segunda-feira, 22 de outubro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Vasco derrota o Vila Nova na Copa do Brasil

Vasco derrota o Vila Nova na Copa do Brasil

Matéria publicada em 1 de março de 2017, 23:47 horas

 


Goiânia – Mesmo sem realizar uma boa atuação, o Vasco garantiu a vaga para a próxima etapa da Copa do Brasil ao derrotar o Vila Nova por 2 a 1, em partida disputada na noite desta quarta-feira (1º), no Serra Dourada, em Goiânia. Na terceira fase da competição nacional, o time de São Januário vai enfrentar o Vitória, da Bahia.

O jogo foi marcado por muita luta e pouca inspiração por parte das duas equipes. O Vila fez uma marcação muito forte sobre a equipe carioca, mas quando tudo indicava que a classificação seria decidida nos pênaltis, uma falha grotesca do zagueiro Brunão permitiu que Wagner marcasse o gol da vitória. O Vasco tinha saído na frente com Thalles e o Vila empatou com Wallyson, cobrando uma penalidade máxima.

Primeiro tempo

O primeiro tempo começou morno com as duas equipes errando muitos passes e pouco criando em termos ofensivos. O Vasco tentava ficar mais tempo com a bola, mas não conseguia criar jogadas ofensivas, enquanto o Vila Nova apenas se preocupava em impedir que o time carioca chegasse à sua área.

Mesmo sem jogar bem, o Vasco saiu na frente aos 15 minutos. Henrique cruzou da esquerda e Thalles pegou de primeira, de canhota. A bola ainda tocou no travessão antes de entrar.

Em desvantagem, o Vila tentou adiantar a equipe para buscar o gol do empate e quase alcançou o objetivo aos 20 quando, em falta bem cobrada por Wallyson, mas Martín Silva fez grande defesa e evitou que a igualdade fosse alcançada.

O time dirigido por Mazola Júnior se animou e aumentou a pressão em busca do empate. Aos 31 minutos, após pressão do Vila Nova, a bola bateu no braço de Gilberto em cruzamento de Brunão. O árbitro marcou pênalti e Wallyson bateu forte para deixar tudo igual.

O time carioca tentou responder com um chute longo de Douglas que desviou na cabeça de Thalles e quase surpreendeu o goleiro Wendell, mas a bola saiu. Aos 37 minutos foi a vez de o zagueiro Alemão assustar o goleiro Wendell ao desviar de cabeça um cruzamento na área goiana. A bola passou perto do travessão.

O time dirigido por Cristóvão Borges se comportava melhor em campo e voltou a ameaçar, aos 42 minutos, em chute forte do volante Jean.

Segundo tempo

Os dois times voltaram sem modificações para o segundo tempo e com o mesmo panorama. O Vila Nova tentava marcar o adversário por todo o campo, enquanto o Vasco procurava sair com toques rápidos, mas não conseguia atuar com objetividade.

Aos sete minutos, Douglas arriscou, de fora da área, mas mandou a bola para fora.

O Vila respondeu com cobrança de falta executada por Wallyson, mas a bola subiu demais. Cristóvão tentou aumentar a movimentação da equipe, trocando Gilberto e Andrezinho por Yago Pikachu e Escudero.
Aos 18 minutos, Moisés bateu no canto direito e Martín Silva mostrou toda a sua agilidade para espalmar a bola para o lado e aliviar o perigo na área carioca.

Apesar do grande incentivo da torcida goiana, o ritmo da partida caiu muito com os dois times errando muitos passes e cometendo muitas faltas, trucando as ações.

O Vila Nova criou uma chance aos 35 minutos quando Jean derrubou Billy na intermediária, mas a cobrança de Wallyson não levou o menor perigo.
Aos 39 minutos, o Vasco marcou o segundo gol. Após cruzamento na área, o zagueiro Brunão cabeceou errado e mandou a bola para Wagner que, livre na pequena área, meteu a cabeça para colocar a bola nas redes.

No último lance do jogo, Guilherme Costa fez grande jogada e tocou para Pikachu, mas o goleiro Wendell fechou o ângulo e impediu o terceiro gol da equipe carioca.

FICHA TÉCNICA
VILA NOVA-GO 1 X 2 VASCO

Local: estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 1º de março de 2017, quarta-feira
Hora: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Elio Nepomuceno de Andrade e Leirson Peng Martins (ambos do RS)
Cartão Amarelo: Everton, Alemão(Vila);Thalles, Gilberto, Henrique, Jean(Vas);
Gols:
VILA NOVA: Wallyson, aos 31 minutos do primeiro tempo
VASCO: Thalles, aos 15 minutos do primeiro tempo; Wagner, aos 39 minutos do segundo tempo.

VILA NOVA: Wendell; Wesley Matos, Brunão e Alemão; Maguinho, Fagner, Billy, Everton(Marcos Serrato) e Jonathan(Patrick Leonardo): Moisés(Hiroshi) e Wallyson
Técnico: Mazola Júnior

VASCO: Martín Silva, Gilberto(Yago Pikachu), Luan, Rodrigo e Henrique; Jean, Douglas, Andrezinho(Escudero) e Wagner; Kelvin(Guilherme Costa) e Thalles
Técnico: Cristóvão Borges


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document