quinta-feira, 14 de novembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Surfe: Final é cancelada após ataque de tubarão a Fanning

Surfe: Final é cancelada após ataque de tubarão a Fanning

Matéria publicada em 19 de julho de 2015, 12:43 horas

 


Jeffreys Bay- A Liga Mundial de Surfe (WSL) cancelou a final da etapa de Jeffreys Bay do Circuito Mundial da modalidade (WCT) por causa de um ataque de tubarão ao australiano Mick Fanning na decisão contra seu compatriota Julian Wilson. O incidente ocorreu neste domingo com menos de quatro minutos de bateria disputados.
Foi a primeira vez na história que um ataque de tubarão foi registrado durante uma disputa do WCT, elite do surfe mundial. Fanning estava sentado em sua prancha com menos de quatro minutos de bateria quando foi atacado por um tubarão, que não conseguiu atingi-lo, mas cortou o leash, corda que mantém a prancha presa ao pé do surfista.
O australiano, tricampeão mundial, se desvencilhou, utilizou a prancha para se proteger e nadou para longe da área de ataque. Rapidamente, ele foi socorrido pela equipe de apoio do WCT de Jeffreys Bay, que também precisou tirar da água Julian Wilson e os fotógrafos. Segundo o brasileiro Renato Hickel, diretor da WSL, eram dois animais.
– Somos incrivelmente gratos que ninguém se feriu hoje. A reação de Mick em uma situação assustadora foi heroica. A segurança de nossos atletas é uma prioridade e após discussões com os dois finalistas decidimos cancelar o restante da competição – disse em nota oficial o diretor-executivo da WSL, Paul Speaker.
Assim, Mick Fanning e Julian Wilson dividem os 18.000 pontos do ranking que seriam disputados na final – 10.000 para o campeão e 8.000 para o vice.
– Eu tive o instinto de que tinha alguma coisa atrás de mim, ele bateu na minha prancha e de repente estava ali do meu lado. Senti como se tivesse sido chutado, acho que dei dois socos para me livrar. Não posso acreditar. Estou inteiro, não tem nada de errado comigo. Ainda estou delirando – disse Fanning, claramente abalado, já fora da água.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document