quinta-feira, 21 de outubro de 2021 - 12:24 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Série B: Vasco estreia com goleada sobre o Sampaio Corrêa

Série B: Vasco estreia com goleada sobre o Sampaio Corrêa

Matéria publicada em 15 de maio de 2016, 06:38 horas

 


São Luís (MA) – O Vasco fez valer sua força e estreou com o pé direito na Série B do Campeonato Brasileiro. Os cruzmaltinos não tiveram dificuldade em golear por 4 a 0 o Sampaio Corrêa, neste sábado, no Castelão, em São Luís. Com o resultado, os cariocas seguem invictos na temporada e chegaram a marca de 27 jogos sem perder. O destaque da partida foi o meia Nenê, autor de três gols. Riascos também marcou no que pode ter sido sua despedida.

O Vasco dominou a partida desde os primeiros minutos. Os visitantes aproveitaram os espaços dados pelos donos da casa e abriram 2 a 0 no intervalo, com gols de Riascos e Nenê. No segundo tempo, os cruzmaltinos ainda marcaram mais dois, todos de Nenê.

Na próxima rodada, o Vasco vai receber o Tupi-MG, no próximo sábado, em São Januário. O Sampaio Corrêa entra em campo no mesmo dia, contra o Avaí, em Florianópolis.

O jogo – O Sampaio Corrêa tentou impor um ritmo forte no início da partida, mas viu o Vasco criar a primeira boa chance aos quatro minutos. Após saída de bola errada dos donos da casa, Nenê arriscou de fora da área e obrigou Rafael a fazer grande defesa.

O lance não mexeu com os maranhenses, que seguiram em busca do ataque. No entanto, o Vasco era mais organizado e chegou ao gol na segunda jogada, aos 13 minutos. Nenê cruzou pela direita para Riascos, livre, cabecear para a rede.

O revés foi sentido pelos donos da casa, que tentaram pressionar em busca do empate, mas acabaram sendo dominados pelo Vasco. Os cariocas aproveitaram os espaços dados pelo Sampaio Corrêa para ampliar o placar aos 24 minutos. Nenê tabelou com Riascos e tocou por cima de Rafael para fazer o segundo.

O Sampaio Corrêa só conseguiu criar sua primeira boa chance de gol aos 26 minutos. Arlindo Maracanã ficou com a bola pela esquerda, passou por um marcador e chutou para boa defesa de Martín Silva. Depois, foi a vez de Edgar aproveitar cruzamento, mas cabecear próximo a trave.

Os donos da casa viram os cruzmaltinos diminuírem o ritmo e passaram a criar diversas chances de marcar. Na melhor delas, Pimentinha aproveitou saída de bola errada de Martín Silva para finalizar. No entanto, o uruguaio se recuperou e salvou os vascaínos.

Na parte final, o Vasco equilibrou as ações e passou a impedir os avanços do Sampaio Corrêa. Com isso, o duelo ficou concentrado entre as áreas e os cruzmaltinos foram para o intervalo com boa vantagem no marcador no Castelão.

No segundo tempo, o Vasco voltou mais ligado e desperdiçou uma série de chances antes dos cinco minutos. Primeiro, Madson cruzou para Nenê. O meia finalizou para boa defesa de Rafael. Depois, foi a vez de Yago Pikachu aproveitar cruzamento e cabecear para grande defesa do goleiro maranhense. Por fim, Rafael Vaz recebeu passe na área, mas chutou por cima do travessão.

O Sampaio Corrêa abusava dos erros defensivos e seguia dando espaços aos cruzmaltinos. Tanto que aos 12 minutos, Yago Pikachu recebeu a bola na área e chutou cruzado na trave de Rafael. Os donos da casa só foram criar uma chance aos 14, com Edgar. O atacante fez boa jogada individual e acertou a rede pelo lado de fora.

Após o susto, os cariocas melhoraram a marcação e não desperdiçaram nova chance. Aos 17 minutos, Andrezinho entrou na área e tocou para Nenê apenas empurrar para a rede para fazer seu segundo no jogo e o terceiro do Vasco.

Depois disso, os vascaínos recuaram e permitiram os avanços do Sampaio Corrêa, que teve grande chance de marcar aos 27 minutos. Carlos Alberto recebeu na área e tocou na saída de Martín Silva. A bola chegou em Edgar, que tocou para o gol, mas viu Rodrigo se esticar para salvar em cima da linha.

O lance animou o Sampaio Corrêa, que passou a pressionar em busca do gol de honra. Tanto que aos 31 minutos, Edgar chutou colocado, mas acertou a trave de Martín Silva, que ainda tocou na bola.

Após desperdiçar algumas chances, o Sampaio Corrêa acabou sendo punido aos 35 minutos. Em contra-ataque rápido, Riascos foi lançado e tentou encobrir Rafael. O goleiro desviou a bola, que sobrou para Nenê. O meia só teve o trabalho de dominar e tocar para a rede.

Nos minutos finais, o Vasco apenas administrou o resultado e procurou impedir os ataques do Sampaio Corrêa. A torcida presente no Castelão ainda teve a chance de criar olé antes do apito final.

FICHA TÉCNICA
SAMPAIO CORRÊA-MA 0 X 4 VASCO-RJ

Local: Estádio Castelão, em São Luís (MA)
Data: 14 de maio de 2016 (Sábado)
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Claudio Francisco Lima e Silva (SE)
Assistentes: Marcio Gleidson Correia Dias (PA) e Vaneide Vieira de Gois (SE)
Cartões amarelos: Léo Rodrigues (Sampaio Corrêa); Yago Pikachu e Nenê (Vasco)
GOLS
VASCO: Riascos, aos 13min do primeiro tempo; Nenê, aos 24in do primeiro tempo e 17 e 35min do segundo tempo

SAMPAIO CORRÊA: Rafael, Léo Rodrigues, Mimica (Eli Sabiá), Luiz Otávio e Guilherme Santos; Diego Lorenzi, Daniel Barros, Arlindo Maracanã (Carlos Alberto) e Pedrinho; Edgar e Pimentinha (Daniel Amora)
Técnico: Petkovic

VASCO: Martin Silva, Madson, Jomar (Rafael Vaz), Rodrigo (Aislan) e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Julio dos Santos (Yago Pikachu), Andrezinho e Nenê; Jorge Henrique e Duvir Riascos
Técnico: Jorginho

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document