quinta-feira, 13 de maio de 2021 - 16:42 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Vasco tenta manter foco no Remo antes de final

Vasco tenta manter foco no Remo antes de final

Matéria publicada em 25 de abril de 2016, 17:52 horas

 


Eurico Miranda deixou claro que a Copa do Brasil tem que ser uma prioridade, o Brasileirão do clube em 2016

Decide: Jorginho e Zinho vão analisar possibilidade de poupar jogadores na quarta

Decide: Jorginho e Zinho vão analisar possibilidade de poupar jogadores na quarta

Rio – Passada a vitória de 2 a 0 sobre o Flamengo, o Vasco já projeta a final do Campeonato Carioca, nos próximos dois domingos, contra o Botafogo. Porém, antes disso o time vai entrar em campo para um confronto importante contra o Remo-PA às 21h45 (de Brasília), em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), pela rodada de volta da primeira fase da Copa do Brasil. O grande desafio, portanto, passa a ser não perder o foco no representante paraense, para evitar assim uma surpresa desagradável.

Como o Vasco vai disputar a Série B do Campeonato Brasileiro esse ano, o presidente Eurico Miranda deixou claro que a Copa do Brasil tem que ser uma prioridade, o “Brasileirão” do clube em 2016. Administrar essas questões em uma semana de decisão é algo importante para que o técnico Jorginho evite ser surpreendido e entre com moral baixa na grande decisão do Campeonato Estadual.

– O jogo contra o Remo é muito importante e com certeza vamos mandar a campo uma equipe que tenha condições de confirmar a nossa classificação. Logicamente que vamos dar uma segurada se for possível, pois a viagem a Manaus foi muito desgastante e tivemos um clássico muito disputado contra o Flamengo e depois teremos dois duelos desgastantes contra o Botafogo. Mas vamos projetar a classificação, conforme não poderia deixar de ser – disse Jorginho, deixando claro que cogita a possibilidade, inclusive, de preservar alguns titulares, pelo menos os que derem mais sinais de desgaste.

O goleiro Martin Silva, que pela posição deverá ser um dos titulares na quarta-feira mesmo que o treinador faça a opção por preservar os titulares, entende que o Vasco deve ter tranquilidade no jogo desta quarta-feira. Para ele o nfoco no Botafogo deve ficar para quinta-feira.

– Sabemos que a final é muito importante, m,as temos um jogo não menos importante na quarta-feira e contra um rival que é perigoso. O Remo mostrou que tem qualidade na partida de ida e por isso mesmo vamos precisar trabalhar com muita seriedade este confronto. Independentemente de quem esteja em campo o Vasco tem condições de se impor como mandante e garantir a classificação, que é a nossa prioridade até quarta-feira – disse o arqueiro.

Como o treino desta segunda-feira foi regenerativo, apenas na manhã desta terça-feira que Jorginho vai definir os titulares para o duelo contra o Remo. Como venceu o confronto de ida por 1 a 0, no Pará, o Vasco tem a vantagem de poder empatar para passar de fase. Aos paraenses resta devolver o 1 a 0 e forçar a disputa de pênaltis ou ganhar por qualquer outro marcador para se garantir na segunda etapa. Os tentos anotados como visitante valem para critério de desempate.

Resultado exaltado

Chegar à final do Campeonato Carioca sempre é motivo de alegria, ainda mais quando se bate um rival do tamanho do Flamengo. Foi isso que o Vasco fez neste domingo, na Arena Amazônia, pela disputa da semifinal da competição. Os meias Andrezinho e Nenê, decisivos no clássico, fizeram questão de exaltar o feito dos cruzmaltinos.

– Nós sabemos o que significa disputar um clássico desses. É o que vale para o nosso presidente, para o nosso grupo e para a nossa torcida -, avaliou o camisa 7, autor do primeiro gol vascaíno no duelo contra o Rubro-negro.

– Queremos ficar marcados na história do Vasco, e precisamos conquistar títulos para isso. Mas a nossa história de reconstrução com um time que foi rebaixado é muito legal -, afirmou em entrevista à rádio Tupi.

Já Nenê preferiu destacar o ambiente do clube e garantiu que a vontade do grupo prevaleceu no clássico deste domingo. Ele disse que respeita o Flamengo como grande equipe, mas que o time do Vasco sempre acredita mais nele. E por isso, consegue os bons resultados.

– Todo mundo junto, todo mundo unido. Às vezes não vai na qualidade, mas vai na raça.

Agora, o Vasco terá a semana toda para treinar antes de encarar o Botafogo, que garantiu a vaga na decisão após bater o Fluminense, também neste domingo, por 1 a 0.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document