terça-feira, 15 de junho de 2021 - 14:03 h

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Voltaço joga no limite pela classificação

Voltaço joga no limite pela classificação

Matéria publicada em 20 de fevereiro de 2016, 21:48 horas

 


Ultrapassa: Voltaço tem parada difícil logo mais diante do Boavista

Ultrapassa: Voltaço tem parada difícil logo mais diante do Boavista (Foto: Paulo Dimas)

Volta Redonda – Calor intenso, necessidade de vitória, equilíbrio nos confrontos e experiência dos protagonistas. Estes são os ingredientes para o confronto deste domingo, em Bacaxá, entre Boavista x Volta Redonda, às 16 horas. As duas equipes lutam pelo mesmo objetivo: avançar à próxima fase do Campeonato Estadual e até sonhar com as finais do certame.

O Boavista leva certa vantagem em pontos, pois está entre os primeiros do grupo A e com a classificação encaminhada, dependendo somente das suas forças. Ao contrário do time da Cidade do Aço, que largou muito bem vencendo o Fluminense, mas vacilou nos confrontos com Vasco e nos empates de 1 a 1 com o Resende e 2 a 2 com a Portuguesa.

A vitória do América sobre o Bangu aumentou a pressão sobre o tricolor de aço, que precisa pontuar nos quatro jogos que restam para alcançar a vaga entre os quatro primeiros de cada chave. Só assim avança para a fase decisiva do estadual.

Os técnicos Felipe Surian (Volta Redonda) e Rodrigo Beckham (Boavista) sabem que os seus times precisam da vitória e optaram pela manutenção dos mesmos jogadores que vinham atuando. Isso mesmo com o treinador do Voltaço tendo no banco de reservas jogadores como Hugo, Rafael Pernão e Lopes como armas para o segundo tempo.

Retrospecto

Em campo a vantagem no confronto é do Volta Redonda, que tem cinco vitórias, sete empates e somente três derrotas em 15 confrontos entre 2004/2015. A maior goleada aconteceu em 2007, em Bacaxá, quando o Voltaço venceu por 5 a 1, com três gols de Fábio. Nas três vitórias do Boavista a diferença foi de um gol: 3 a 2 em 2008, 1 a 0 em 2011 e 1 a 0 em 2014. Detalhe: o último jogo foi realizado no Estádio Eucy Rezende, em Bacaxá, pela Taça Guanabara de 2015, e terminou em 0 a 0 .

Volta Redonda e Boavista foram adversários na decisão do Campeonato Estadual da segunda divisão, em 31 de julho de 2004, quando o Estádio da Cidadania recebeu o maior público da sua história, com 22 mil pessoas. O jogo classificou o Volta Redonda para a primeira divisão e mais de dois mil torcedores ficaram do lado de fora sem ingressos.

 

 

 

Boavista x Volta Redonda
Local: Estádio Eucy Resende – Bacaxá
Hora: 16:00
Juiz: João Batista de Arruda
Boavista: Vinicius; Thiaguinho, Anderson Luiz, Vitor e Davi; Douglas Pedroso, Julio César, Romarinho e Guilherme Costa: Matheus Paraná e Leandrão. Técnico: Rodrigo Beckham
Volta Redonda: Mota; Marrone, Mailson, Luan e  Cristiano; Bruno Barra, Marcelo, Dja Baiano e Vinicius Pacheco; Niltinho e Tiago Amaral. Técnico; Felipe Surian


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

6 comentários

  1. VOLTAÇOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

    VAI COM FÉ RAPAZIADA, GARRA, DETERMINAÇÃO, CONFIANÇA, VOCÊS SÃO OS MELHORES DO ESTADUAL, QUE TAL ACREDITAR E MOVER AS MONTANHAS? MUITO BOA SORTE. PÉ NO CHÃO, BOLA NA REDE ADVERSÁRIA E CABEÇA NA VITÓRIA, IMAGINEM-SE COM AS TAÇAS NA MÃOS.

  2. Cala a boca burro!

  3. Vamos jogar com raça…Vamos vencer

  4. Torcedor de Ouro RESENDE

    Sem chance de classificação…..

Untitled Document