU: Emerson, Edson Ratinho, Fernando Lombardi, Gilvan e Lucas; Ricardo Capanema, Augusto Recife, Jhonnatan e Rafael Costa(Domingues); Fabinho Alves(Raí) e Leandro Cearense(Alexandro)
Técnico: Gilmar Dal Pozzo


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

2 comentários

  1. Acabou a boa fase, agora o time alternará com jogos de vitórias e derrotas. Ou seja, sua campanha da qui para frente será de autos e baixos.

  2. Que falta ta fazendo riasco o time faz de tudo mais não sabe finalizar e as vezes a fominhagem de fazer gol também atrapalha, talles já foi bom agora tem que voltar para reserva esse tal de picachu e um perna de pau e fominha …..abre o olho Jorginho senão a série se tá te aguardando.

Untitled Document
close